FOTO CAPA

SALÁRIOS EM DIA. SÓ FALTA A IMAGEM

Publicado às 19h45 desta sexta-feira, 30 de janeiro de 2015.
O Santos informou através de comunicado oficial que o clube conseguiu pagar nesta sexta-feira (30), os salários atrasados do elenco na carteira de trabalho, assim como dos funcionários. 

Porém, o Blog do ADEMIR QUINTINO apurou que o clube quitou os valores na carteira e ainda tem débitos de direitos de imagem herdados da gestão passada.

Aos poucos, a atual gestão cumpre a promessa de quitar todos os débitos pendentes.

Segue abaixo o comunicado oficial
"A diretoria do Santos Futebol Clube informa que nesta sexta-feira (30) realizou todos os pagamentos de salários e férias de jogadores e funcionários. Com isso as obrigações salariais estão rigorosamente em dia conforme promessa feita pela atual gestão no início do mandato".
Leia Mais »

VANDERLEI - "QUERO FAZER HISTÓRIA"

Publicado às 15h00 desta sexta-feira, 30 de janeiro de 2015.
Prestes a completar 31 anos, o goleiro Vanderlei, foi apresentado como novo reforço do Santos nesta sexta-feira (30). O atleta, que defendia o Coritiba por quase oito anos, herdou a camisa de número 1 que era de Aranha das mãos do atual vice-presidente, César Conforti.

Vanderlei foi o único dos sete reforços adquiridos pelo Santos para a temporada 2015 que o clube arcou com uma quantia para ficar com uma fatia dos direitos econômicos. Ele tem contrato até 2017.
"É uma grande oportunidade. É o sonho de todo atleta. Espero que dentro de campo, faça o meu melhor. Não quero estar aqui de passagem, quero fazer história aqui. Sei que trabalhando, quando tiver essa oportunidade, vou fazer história aqui no Santos"  disse o novo arqueiro alvinegro.
Pelo menos no discurso durante a coletiva , o novo camisa 1 do Peixe demonstrou humildade. O pegador de pênaltis garante não ter medo de pressão e não se diz dono da posição.
O Santos tem grandes goleiros e não me sinto titular da posição. Fisicamente e tecnicamente estou bem. Fiquei poucos dias parado por causa das negociações. Quando o Enderson, precisar vou estar pronto – garantiu.
Por sua documentação não estar regularizada, Vanderlei não enfrenta o Ituano, neste domingo (1), às 19h30, no estádio da Vila Belmiro, na estreia da equipe no Paulistão. O guarda-metas deve estar a disposição para a segunda rodada em Mogi-Mirim contra o time da casa.

Além do goleiro Vanderlei, o Santos contratou outros seis reforços para a temporada 2015. São eles o zagueiro Werley, os meias Chiquinho, Elano, Valencia e Marquinhos Gabriel, o zagueiro Werley e o centroavante Ricardo Oliveira.

O Blog do ADEMIR QUINTINO apurou que o clube ainda busca mais um reforço para a disputa do estadual. As inscrições terminam no dia 10 de fevereiro, desde que os clubes participantes enviem a lista de 28 jogadores, número máximo permitido pela Federação Paulista, à partir deste ano, incompleta. 

Segundo o técnico Enderson Moreira, a lista santista enviada a entidade na quinta-feira (29), contará com apenas 22 jogadores. Os três que disputam o sul-americano - Caju, Thiago Maia e Gabriel devem ser inseridos na mesma e sobram outras três vagas. 

Veja a Lista com os 22:

Goleiros

12 – Vladimir

33 – Gabriel Gasparotto

Laterais

04 – Cicinho

13 – Victor Ferraz

37 – Zeca

Zagueiros

14 – David Braz

06 – Gustavo Henrique

02 – Werley

32 – Paulo Ricardo

Volantes

05 – Alison

08 – Renato

21 – Leandrinho

15 – Valencia

25 – Lucas Otávio

Meias

20 – Lucas Lima

22 – Elano

23 – Chiquinho

Atacantes

07 – Robinho

11 – Thiago Ribeiro

45 – Geuvânio

09 – Ricardo Oliveira

48 – Lucas Crispim


Mais um que pode chegar a base

Além de Paulo Mayeda para a gerência da base, o conselheiro Ricardo Di Renzo também está cotado para trabalhar no departamento amador de futebol santista. Ele pode ser o parceiro de Mayeda que deve ser anunciado oficialmente no próximo mês. 
Leia Mais »

SAÍDA PELA ESQUERDA

Publicado às 09h38 desta sexta-feira, 30 de janeiro de 2015.
O volante Arouca faz parte do passado na vida do Santos. Ele será anunciado em breve pelo Palmeiras. O jogador que chegou a entrar na justiça contra o alvinegro, assinou um acordo com o clube da Vila que o deixa livre.

Pelo que o Blog do ADEMIR QUINTINO apurou o ex-camisa 5 santista retirou a ação que pleiteava no valor de R$ 13 milhões, o Palmeiras assume os R$ 2,4 milhões entre vencimentos atrasados, luvas e premiações que o Santos lhe deve e o Peixe ainda continua com 40% dos direitos econômicos do jogador, além dos 350 mil salários que o time santista deixa de pagar. O time de Palestra Itália fica com outros 40% e a TEISA com 20% (o Peixe tinha dado 40% de Arouca ao fundo de investimento como garantia de outra negociação e se comprometeu a pagar em breve como ilustra trecho da ata abaixo).


Penso que o acordo ficou ótimo para as três partes. O Palmeiras interessado no jogador, o Santos que corria o risco de pagar multa milionária e o próprio atleta que queria ir embora, mesmo com mais dois anos de contrato com o clube. 

Porém, cabe uma reflexão sobre o tema. O primeiro é que jogadores que tem identidade com algum clube é cada vez menor. Ainda assim, penso que existem diversas maneiras de se deixar uma agremiação, principalmente com uma história vitoriosa, como a de Arouca.  

O dia que a carreira de um atleta acabar é do passado que ele será lembrado, mas cada um tem seu livre arbítrio e faz a sua escolha.

Ficar meses sem receber realmente é desagradável e preocupante, porém, não se apaga uma história com uma atitude radical dessas. O jogador chegou por baixo em 2010, onde amargava o banco do São Paulo em uma troca por empréstimo com Rodrigo Souto e se reergueu com o manto alvinegro.

Pelo Santos, Arouca disputou 267 partidas, marcou seis gols e conquistou seis títulos.

Ao contrário do que fez o volante, o zagueiro Edu Dracena saiu do Santos pela porta da frente. O até então capitão da equipe não queria deixar a Vila Belmiro, porém com diferenças pessoais com o "trainee" a gerente, o ex-lateral-esquerdo Léo, parcelou em 10 vezes os vencimentos de 2014 que tinha a receber e foi seguir a sua carreira, agora no rival.

O ex-camisa 2 do Peixe chegou a comprar cestas básicas e distribuir aos funcionários no período em que o clube atrasou salários aos mesmos. 

Algo parecido com o que fez o novo reforço do SCCP, fez o argentino Montillo, que quando deixou a Vila Belmiro para ir para o futebol chinês pegou R$ 10 mil e dividiu com funcionários do CT, desde a cozinheira até a camareira.


Sair pela porta da frente é fundamental, principalmente após afirmar dias antes através de sua assessoria que "reiterava o seu carinho pelo Santos, clube que se tornou sua segunda casa e com quem sempre teve uma relação transparente, e descartava essa possibilidade" de buscar a quebra do contrato de forma unilateral, via justiça. 

Na vida, muitas portas se abrem e se fecham. Tudo depende da maneira que agimos e reagimos. 

O Santos é maior do que qualquer jogador.
Leia Mais »

PAULISTÃO 2015

Publicado às 16h26 desta quinta-feira, 29 de janeiro de 2015.
(*) Por: Felipe Takashi

Depois de longo e caloroso verão, a bola vai voltar a rolar nos gramados brasileiros. No próximo fim de semana, enfim, começa o Campeonato Paulista 2015. São vinte clubes, divididos em quatro chaves, todos se enfrentam, exceção feita aos times do mesmo grupo. Os dois melhores de cada chave avançam para os playoffs.


O Santos está no grupo quatro, com Penapolense, Bragantino, Capivariano e XV de Piracicaba. O Peixe acumula dois vice-campeonatos, antes, havia faturado três títulos consecutivos. Ao todo, desde 2006, o Alvinegro só ficou fora da disputa pelo título em 2008. No mais, ou foi campeão, ou foi vice.

Apesar do bom retrospecto recente, hoje, a imprensa dá o Santos como carta fora do baralho. Fora da briga pelo título Paulista e sério candidato ao rebaixamento no Brasileirão.

Os profetas do apocalipse tem razão?

No meu ponto de vista, NÃO. Compartilho da mesma opinião do amigo Ademir Quintino, que escreveu nesta semana sobre um horizonte mais otimista para o torcedor santista.

O ponto forte do Santos é o ataque. Fortíssimo. O quarteto Lucas Lima, Geuvânio, Robinho e Gabriel deu liga no final do ano passado, e em 2015, tem tudo para deslanchar. Ricardo Oliveira chegou confiante e bem fisicamente, será outra importante peça ao decorrer da temporada.

Com os rivais SCCP e São Paulo estão na disputa da Copa Libertadores e o Palmeiras está em reconstrução, o Santos se apresenta como forte candidato ao vigésimo primeiro título do Paulistão.


O Palmeiras está no grupo três, com Botafogo, Linense, Marília e Portuguesa. Exceção feita a 2008, ano em que foi campeão, o Alviverde acumula seguidos insucessos na disputa do torneio. De lá pra cá, nenhuma vez chegou a decisão.

Mas, o torcedor palmeirense começou o ano animado. São dezessete contratações, praticamente um time novo e a esperança de voltar a sorrir com o clube de Palestra Itália.

A principal aquisição foi o atacante Dudu, ex-Grêmio. O jogador era alvo de outros rivais da capital. Zé Roberto e, quase certamente, Arouca, são novas caras que aumentam a esperança de um 2015, enfim, vitorioso.

O técnico Oswaldo de Oliveira terá de mostrar algo que foi incapaz de fazer no Santos, trabalhar com elenco e criar variações táticas. Peças e tempo para trabalhar o time ele tem, resta saber se não vai cometer o mesmo erro.


O SCCP está no grupo dois, com Audax, Ponte Preta, Rio Claro e São Bento. O time do estádio com isenção fiscal, nos últimos anos, chegou a decisão três vezes, todas contra o Santos. Em 2009 e 2013, venceu, já em 2011, foi derrotado.

O principal reforço está no banco de reservas, é o retorno do bom técnico Tite. Além dele, Edu Dracena tenta ser o parceiro ideal para Gil na defesa corintiana. Enquanto Cristian e Emerson Sheik retornam ao clube para serem titulares também. O primeiro, no lugar do decadente Ralf, o segundo, para fazer dupla de ataque com Guerrero que ainda não renovou seu contrato.

Isto posto, a tendência é o time manter-se sólido, equilibrado e competitivo, mesmo com futebol pouco vistoso. É dificil imaginar o rival de Parque São Jorge de outra forma para 2015.


O São Paulo está no grupo um, com o atual campeão Ituano, Mogi Mirim, Red Bull Brasil e São Bernardo. O tricolor do Morumbi segue um calvário na competição. Desde 2007, o São Paulo é eliminado na fase semifinal do Paulistão, exceção feita ao ano passado, quando foi ainda pior, caiu nas quartas de final para a Penapolense.

O time de Muricy Ramalho, atual vicecampeão brasileiro, tem o melhor elenco do estado. Mesmo com a saída do bom Kaka. Michel Bastos e o novo contratado Wesley, podem suprir a ausência do melhor jogador do mundo em 2007.

Alan Kardec, Pato e Luis Fabiano brigam por duas vagas no ataque, enquanto o ex-presidiário Breno, aos poucos, deve assumir o lugar de Edson Silva na defesa tricolor. Além disso, Bruno e Carlinhos vieram do Fluminense e assumem a titularidade nas laterais.

Time pronto e com potencial para disputar todos os títulos na temporada derradeira de Rogério Ceni.

Demais clubes:
Fabiano Eller é o capitão do Red Bull Brasil
Red Bull Brasil: A empresa que investe em vários esportes ao redor do mundo, chegou ao campeonato paulista. E melhor, chegou capitaneada por um ex-santista, o grande Fabiano Eller (foto acima).

Mogi Mirim: Procura-se comprador. É a placa que o atual mandatário Rivaldo colocou em frente a sede do clube. Instabilidade administrativa que deve prejudicar ao decorrer do torneio.

Ituano: Só de lembrar, o torcedor santista tem arrepios. Acumula mais títulos da competição no Século XXI que o Palmeiras. O time de Itu faturou no ano passado e em 2002.

São Bernardo: O time realizou pré-temporada no Paraguai.O argentino Cañete é o grande reforço para a disputa da competição. 

Audax: O clube de Osasco é o autor da primeira bizarrice do bizarro Paulistão, inverteu o mando com o Palmeiras, por causa de renda. Com isso, o Alviverde jogará quatro vezes seguidas em casa. 

Ponte Preta: De volta a elite no Brasileirão e também na expectativa de construir uma nova arena na cidade de Campinas, a Macaca nunca venceu o Paulistão, mas já bateu na trave várias vezes. Será que agora vai?

Rio Claro: O atacante Rodolfo, volta ao clube após uma passagem pelo Palmeiras, onde não ganhou muitas oportunidades e foi liberado pelo Oswaldo de Oliveira.

São Bento: O centroavante Nilson, que disputou a última Série B do Campeonato Brasileiro pelo Icasa-CE e já atuou pelo Vasco é a esperança de gols.

Botafogo: Vice-campeão na Taça São Paulo de Futebol Júnior, o clube que revelou Sócrates e Raí tem outra oportunidade de apresentar grandes nomes para o futebol brasileiro.

Linense: O clube concentrou-se em Sorocaba, mesmo local em que a Argélia se preparou para a disputa da Copa do Mundo realizada ano passado.

Marília: Wagner Diniz, lateral direito, ex-Santos e Vasco, lembra dele? É uma das apostas do clube celeste para a disputa da competição.

Portuguesa: O bem localizado e tradicionalíssimo estádio do Canindé está interditado. Na estréia, contra o São Bento, a Lusa jogará para algumas testemunhas em Bragança Paulista. 

Bragantino: Por falar em Bragança, o Bragantino anunciou o goleiro Lauro para a disputa do Paulistão. Ele já teve passagens por Ponte Preta e Internacional.

Capivariano: O volante Amaral, 41 anos, aquele mesmo, absolutamente desprovido de beleza, é a grande atração do clube de Capivari. Será que aguenta?

Penapolense: O clube de Penápolis estréia contra o São Paulo, em casa, no próximo domingo. As duas últimas edições os clubes se enfrentaram nas quartas de finais, uma vitória para cada lado. Será que o Penapolense vai aprontar de novo em 2015?

XV de Piracicaba: O goleiro Diogo Silva, com direitos federativos ligados ao Vasco, foi emprestado para o clube de Piracicaba para a disputa do Campeonato Paulista.


Leia Mais »

CICINHO É DÚVIDA

Publicado às 08h40 desta quinta-feira, 29 de janeiro de 2015.
Além do lateral-esquerdo Caju e do atacante Gabriel, que estão com a Seleção Brasileira sub-20 que disputa o Sul-Americano da categoria, o técnico Enderson Moreira deve ter outros problemas para escalar o Santos na estreia da equipe na temporada no próximo domingo (1), contra o Ituano, às 19h30, no estádio da Vila Belmiro. Entre eles está o lateral Cicinho com incômodos musculares na coxa esquerda. Ele não participou do jogo-treino contra o Cotia, sábado passado e ainda não esteve em nenhuma atividade com bola nesta semana com seus companheiros. 

O jovem Daniel Guedes, que foi o titular nos dois últimos jogos em 2014 contra Botafogo-RJ e Vitória-BA, respectivamente, também foi desfalque na única atividade amistosa da pré-temporada. O ala está com dores nos tendões da tíbia nas duas pernas. Com isso, crescem as possibilidades de Victor Ferraz ser o titular da lateral-dreita na primeira partida do Peixe no Campeonato Paulista.

Cicinho que tem uma porcentagem dos direitos econômicos pertecentes a TEISA (Terceira Estrela Investimento S/A) e não quis entrar na justiça contra o clube, em razão dos salários atrasados, deve ser reavaliado pelos médicos ainda nesta quinta-feira.

O Peixe ainda realizará mais três atividades antes de ir a campo pelo Estadual. Treina hoje e sexta no período da tarde e sábado pela manhã, antes de iniciar o regime de concentração para o jogo. 


MUDANÇA NA BASE VENCEDORA

A diretoria do Santos pretende apresentar durante o mês de fevereiro, o novo gerente das categorias de base, conhecida como uma "fábrica de craques" do futebol brasileiro. Trata-se de Paulo Mayeda, que já trabalhou no clube, como diretor da categoria, em 2000, durante a gestão do presidente Marcelo Teixeira. Nos bastidores da Vila Belmiro é dada como certa a substituição.

Mayeda é cotado para substituir o gaúcho Hugo D´Elia Machado, atual gerente da categoria que está no clube há dois anos, porém, goza de muito prestígio com o CEO (sigla inglesa de Chief Executive Officer, que significa Diretor Executivo em Português) - Dagoberto Santos.  

Pelo que o Blog do ADEMIR QUINTINO apurou, a péssima condição financeira em que o clube atravessa é outro entrave para que a troca seja efetuada já na primeira semana do próximo mês. O dinheiro que tem para o fluxo de caixa atualmente é insuficiente para pagar as verbas rescisórias de funcionários que serão substituídos.

Atualmente, Paulo Mayeda estava como gerente do São Carlos, clube que participou da Série A-3 do Campeonato Paulista de 2014. 
Leia Mais »

UM HORIZONTE OTIMISTA

Publicado às 07h27 desta quarta-feira, 28 de janeiro de 2015.
Atualmente, ler uma notícia a respeito do Santos, tem sido uma tarefa tão difícIl quanto escrever sobre o time. A crise financeira que o clube vive não tem precedentes. Ainda assim, o que particularmente mais incomoda é o rótulo de que o Santos vai cair pra segunda divisão em 2015, algo que jamais aconteceu. 

Respeito todas as opiniões, até porque vivemos em uma democracia, mas não vejo essa "apocalipse" que alguns estão apregoando.
"Esse time é pra ser campeão. Pra você é pra cair?" disse o novo presidente do clube Modesto Roma Junior durante uma entrevista coletiva, bastante entusiasmado com o plantel.
Aqui no Blog, o torcedor costumeiramente sempre visitou para saber das notícias do alvinegro, mas não posso me omitir e deixar de dar a minha opinião, antes de a temporada começar no próximo domingo (1).

O Santos tem uma história de renascer justamente quando ninguém, absolutamente ninguém, espera nada. Pra não ir muito longe, foi assim em 1978, 2002 e 2010 com as três gerações de Meninos da Vila. 

Desta vez, os meninos da base não são diferenciados como em outras épocas, mas ainda assim, creio que do elenco que começa a temporada em relação ao ano passado, esse de 2015 me parece um pouco mais forte. 

No total, 14 jogadores já deixaram o clube e com todo o respeito que os profissionais que não permaneceram mereçam, o Peixe perdeu mesmo foi a capacidade do jogador pro contra-ataque rápido quando a bola chegava no volante Arouca e a liderança positiva do capitão Edu Dracena. Os demais (Aranha, Bruno Uvini, Neto, Mena, Alan Santos, Rildo e Leandro Damião, entre outros)  todos tem substitutos a altura ou até melhores.

O futebol não é uma ciência exata que você coloca um time em um tubo de ensaio e sai com ele pronto através de uma fórmula, do outro lado. Fosse assim, o São Paulo e não o Cruzeiro, seria o campeão brasileiro do ano passado ou alguém dúvida que o tricolor paulista tem material humano melhor que o time da Toca da Raposa?

Por isso, os sete reforços que o Santos contratou se não são "top de linha" dão esperanças junto com os que ficaram no clube de que se tenha uma equipe que realize um começo de temporada promissor. A espinha dorsal foi mantida com os talentosos Lucas Lima e Geuvânio, além do carisma e da qualidade indiscutível daquele que nasceu para jogar no time da Vila - Robinho. 

O ataque, um dos melhores do país, em minha opinião, tem a promessa Gabriel, que creio eu, quando voltar da Seleção brasileira sub-20, deve jogar espetado, assim como foi com Oswaldo de Oliveira no início de 2013. Se ele não estiver bem, uma sombra de fazer inveja a qualquer clube que é o artilheiro Ricardo Oliveira, estará louco para jogar. Aliás, O camisa 9 deve disputar com Thiago Ribeiro quem começa a temporada de titular.

O nem um pouco badalado Chiquinho é o coringa. Na ausência de Caju, ele vai na lateral-esquerda e se o titular tiver apto, fica como opção para atuar no meio-campo, que também tem Valência, que se não conviver com as lesões do ano passado, pode fazer boa temporada. Daniel Guedes e Cicinho lutarão pelo posto da ala-direita, com Victor Ferraz correndo por fora. 

Como estará Elano? Difícil responder. Não deixou saudades nas últimas passagens no país pelo Grêmio e Flamengo, mas a bola parada do camisa 22 ainda é indiscutível, tanto que já fez gol olímpico no jogo-treino no último sábado. 

No gol, Vanderlei fica com a vaga de Aranha. Por falar no goleiro que fez acordo com o Santos e rescindiu seu contrato, eu considero que ele teve uma temporada maravilhosa em 2013, após a saída de Rafael, porém não reeditou as boas apresentações em 2014. No último ano, foi mais lembrado pelo episódio de racismo no Sul do que pelas suas defesas, portanto, o arqueiro que defendeu o Coxa nos últimos anos, com boas atuações, tem tudo pra suprir esta ausência.  

Na zaga, a volta do jovem e promissor Gustavo Henrique que fez um excelente campeonato brasileiro em 2013, além do "rodado" Werley" e a oscilação de David Bráz. Alison, pelo menos por enquanto, está mantido como quem dá proteção a defesa.

O ótimo Lucas Lima vai ter um jogador que realiza a sua função dentro de campo como opção no banco de reservas. Será Marquinhos Gabriel, outra incógnita. O meia que voltou do mundo árabe foi mal no Palmeiras, porém muito bem no Bahia em 2013. 

Time vencedor, além de pegada, precisa de velocidade e estratégia. Se o treinador conseguir fazer com que esse elenco que não é nenhum supra-sumo, mas também não é a pior porcaria, execute, o Santos tem plenas condições de ser uma surpresa não apenas no estadual, mas principalmente no Brasileiro, quando o conjunto tiver um pouco melhor. 

Já que citei Enderson Moreira, o comandante técnico não poderá reclamar que não começou o trabalho. Ele indiciou cinco dos sete contratados. 

E pra não dizer que não falei das flores, se dirigente fosse e pudesse opiniar, ainda ia atrás de mais um zagueiro e um meio-campista experiente, daqueles que param, pisam em cima da bola e acalmam os mais jovens quando a necessidade obriga.



MOVIMENTO CRESCENDO

Até o final desta semana entra no ar o site da campanha "Santista de carteirinha". A construção da página ficará a cargo do web Felipe Takashi. O projeto idealizado por Nágila Luz e Nélio Dias e já repercute de forma bastante positiva entre os santistas com enorme aceitação. Trata-se de um movimento criado espontaneamente por torcedores sem fins políticos ou lucrativos.

O intuito é fazer com que o torcedor torne-se sócio do Santos FC para ajudar o time nesta fase em que o clube vive uma crise financeira sem precedentes.
Leia Mais »

ACORDO COM ARANHA

Publicado às 17h07 desta terça-feira, 27 de janeiro de 2015.
O Santos e o goleiro Aranha chegaram a um acordo e vão encerrar uma briga jurídica. O Blog do ADEMIR QUINTINO apurou e o clube confirmou em seguida que o atleta esteve na tarde desta terça-feira (27), no Recursos Humanos de Vila Belmiro, aceitou a proposta feita pelo Santos e assinou a rescisão do seu contrato que ia até o fim do ano. O jogador também confirmou que está livre para assinar com quem quiser.

Aranha tinha acionado o clube na justiça por conta de salários atrasados e na próxima sexta-feira (30), estava prevista audiência pra decidir o mérito na 2ª Vara do Trabalho de Santos.

Na quarta-feira passada (21), durante audiência, os advogados do Santos ofereceram a rescisão do contrato em troca de o jogador desistir da ação. Sendo assim, o Santos propôs a liberação imediata do arqueiro, sem que ficasse com nenhum valor dos direitos econômicos, porém, que o goleiro retirasse a ação, já que se Aranha fosse o vencedor da causa, o Peixe teria que pagar os salários do atleta até o fim do seu contrato, ou seja, durante todo o ano de 2015, algo que superaria R$ 2 milhões.

Pelo clube praiano Aranha atuou em 125 partidas e sofreu 118 gols.

Já o lateral Mena recusou o acordo proposto pelo alvinegro. O chileno foi o único até o momento que obteve liminar e rescindiu seu contrato. O atleta já assinou com o Cruzeiro-MG.
Leia Mais »

WERLEY "QUERO IR BEM E FAZER UM CONTRATO LONGO"

Publicado às 12h45 desta terça-feira, 27 de janeiro de 2015
O zagueiro Werley, de 26 anos, foi apresentado no começo da tarde desta terça-feira (27) como a sexta contratação santista para a temporada 2015. Revelado pelo Atlético-MG, o atleta foi emprestado pelo Grêmio-RS até o final deste ano. 

Pelo clube mineiro, Werley conquistou o Campeonato Mineiro, em 2010. Durante sua passagem pelo Grêmio, o zagueiro trabalhou com o técnico Enderson Moreira, que recomendou sua contratação ao alvinegro da Vila Belmiro. O novo reforço vestirá a camisa 2 do Peixe, número que era usado pelo até então capitão Edu Dracena, nos últimos anos.
"O Edu Dracena é um grande zagueiro. Conquistou tudo que tinha pra conquistar no Santos, tem sua história no clube e estou chegando, buscando meu espaço aqui no Santos. Se eu puder conquistar a metade de títulos que ele teve aqui, já vou ficar feliz" falou.
O jogador também "dissertou" sobre o problema que teve com o treinador Enderson Moreira, ainda no Grêmio. Na oportunidade, o atleta se recusou a jogar pelo lado esquerdo da defesa. Ele garante que é um ato que já foi superado. 
"Aconteceu durante um treino, eu jogava do lado direito e o Rodolfo do lado esquerdo. Foi uma situação que depois esclarecemos, pedi desculpas. Não foi nada que comprometeu nossa relação, tanto que estou aqui no Santos. Foi um erro meu e já assumi" , desabafou o defensor.
O atleta afirmou durante a entrevista coletiva que está a disposição para a partida de estreia no Campeonato Paulista, no dia 1 de fevereiro, contra o Ituano, no estádio da Vila Belmiro.
"Eu vinha treinando já, cheguei terça-feira passada. O Santos é uma equipe muito forte, um ambiente de trabalho excelente, uma linha de frente de jogadores decisivos, que poucos times no Brasil tem" , analisou Werley.
Sobre suas caraterísticas principais, o zagueiro preferiu ser econômico nas palavras.
"Sou um zagueiro rápido que gosta de estar bem posicionado. Fui feliz no Sul em fazer alguns gols. Espero fazer a minha função primeiro lá atrás e se possível ajudar lá na frente" garantiu.
Apesar de estar no Peixe por empréstimo até o fim de 2015, o jogador espera que aconteça justamente o contrário do que aconteceu com o também zagueiro Bruno Uvini que foi devolvido aos italianos, no começo deste ano. Werley afirma que deseja permanecer na Vila Belmiro, após o termino deste vínculo.
"Meu objetivo é procurar a ajudar o Santos dentro de campo. Quero ir bem, ficar e fazer um contrato longo aqui" concluiu.

Ficha técnica
Nome: Werley Ananias da Silva
Nascimento: 05/09/1988, em Oliveira (MG)
Posição: Zagueiro
Atura: 1,83 cm
Peso: 83 Kg
Clubes: Atlético-MG (2002-2012) e Grêmio (2012-2014)
Título: Campeonato Mineiro 2010 (Atlético-MG)

Werley foi o sexto reforço apresentado no Santos. Os outros foram Chiquinho, Ricardo Oliveira, Elano, Valencia e Marquinhos Gabriel. Ainda esta semana o clube deve apresentar o goleiro Vanderlei.
Leia Mais »

MARQUINHOS GABRIEL: "SOU UM JOGADOR RÁPIDO"

Publicado às 13h02 desta segunda-feira, 26 de janeiro de 2015.
O Santos apresentou no começo da tarde desta segunda-feira (26), mais uma contratação. Trata-se do meia-atacante Marquinhos Gabriel. Ele é a quinta contratação do clube na temporada. Com 24 anos, o atleta firmou contrato com o alvinegro até o final deste ano.

Revelado pelo Internacional-RS, Marquinhos Gabriel também já defendeu o Avaí (2011), Sport Recife (2012), Bahia – onde teve grande destaque no Brasileirão 2013 – e Palmeiras (2014), último clube no Brasil antes de partir para o mundo árabe.
"A expectativa é a melhor possível. Volto ao Brasil muito motivado em uma equipe como o Santos, com um histórico gigantesco no futebol mundial. Meu objetivo é ganhar títulos aqui" afirmou.
O atleta também falou sobre suas principais qualidades e o que o torcedor pode esperar dele que foi bem no Bahia, mas não reeditou o sucesso no Palmeiras, nas suas últimas passagens em clubes do país, antes de partir para o exterior. 
"Sou um jogador rápido. Posso jogar pelos lados do campo também. Espero imprimir a velocidade para ajudar muito o Santos" garantiu.
O dono da camisa 31 não participou do primeiro jogo-treino da pré-temporada no último sábado (24). Marquinhos confessou estar abaixo dos demais em termos fisícos. O jogador não fica à disposição do técnico Enderson Moreira no jogo de estréia do estadual, no próximo domingo (1), às 19h30, na Vila Belmiro contra o Ituano. 
"Não vou dizer uma data específica para entrar em forma. Lá (na Arábia Sáudita) treinávamos muito, porém jogávamos pouco. Espero que no segundo jogo do campeonato (dia 4, contra o Mogi-Mirim) eu esteja pronto. Na parte física, ainda está um pouco abaixo" afirmou o novo contratado.
Nesta terça-feira (27), também ao meio-dia, o Peixe apresenta a sua sexta contratação, o zagueiro Werley que estava no Grêmio-RS.

Além de Marquinhos e Werley, o Peixe já contratou o goleiro Vanderlei, os meias Chiquinho, Valência e Elano, além do atacante Ricardo Oliveira. 

Ficha técnica:
Nome: Marcos Gabriel do Nascimento
Nascimento: 21/07/1990, em Selbach (RS)
Posição: Meia-atacante
Altura: 1,74m
Peso: 69kg
Clubes: Internacional (2009-2010/2011), Avaí (2011), Sport (2012), Bahia (2013), Palmeiras (2014) e Al-Nassr (2014)

Título: Campeonato Gaúcho 2011 (Internacional).


MOVIMENTO SANTISTA DE CARTEIRINHA

Uma bela iniciativa sem fins políticos e lucrativos, onde o único objetivo é ajudar o time do coração. Assim, preocupados em colaborar com o Santos FC a aumentar o seu  número de associados, torcedores apaixonados pelo alvinegro criaram nas redes sociais, o "Movimento Sou Santista de Carteirinha". 
"A ideia surgiu por conta da crise financeira no clube que culminou com processos de jogadores que entraram contra o clube na justiça no início deste ano. Vamos usar as redes sociais para explicar as vantagens de se associar, principalmente mostrar aos santistas de fora da baixada e do Estado que mesmo de longe eles podem ajudar o clube e ter um retorno ainda maior" avaliou a estudante de jornalismo Nagila Luz, residente no Vale do Paraíba e uma das idealizadoras do Movimento.
Em apenas algumas horas, o perfil no twitter já tem mais de 500 seguidores. O Movimento também tem perfis no facebook  e no instagram .
"Fiz um estudo recentemente sobre o sócio rei e inclusive já passamos ao Alex (gerente de marketing do clube), e quando crescer o número de adesões, tenho certeza que vão olhar com carinho as nossas sugestões" afirmou o agente de registro,  Nélio Dias, outro incentivador do projeto.
Criativos e recheados de idéias, os responsáveis também estão divulgando os benefícios que o associado santista tem em descontos, com vários empresas de diversos ramos do atividades ligadas ao comércio. 
Leia Mais »

GOLEADA EM JOGO-TREINO

Publicado às 18h31 deste sábado, 24 de janeiro de 2015.
O Santos venceu o Cotia em jogo-treino realizado na tarde deste sábado (24), no CT Rei Pelé pelo placar de 4 a 0 . Os gols do amistoso foram convertidos por Thiago Ribeiro ainda no primeiro tempo e completaram a contagem o jovem Lucas Crispim, Elano que marcou um gol olímpico e Ricardo Oliveira, os três últimos na etapa complementar

O técnico Enderson Moreira não pode contar com todos os jogadores do seu elenco já que Caju e Gabriel estão servindo a Seleção Brasileira sub-20 que disputa o Sul-Americano da categoria, além de Alison, lesionado que foi poupado e Cicinho com dores musculares na coxa esquerda.

A partida que serviu de preparação para a estreia da equipe no Estadual na próxima semana, dia 1, contra o Ituano, às 19h30, no estádio da Vila Belmiro. 

O técnico santista mandou a campo o Peixe com a seguinte formação: Vladimir; Vitor Ferraz, Gustavo Henrique, David Bráz e Chiquinho; Leandrinho, Renato e Lucas Lima; Geuvânio, Thiago Ribeiro e Robinho. 

No decorrer do confronto, os demais do elenco entraram nas vagas dos titulares. Entre eles, o meia Elano, e o atacante Ricardo Oliveira (cada um marcou um gol), outros dois reforços já apresentados a imprensa e a torcida. No segundo tempo o alvinegro formou com Vladimir; Crystian, Werley, Paulo Ricardo e Ze Carlos; Lucas Otávio, Serginho e Elano; Lucas Crispim, Diego Cardoso e Ricardo Oliveira.

Já os meio-campsitas Valência e Marquinhos Gabriel, contratados para a temporada, não participaram do jogo e treinaram separadamente.




COXA CONFIRMA VANDERLEI NO PEIXE

Ao contrário do que publicou o Blog na noite desta sexta-feira (23), de que o Peixe conseguiu o empréstimo de Vanderlei, o site do Coritiba afirma neste sábado que o clube de Vila Belmiro comprou parte dos direitos econômicos  do goleiro e permaneceu com uma fatia para lucrar em uma futura venda, caso a mesma aconteça com o atleta de 31 anos.

Por sua vez, o Santos ainda não oficializou a aquisição de Vanderlei, o que é uma questão de tempo para que o mesmo possa se deslocar até a Baixada e assinar o seu vínculo com o novo clube, algo que deve acontecer na próxima segunda-feira (26).


Para não dizer que não falei das flores, o goleiro trazido do Coritiba tem muita qualidade, mas confesso ser fã do futebol do promissor Gabriel Gasparotto, convocado algumas vezes para as Seleções Brasileira de base, pegador de pênaltis e Campeão da Taça São Paulo pelo Peixe em 2013. Creio que o dia em que derem uma chance ao jovem, ele poderá ir tão bem como foi o Rafael Cabral, campeão pela Libertadores com o Santos e atualmente no Napoli-ITA.

Vanderlei, Vladimir, Gabriel Gasparotto, além de João Paulo são os goleiros que trabalharão com o preparador Arzul e ficarão a disposição de Enderson Moreira.
Leia Mais »
 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by