FOTO CAPA

ROBINHO FORA POR DUAS SEMANAS

Postado às 16h21 desta quinta-feira, 21 de agosto de 2014.
O time do Santos vai ter uma baixa e tanto no clássico de domingo (24) contra o São Paulo no estádio do Morumbi. O atacante Robinho que deixou o gramado lesionado na última quarta-feira (20) , na vitória contra o Atlético-PR por 2 a 0, realizou ressonância magnética que detectou um estiramento muscular no posterior da coxa direita. O jogador já iniciou tratamento intensivo, que será realizado em três períodos com os fisioterapeutas do Cepraf (Centro de Excelência em Prevenção e Recuperação de Atletas de Futebol), do CT Rei Pelé.

O camisa 7 não realizou pré-temporada com o Milan-ITA e jogou 4 partidas em 10 dias desde que retornou ao Santos.

Pelo que o Blog do ADEMIR QUINTINO apurou, a previsão otimista é de que Robinho retorne na partida de volta das oitavas de final da Copa do Brasil contra o Grêmio, no estádio da Vila Belmiro, dia 3 de setembro. Com isso, o Rei das pedaladas deve desfalcar o alvinegro contra o São Paulo, Grêmio (jogo de ida - dia 28) e Botafogo-RJ (31).

Para a vaga do Rei das Pedaladas no clássico de domingo, Gabriel que volta da Seleção Brasileira sub-20 deve ser o escolhido. 

Novo manto

Clique na foto abaixo e adquira o novo uniforme número 1 do Peixe.





                                                 
Leia Mais »

"É BOM DEMAIS"

Postado às 23h42 desta quarta-feira, 20 de agosto de 2014.
O Santos quebrou três incômodos jejuns ao vencer na noite desta quarta-feira (20), o Atlético-PR pelo placar de 2 a 0. Os comandados de Oswaldo de Oliveira interromperam uma sequência de três derrotas no Brasileiro;  o time voltou a balançar as redes após mais de 300 minutos sem marcar na competição nacional e foram os primeiros três pontos contra um adversário que está entre os dez primeiros do Campeonato. Pelo menos até esta quinta-feira (onde terá a complementação da rodada), o alvinegro pulou para sétimo lugar.



Mesmo com sem Robinho, que sofreu uma lesão ainda no primeiro tempo, o alvinegro venceu com gols de Leandro Damião, que não marcava desde 30 de março no 3 a 2 sobre o Penapolense, e Thiago Ribeiro – que não balançava as redes adversárias desde 15 de Maio, na vitória sobre o Princesa de Solimões pela Copa do Brasil. 

A partida foi dura para o Peixe. O Atlético não se limitou a jogar no contra-ataque e também saiu pro jogo. E ficou mais difícil após Robinho sair com uma lesão na parte posterior da coxa direita. Segundo o treinador santista a situação do Rei das Pedaladas não parece grave, mas nesta quinta-feira, ele será examinado com mais cuidado. Rildo foi o substituto do camisa 7.

Com o time paranaense "deitando" nas costas de Mena, o Peixe parecia que seria uma presa fácil para o time comandado por Doriva. Porém, após boa jogada de Cicinho, Leandro Damião fez as pazes com a rede e marcou o seu primeiro gol no Campeonato Brasileiro no fim do primeiro tempo.
"Pô, Ademir é bom demais né (voltar a fazer gol), mas o importante é o time vencer" disse o camisa nove na saída do gramado durante o intervalo.


Como não existe nada tão bom, que não possa ficar ainda melhor; o Peixe ampliou com outro jogador que também não marcava gols há muito tempo e a exemplo de Leandro Damião, marcou pela primeira vez neste Campeonato Brasileiro. Mena foi a linha de fundo e cruzou perfeito na cabeça de Thiago Ribeiro que ampliou e fechou o placar.

No último lance da partida, David Braz cometeu pênalti, mas como a noite era alvinegra, o atacante Marcelno Cirino chutou no travessão de Aranha.


No domingo (24), no estádio do Morumbi às 16 horas, o Santos visita o São Paulo. Para o clássico, Gabriel retorna da Seleção Brasileira sub-20 e deve ficar a disposição. Robinho é a maior dúvida do Peixe. Bruno Uvini, pelo que o Blog do ADEMIR QUINTINO apurou, deve ficar de 30 a 40 dias após a intervenção cirúrgica na face, como desfalque.

FICHA TÉCNICA
SANTOS 2 x 0 ATLÉTICO-PR
Árbitro: Igor Junio Benevenuto (MG)
Público e Renda:4.612/R$ 129, 285,00
Gols: Leandro Damião (44'/1ºT) e Thiago Ribeiro (21'/2ºT)
Cartão Amarelo: Léo Pereira e Dráusio (Atlético-PR)
SANTOS: Aranha, Cicinho, Edu Dracena, David Braz e Mena; Alison, Arouca e Lucas Lima; Robinho (Rildo 30'/1ºT), Thiago Ribeiro (Stéfano Yuri 44'/2ºT) e Leandro Damião (Souza, 39'/2ºT). Técnico: Oswaldo de Oliveira.
ATLÉTICO-PR: Weverton, Sueliton, Dráusio, Léo Pereira e Natanael; Deivid, João Paulo (Otávio 32'/2ºT), Bady (Dellatorre 29'/2ºT) e Marcos Guilherme (Douglas coutinho intervalo); Marcelo e Cléo. Técnico: Doriva

NOTAS DOS JOGADORES DO SANTOS

Aranha: Duas boas defesas e estrela no pênalti perdido por Marcelo - 6,5
Cicinho: Bela assistência para Leandro Damião no primeiro gol. Foi o Cicinho que o torcedor espera. Bem na marcação e otimo no apoio - 7,0 
Edu Dracena: Perfeito nos desarmes por baixo e bem na bola aérea - 7,0
David Braz: Fez uma partida satisfatória, porém, cometeu um pênalti desnecessário - 5,5
Mena: Sofreu para marcar Marcelo (e não conseguiu). Ótima assistência para o gol de Thiago Ribeiro - 6,0
Alison: Jogador que não aparece (quando não leva cartão) para a torcida, mas extremamente eficiente na proteção a frente da zaga - 6,0
Arouca: O segundo gol santista começou nos seus pés. Primeiro tempo discreto. Na etapa complementar foi bem mais participativo - 6,5
Lucas Lima: O melhor preparo físico disparado do time. Responsável pela armação, ainda marca a saída de bola e ajuda a conter o lateral-direito adversário, já que Robinho não volta para marcar - 7,0 
Robinho: Só jogou 30 minutos. Saiu contundido e preocupa. Era o melhor jogador (como de costume) quando deixou o gramado - 6,5 
(Rildo): Não tem a mesma qualidade, mas manteve a mesma agressividade do seu antecessor - 6,0
Thiago Ribeiro: Boa movimentação e conseguiu se divorciar da má fase - 7,0
(Stéfano Yuri): Jogou pouco - SEM NOTA
Leandro Damião: Não é o centroavante de técnica apurada, mas vai aos poucos deixando a má fase de lado. Brigador, foi eficiente. Deu uma ótima assistência para Rildo (que desperdiçou) no segundo tempo e marcou o seu gol após 150 dias - 7,0 
(Souza): Outro que fó entrou no fim - SEM NOTA
Técnico: Oswaldo de Oliveira: Fez bem ao reposicionar Robinho pelo lado-esquerdo do ataque. Foi feliz em escolher Rildo como substituto de Robinho. O time perdeu em qualidade mas continuou agressivo.
                                 
Leia Mais »

REABILITAÇÃO É A PALAVRA DE ORDEM

Postado às 18h55 desta terça-feira, 19 de agosto de 2014.
Sem vencer e sequer marcar gols há três jogos no Campeonato Brasileiro, o técnico Oswaldo de Oliveira vai promover os retornos de David Braz e Alison no Santos que busca reabilitação contra o Atlético-PR nesta quarta-feira (20) às 19h30, no estádio da Vila Belmiro com transmissão da Super Rádio São Paulo (1.150 AM). Gabriel que está na Seleção Brasileira sub-20 que disputa torneio na Espanha, ainda é desfalque.

Tanto o zagueiro, como o volante, desfalcaram o time santista na derrota contra o Cruzeiro, no último fim de semana. Sem Bruno Uvini que vai realizar intervenção cirúrgica na face (detalhes abaixo), David Braz deve jogar do lado esquerdo da defesa ao lado do capitão Edu Dracena que ficará à direita.

Com isso, o Peixe vai a campo com Aranha, Cicinho, Edu Dracena, David Braz e Mena; Alison, Arouca e Lucas Lima; Robinho, Thiago Ribeiro e Leandro Damião.

O Santos ocupa o 10º lugar da competição, com 20 pontos.

A partida marca a estréia do novo uniforme santista (temporada 2014/2015) conforme antecipou o Blog do ADEMIR QUINTINO no dia 8 de agosto.


Bruno Uvini vai operar

A suspeita se confirmou. Bruno Uvini vai realizar intervenção cirúrgica ainda nesta semana para reparar uma fratura nos ossos da face. No último domingo (17), contra o Cruzeiro, o zagueiro santista levou a pior após sofrer uma cotovelada do atacante boliviano Marcelo Moreno e foi substituído no intervalo da partida.


As opções para o setor ficam cada vez mais reduzidas. Vinicius Simon se recupera de uma entorse no quadril, Gustavo Henrique não voltou de intervenção cirúrgica no joelho direito e Neto, ainda sofre de lombalgia. O treinador Oswaldo tem a disposição para o setor David Braz, Edu Dracena, e Jubal. Além dos três, o comandante técnico ainda conta com os jovens Nailson e Paulo Ricardo, campeões da última Taça São Paulo de Futebol Junior. 

CONFIRA OS RELACIONADOS DO SANTOS

Goleiros: Aranha e Vladimir
Laterais: Cicinho, Mena, Victor Ferraz e Zeca
Zagueiros: Edu Dracena, David Braz e Nailson
Meio-campistas: Alan Santos, Alison, Arouca, Leandrinho, Souza e Lucas Lima
Atacantes: Robinho, Thiago Ribeiro, Leandro Damião, Geuvânio, Rildo, Patito e Stéfano Yuri

                                               
Leia Mais »

ROBINHO X FELIPÃO

Postado às 11h36 desta segunda-feira, 18 de agosto de 2014





O Santos já sabe qual será o seu adversário nas oitavas de final da Copa do Brasil. O sorteio aconteceu na manhã desta segunda-feira (18), na sede da CBF no Rio de Janeiro. A exemplo do ano passado, o Peixe vai enfrentar novamente o Grêmio-RS. 

A primeira partida será dia 28 de agosto às 21h50, no Sul do país e o jogo de volta acontece no dia 3 de setembro, na Vila Belmiro, às 22 horas.



Na campanha vitoriosa do Peixe em 2010, o Tricolor gaúcho também enfrentou o Santos, porém foi nas semifinais da Copa do Brasil daquele ano.

A curiosidade é que o Santos sempre conquistou os títulos nas ocasiões em que  eliminou o Grêmio (Taças Brasil de 1959 e 1963, Brasileiro de 2002 e Copa do Brasil em 2010).

Caso, o alvinegro avance para as quartas de final da competição nacional, o time de Oswaldo de Oliveira vai enfrentar o vencedor de Botafogo (RJ) x Ceará.


Vila absolvida

Nos julgamentos desta segunda-feira (18), o estádio da Vila Belmiro e o volante Alison foram absolvidos no tribunal. No dia seguinte ao ocorrido no clássico contra o SCCP, o atirador de um copo no gramado se apresentou a polícia e o boletim de ocorrência foi feito.

O clube corria o risco de pegar uma pena de 10 jogos de punição.

                                               
Leia Mais »

TERCEIRA DERROTA SEGUIDA NO BRASILEIRÃO

Postado às 18h50 deste domingo, 17 de agosto de 2014. 
A cada rodada que passa, o Peixe se complica ainda mais em busca de uma melhor colocação no Campeonato Brasileiro. Na sequência mais dura da equipe na competição, contra os times que estão na ponta da tabela, o Santos foi derrotado pela terceira vez consecutiva. Desta vez para o líder Cruzeiro por 3 a 0. O clube praiano já havia sido batido por Internacional e SCCP nas duas últimas rodadas.

Se o Santos repetir a atuação que realizou no Mineirão, especialmente nos 20 minutos finais do primeiro tempo, vai ganhar muitos jogos. Porém, do outro lado, era o Cruzeiro, melhor time brasileiro dos dois últimos anos. Além disso, erros individuais e o número de gols perdidos, especialmente por Thiago Ribeiro, colaboraram para um placar dilatado. 
"É um momento difícil, porque completamos três derrotas consecutivas agora. A verdade é que temos que sair dessa situação nas próximas rodadas. Conseguimos classificação na Copa do Brasil, mas este é outro campeonato. Contra o Cruzeiro, tivemos chances de fazer gol, mas infelizmente não concluímos bem" - afirmou o zagueiro Edu Dracena ao fim do confronto.
Sem querer minimizar a derrota, o time de Oswaldo de Oliveira perdeu o seu principal atacante depois de Robinho. Gabriel está na Seleção Brasileira sub-20 e desfalcou o alvinegro nos últimos três jogos. O garoto de 17 anos fez falta (é o artilheiro do time na temporada com 15 gols) e tem tudo para crescer com a experiência de Robinho.

Quarta-feira (20) no estádio da Vila Belmiro, quando estréia o novo uniforme branco (temporada 2014/2015), o Peixe busca a voltar a pontuar na competição ao enfrentar o Atlético Paranaense às 19h30. Alison e David Braz, que cumpriram suspensão automática neste fim de semana, ficam a disposição do treinador santista.

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 3 X 0 SANTOS
Árbitro: Leandro Vuaden (Fifa/RS)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (Asp. Fifa/RS) e Alexandre Kleiniche (RS)
Cartões Amarelos: Mike (Cruzeiro); Alan Santos (Santos), Júlio Baptista (Cruzeiro)
GOLS: Marcelo Moreno, aos 24'/1ºT (1-0); Ricardo Goulart, aos 2'/2ºT (2-0); Júlio Baptista, aos 43'/2ºT (3-0).
CRUZEIRO: Fábio, Mayke (Ceará, 16'/2ºT), Léo, Dedé, Egídio; Henrique, Lucas Silva, Ricardo Goulart (Dagoberto, 34'/2ºT); Everton Ribeiro, Marcelo Moreno (Julio Baptista, 16'/2ºT) e Willian. Técnico: Marcelo Oliveira
SANTOS: Aranha, Cicinho, Edu Dracena, Bruno Uvini (Nailson, Intervalo), Mena; Arouca, Alan Santos (Leandrinho, 35'/2ºT), Lucas Lima; Robinho, Leandro Damião (Rildo, Intervalo) e Thiago Ribeiro. Técnico: Oswaldo de Oliveira

NOTAS DOS JOGADORES DO SANTOS
Aranha: A bola do primeiro gol era defensável e o camisa 1 santista falhou - 4,5
Cicinho: Ao contrário dos últimos jogos que foi muito mal, voltou a apoiar. Ainda peca nos cruzamentos, mas não foi mal, não - 6,0 
Edu Dracena: Ainda sem ritmo de jogo, fez o que pode. Bem no jogo aéreo e até realizou algumas antecipações - 5,5 
Bruno Uvini: Saiu lesionado no intervalo. Enquanto esteve no gramado, não comprometia - 6,0
(Naílson): Entrou em uma fria. Com três minutos em campo deu muito espaço na finalização de Ricardo Goulart que marcou o segundo gol - 4,5
Mena: Não comprometeu e no segundo tempo ainda esboçou alguns apoios ao ataque - 5,0
Arouca: Correu bastante e foi o melhor do meio-campo santista - 6,0
Alan Santos: Errou muitos passes até relativamente próximos e fáceis. Em um deles no primeiro tempo, quase proporcionou o primeiro gol cruzeirense -  4,5
(Leandrinho): Pouco tempo - Sem nota 
Lucas Lima: Também teve dificuldades na armação. Ele é mais um segundo homem de meio campo de que propriamente um coordenador de jogadas - 5,5
RobinhoHerói da classificação para as oitavas da final da Copa do Brasil, Robinho voltou a jogar bem. Não brilhou com nas duas partidas anteriores, mas foi a única figura lúcida no ataque santista - 6,5
Leandro Damião: São 21 jogos e apenas cinco gols no Peixe. Não marca desde 30 de março. Melhorou no final do primeiro tempo. Ajudou na marcação pressão no ataque. Ainda assim, foi substituído - 5,5 
(Rildo): Pouco acrescentou pelo lado esquerdo do campo - 5,0
Thiago Ribeiro: Vive uma péssima fase. Se tivesse melhor finalização, o resultado da partida seria outro. Já tinha perdido dois gols incríveis na última quinta-feira. Foi dele o passe errado pro contra-ataque do último gol cruzeirense - 4,0
Técnico: Oswaldo de Oliveira: Sem Alison, a proteção da equipe ficou bem mais vulnerável. Com pouco material humano no banco de reservas, ainda teve a infelicidade de perder um zagueiro contundido. Precisa ter outros esquemas de jogos e não ficar limitado a apenas ao empregado há algum tempo - 5,0


                                               
Leia Mais »

CAÇA À RAPOSA

Postado às 18h44 desta sexta-feira, 15 de agosto de 2014.
Com três modificações em relação ao time que se classificou na Copa do Brasil, o Peixe tem jogo duro em Belo Horizonte nesse domingo (17), às 16 horas. O Santos tenta quebrar uma sequência desagradável de duas derrotas consecutivas pelo Campeonato Brasileiro, e enfrenta o líder Cruzeiro (MG). Brunu Uvini recuperado de um entorse retorna na vaga de Jubal. Alison e David Braz suspensos dão lugares a Alan Santos e ao capitão Edu Dracena, respectivamente.
"Não estou 100% tecnicamente, mas a gente já pega um teste de fogo logo de cara, a casa vai estar cheia, conheço bem aquele estádio (Mineirão). Jogador do Santos não escolhe quando entrar em campo, se ele (Oswaldo de Oliveira) precisar de mim, vou entrar e dar conta do recado" prometeu o xerife santista dono da camisa 2, que retornou após sete meses no segundo tempo da vitória contra o Londrina (PR).
O atacante Gabriel é outro desfalque. O jogador está a disposição do técnico Alexandre Gallo na Seleção Brasileira sub-20. O zagueiro Neto e o volante Renato que se recuperam de uma lombalgia, também não devem ser relacionados.

Com 20 pontos e na 9ª colocação do Brasileirão, o alvinegro que ainda não conseguiu vencer os primeiros colocados, precisa dos três pontos para encostar no G-4. As vitórias da equipe na competição nacional foram até aqui contra Figueirense, Bahia, Criciúma, Palmeiras e Chapecoense, equipes que estão do meio da tabela para baixo.



O provável Peixe deve ir a campo com Aranha; Cicinho, Edu Dracena, Bruno Uvini e Mena; Alan Santos, Arouca e Lucas Lima; Thiago Ribeiro, Leandro Damião e Robinho.

Na manhã deste sábado, o elenco realiza o último treinamento no CT Rei Pelé, antes do embarque para a capital mineira onde ficará concentrado até a hora do jogo.  


Kléber "Chicletinho" parou

O lateral-esquerdo Kléber que jogou no Santos de 2005 a 2008 anunciou após quebrar contrato com o Figueirense, a sua aposentadoria no futebol.

Aos 34 anos, o jogador decidiu pendurar as chuteiras. 

O último lance de Kleber no futebol aconteceu no Estádio Orlando Scarpelli pelo Figueirense. Aos 10 minutos do primeiro tempo, na partida contra o Sport, o meia cobrou uma falta e em seguida sentiu dores na coxa direita. Lesionado, e após exames que demonstraram que o jogador levaria no mínimo três meses para se recuperar, o ex-santista bi-campeão paulista em 2006 e 2007 decidiu encerrar  a carreira.


Novos mantos a venda

As novas camisas do Santos, que serão lançadas no dia 20, contra o Atlético/PR, na Vila Belmiro, já estão a venda pela internet.

Clique na foto abaixo e adquira a sua:


                                               
Leia Mais »

O CAMISA 7 DECIDE

Postado às 23h59 desta quinta-feira, 14 de agosto de 2014.
Depois de três times grandes caírem de forma precoce para outros menores na véspera e o time vir de três derrotas consecutivas; com um gol de Robinho, o primeiro depois do retorno, e outro de Rildo (em assistência do Rei das Pedaladas), o Santos venceu o Londrina, por 2 a 0, na Vila Belmiro, e está classificado para as oitavas de final da Copa do Brasil. O Peixe aguarda o sorteio na próxima segunda-feira (18) na sede da CBF para conhecer o seu adversário na competição, que poderá ser Grêmio, SCCP, Cruzeiro, Atlético/PR, Atlético/MG, Vasco, Flamengo ou Botafogo.

Precisando vencer, já que havia sido derrotado com o time reserva no jogo de ida (1x2), o Santos se mandou para frente desde o início do jogo, porém, não repetia a boa atuação do fim de semana passado, apesar da derrota para o rival SCCP. Somente Robinho jogava bem do meio para frente, mesmo com a marcação forte do adversário.

A sensação que deu aos pouco menos de cinco mil pagantes que compareceram ao estádio Urbano Caldeira é de que apesar de  não ter participado da pré-temporada do Milan, da Itália, estar com 2 kg a mais, de necessitar de pelo menos mais três partidas para readquirir a melhor forma física, ainda assim, na pobreza que está o futebol brasileiro, carente de talentos, Robinho, que tem muita qualidade, sobrou domingo, voltou a sobrar na noite desta quinta-feira e isso será uma constante. Ele deu assistências, finalizou, fez gols e foi o grande nome do jogo.
"Robinho é Robinho. É um dos maiores jogadores da história do Santos e do futebol brasileiro. Está em um crescente. Em sua segunda partida, foi decisivo. Está no nível de Zico, Ronaldinho... Hoje, o rendimento foi até melhor do que domingo." , respondeu a minha pergunta, o técnico Oswaldo de Oliveira, durante a entrevista coletiva.
O resultado só veio na segunda etapa. Antes, o Londrina teve duas ótimas chances de abrir o placar e desperdiçou nos pés de Paulinho. 

A partida também marcou a volta do zagueiro Edu Dracena aos gramados após quase nove meses afastados em razão de fratura no joelho esquerdo. O último jogo do defensor tinha sido em dezembro do ano passado. O camisa 2 ainda quase marcou um gol de cabeça.

No próximo domingo (17), o Peixe volta a campo pelo Campeonato Brasileiro. O atual nono colocado vai a Belo Horizonte e enfrenta o líder da competição, o Cruzeiro. Para esta partida David Braz suspenso com três cartões amarelos e Alison, expulso contra o SCCP, são desfalques certos para o confronto nas Minas Gerais. O capitão Edu Dracena e o volante Alan Santos deverão ser os substitutos. Bruno Uvini, recuperado de leve entorse no tornozelo entra na vaga de Jubal.

FICHA TÉCNICA
SANTOS 2 x 0 LONDRINA
Árbitro: Wagner dos Santos Rosa (RJ)
Público e Renda:4.499 torcedores/R$136.670,00
Gols: Robinho (7'/2ºT) e Rildo (43'/2ºT)
Cartões Amarelos: Paulinho, Bídia, Diogo Roque e Dirceu (Londrina); Thiago Ribeiro, Lucas Lima e Rildo (Santos)
SANTOS: Aranha, Cicinho, David Braz, Jubal (Edu Dracena, 6'/2ºT) e Mena; Alison, Arouca (Alan Santos 44'/2ºT) e Lucas Lima; Thiago Ribeiro, Robinho e Leandro Damião (Rildo 36'/2ºT). Técnico: Oswaldo de Oliveira.
LONDRINA: Vitor, Lucas Ramon, Dirceu, Silvio e Allan Vieira; Diogo Roque, Bidia (Madson 33'/2ºT), Léo Maringá (Rone Dias 16'/2ºT) e Celsinho (Davi Ceará 37'/2ºT); Paulinho e Joel. Técnico: Cláudio Tencatti.

NOTAS DOS JOGADORES DO SANTOS

ARANHA - Defesa fundamental para a classificação nos acréscimos do jogo: 6,5
CICINHO - Novamente não apoiou bem. Perdeu um gol incrível no início de partida ao preferir dar o passe a Leandro Damião do que arrematar para o gol: 5,0
JUBALDeixou o gramado no início do segundo tempo com dores na perna esquerda: 5,5
(EDU DRACENA) - Se jogou na bola e deixou a perna do joelho operado como de apoio. Foi ao ataque, ganhou jogadas aéreas e quase marcou gol, mesmo sem ritmo de jogo: 6,5
DAVID BRAZ - Rebatedor. Fez o arroz com feijão: 6,0
MENA - Não tinha a quem marcar e pouco apoiou: 5,5
ALISONNão comprometeu. Melhor na etapa complementar onde conseguiu um maior número de desarmes: 6,0
AROUCA - Roubou bolas e bom índice de passes certos: 6,5
(ALAN SANTOS) – Entrou no fim da partida: Sem nota
LUCAS LIMA - Primeiro tempo horrível, longe da boa atuação do clássico do fim de semana. Melhorou nos 45 minutos finais quando se aproximou de Robinho e conseguiu realizar algumas tabelas. Deu uma ótima assistência a Thiago Ribeiro que de forma surreal, perdeu gol feito: 6,0
THIAGO RIBEIRO - Perdeu dois gols incríveis de forma absurda. Passou vergonha - 3,5
LEANDRO DAMIÃO - Seu tempo de bola precisa melhorar. Ainda assim deu um ótimo passe para o gol de Robinho, que abriu o marcador. Acertou a trave após uma bicicleta. Dentro das suas limitações, tem melhorado: 6,0
(RILDO) - Entrou aos 35 minutos e foi o suficiente para fazer o que Thiago Ribeiro não conseguiu, acertar e marcar o gol6,5
ROBINHO - Simplesmente decidiu. Jogador de rara técnica e extrema visão periférica. Vai ajudar muito o Santos na temporada. Nasceu para jogar no Peixe. Marcou um e deixou os companheiros na cara gol: 9,0


Novos mantos a venda

As novas camisas do Santos que serão lançadas no dia 20 contra o Atlético/PR na Vila Belmiro já estão a venda pela internet.

Clique na foto abaixo e adquira a sua:
                                   
Leia Mais »

EDU DRACENA ESTÁ DE VOLTA

Postado às 18h07 desta quarta-feira, 13 de agosto de 2014.
As constantes falhas da defesa santista nas bolas aéreas podem estar com os dias contados. Elas foram responsáveis pelos 4 gols que o time sofreu nos três últimos jogos, todos de cabeça. O capitão e xerife santista, Edu Dracena, zagueiro com o melhor percentual no jogo aéreo do atual elenco, está de volta. Ele vai ficar no banco contra o Londrina.

O jogador ainda não atuou em 2014, em razão de recuperação de intervenção cirúrgica no joelho esquerdo. Já recuperado, ele foi relacionado por Oswaldo de Oliveira para a partida desta quinta-feira (14), às 19h30, no estádio da Vila Belmiro, pela Copa do Brasil.

Edu Dracena rompeu o ligamento cruzado anterior no primeiro treino deste ano e passou por cirurgia no mês de janeiro.
"Já estava com saudade. É bom demais voltar! Minha vontade é ir a campo e ajudar meus companheiros" , disse Edu Dracena em breve contato telefônico ao Blog do ADEMIR QUINTINO.
O defensor de  33 anos passa a ser uma das opções do treinador santista para substituir o suspenso David Braz contra o líder Cruzeiro, domingo (17), no Mineirão, pelo Campeonato Brasileiro.

O camisa 2 é o remanescente com mais tempo no elenco. O jogador está na Vila desde 2009 e conquistou seis títulos com o Peixe. Quatro deles como capitão do time. O mais importante, a Libertadores de 2011.

Entre os zagueiros na história do clube, Edu Dracena é o segundo com mais gols - 17. O defensor que mais balançou as redes adversárias vestindo o manto santista é Alex, campeão Brasileiro em 2002 e atualmente no Milan-ITA, com 20 gols.

Além de Edu Dracena, outro zagueiro também lesionou o joelho durante o primeiro semestre. Trata-se do jovem Gustavo Henrique que se recupera de lesão e a previsão para o retorno aos gramados é para o mês que vem. 

Copa do Brasil

Quanto ao time santista que vai a campo contra o Londrina nesta quinta-feira (14) às 19h30, pela Copa do Brasil, será o mesmo que foi derrotado domingo pelo SCCP. 

As únicas exceções são o zagueiro Bruno Uvini que sofreu  entorse de grau leve no tornozelo esquerdo e fica de fora. Ele dá vaga a Jubal. Na lateral-esquerda, Mena, que após cumprir suspensão automática, retorna de titular na vaga de Zé Carlos.

Com isso, Oswaldo de Oliveira não vai poupar ninguém e o Peixe deve começar o duelo com: Aranha; Cicinho, Jubal, D.Braz e Mena; Alison, Arouca e Lucas Lima; Thiago Ribeiro, Leandro Damião e Robinho.

Lista de relacionados por Oswaldo de Oliveira

Goleiros
Aranha e Vladimir
Laterais
Cicinho, Emerson, Mena e Zé Carlos
Zagueiros
David Braz, Edu Dracena e Jubal
Meio-campistas
Alan Santos, Alison, Arouca, Leandrinho, Lucas Lima e Souza
Atacantes
Geuvânio, Leandro Damião, Patito Rodríguez, Robinho, Rildo, Stefano Yuri e Thiago Ribeiro


Novos mantos a venda

As novas camisas do Santos que serão lançadas no dia 20 contra o Atlético/PR na Vila Belmiro já estão a venda pela internet.

Clique na foto abaixo e adquira a sua:

                                    
Leia Mais »

OS NOVOS MANTOS

Postado às 14h30 desta quarta-feira, 13 de agosto de 2014.

A empresa que confecciona as camisas do alvinegro, a Nike, divulgou as imagens do novo vestimento em sua página na internet, na manhã desta quarta-feira (13).   

Foto de André Østgaard
O Blog do ADEMIR QUINTINO também conseguiu uma foto do que provavelmente será o segundo uniforme santista a ser lançado entre o fim de setembro e o início de outubro.


As informações sobre vendas, evento de lançamento e preços ainda serão divulgadas pelo clube.  

                                           
Leia Mais »

ZINHO NÃO QUER R-10

Postado às 07h48 desta quarta-feira, 13 de agosto de 2014.
A possibilidade de Ronaldinho desembarcar na Vila Belmiro ficou um pouco mais distante. Uma reunião realizada entre alguns membros do Comitê de gestão santista e a parte técnica do clube (gerente de futebol, scout e supervisores) provocou divisões; apesar da insistência do irmão de R-10, o empresário Assis, em oferecer e colocar o jogador no Peixe.

Além disso, a direção do alvinegro entende que pode virar um leilão as possíveis entradas de Grêmio e La Coruña- ESP (que foi comprado por um milionário) no negócio e dessa forma, inflacionar os salários do jogador.

O discurso mais contrário para a vinda do campeão mundial em 2002 pela Seleção Brasileira, foi a do gerente de futebol - Zinho. O funcionário santista jogou com Ronaldinho no Grêmio e teve problemas com o mesmo, quando foi gerente de futebol do Flamengo. A saída de Ronaldinho marcou o auge da crise na reta final da gestão de Patricia Amorim no clube da Gávea. Zinho contou algumas histórias "pouco" profissionais da passagem do atleta na cidade maravilhosa aos presentes a reunião no Santos. Porém, não foi apenas o gerente santista que foi contra a vinda do ex-jogador do Atlético/MG para a Vila.
"Acabou a bagunça, acabou a festa. Quem quer, fica. Que não está a fim, pede para sair", afirmou Zinho a época em que ambos se desentenderam no Rio de Janeiro, em 2012. 
O Blog do ADEMIR QUINTINO apurou que segundo depoimento de um dos presentes a reunião, o empresário e irmão do jogador Assis, tinha praticamente encaminhado uma situação para que o jogador desembarcasse no Palmeiras, porém, com o mal momento do clube paulistano na competição e a possibilidade de um melhor contrato para seu agenciado, ofereceu o atleta a outros clubes, entre eles - o Santos.

O presidente do Peixe, Odílio Rodrigues, que não via com maus olhos a vinda do Ronaldinho, negou a possibilidade de contratar o jogador através de nota da assessoria de imprensa do clube e posteriormente, através de um vídeo da Santos TV. 
"Não pretendemos contratar mais ninguém. O Comitê de Gestão e a comissão técnica entendem que nosso plantel está fechado e que temos condição de fazer um bom papel no campeonato", declarou.

Leia Mais »
 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by