FOTO CAPA

A BASE SEMPRE SALVA, MAS PRECISA TER PACIÊNCIA

Publicado às 07h00 desta terça-feira, 24 de julho de 2018.
Circula pelos corredores da Vila Belmiro que outra mudança no comando técnico do Santos pode acontecer.O Blog do ADEMIR QUINTINO apurou que em caso de derrota e possibilidade remota de classificação a próxima fase do  Brasileiro sub-20, à partir da próxima rodada, o técnico Rodrigo Leitão, conhecidíssimo no país por belos trabalhos na base em outros clubes, pode deixar o posto.

Leitão assumiu como treinador da categoria apenas na segunda quinzena de abril, em substituição a Aarão Alves. 

Rodrigo tem passagens vitoriosas como treinador no SCCP, Desportivo Brasil e Paulista de Jundiaí, além de ótimos trabalhos na coordenação das categorias de base da Ponte Preta e do time de Parque São Jorge. O treinador é detentor de 18 títulos no futebol de base, além de 5 internacionais.

Não sou o dono da verdade e nem tenho a pretensão, mas penso que o técnico só poderá ter seu trabalho avaliado após a Copa São Paulo, no começo de 2019. 

O comandante da última categoria de base antes do jogador ir para o profissional, não começou o trabalho desde o começo do ano. Ele não teve condições de desenvolvê-lo em menos de 100 dias e se a notícia for confirmada, vai contra a maré do tempo em que a direção alvinegra deu a Jair Ventura, por exemplo, no comando do time principal, além do que, nenhum treinador do mundo realizará um trabalho satisfatório em tão pouco tempo.

O principal objetivo da base é revelar. Vejam Neymar e Robinho, por exemplo, que não tiveram títulos significativos na base santista e geraram ganho técnico e financeiro ao clube. Rodrygo, o rayo da vila é outro exemplo. Não disputará Taça São Paulo, jogou apenas um campeonato sub-17 e rendeu ao clube mais de 40 milhões de euros (R$ 180 milhões de reais), na maior transação da história nas Américas e que apesar de Jair Ventura querer louros da venda, o menino da  Vila foi lapidado pelo técnico Luciano Santos que trabalhou por seis anos com o jovem e guindado aos profissionais por Elano.

Uma nova mudança no comando técnico, no mesmo ano, caso efetivamente ela aconteça, eu classifico como precoce. Precisa dar tempo ao profissional que se mostra muito capaz, com um curriculum invejável para desenvolver o seu trabalho. O planejamento a médio e longo prazo é mais do que necessário nesse momento.

Leitão dirigiu o time apenas em parte do Paulista da categoria, quando o clube caiu pelo segundo ano seguido na primeira fase. Ele não comandou a equipe na eliminação da Copa do Brasil. No Campeonato Brasileiro da categoria, o alvinegro jogou duas vezes com uma vitória fora de casa diante do Flamengo e uma derrota na Vila para o Figueirense, mesmo algoz da eliminação da Copa do Brasil no começo do ano.

Nesta quarta-feira (25), o Peixe volta a campo diante do Internacional-RS, em Porto Alegre, às 15h. A equipe ocupa a terceira colocação do grupo D. Além do Colorado, a chave tem Flamengo, Atlético-PR e Figueirense-SC. 

TAÇA BH

Os meninos do técnico Luciano Santos se classificaram na tarde desta segunda-feira (23) para as quartas de finais da Taça BH sub-17 ao vencerem o Criciúma por 2 a 1, com dois gols do zagueiro Kaíque Rocha. 

Nesta quarta-feira (25), o Santos tem novo desafio diante do Atlético-MG. O vencedor vai a semifinal da competição.

strutura.com.br

 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by