FOTO CAPA

DETALHES DOS SALÁRIOS SEPARAM MARINHO DE SER REFORÇO DO PEIXE

Publicado às 14h55 desta terça-feira, 21 de Maio de 2019.
O atacante Marinho está muito próximo de ser anunciado como reforço do Santos para temporada 2019. O jogador será envolvido em um troca pelo zagueiro David Braz que pertence ao clube da Vila Belmiro e está emprestado ao Silvaspoor-TUR. Pelo que o Blog do ADEMIR QUINTINO apurou  o Grêmio, dono dos seus direitos econômicos exige U$ 1,2  milhão (R$ 4,86 milhões) de ressarcimento.

Entre o Peixe e o tricolor dos Pampas está tudo encaminhado. Entre o zagueiro David Braz e o clube gaúcho também, com isso, falta apenas o acerto do salário de Marinho com o alvinegro. O atacante tem vencimentos de R$ 350 mil mensais no Sul do país. 

O Glorioso da Vila topa bancar o mesmo salário que os gaúchos, porém, no atual contrato de Marinho, consta pelo que o Blog do ADEMIR QUINTINO obteve de informação que o time de Porto Alegre, deposita valores quadrimestrais referentes a luvas parceladas de quando o jogador foi negociado com o Grêmio dos chineses do Changchun Yatai, por R$ 8 milhões. Com os valores diluídos das luvas, seu salário aumenta em quase R$ 100 mil/mês e por essa razão, o negócio ainda não foi sacramentado, porque as partes - staff de Marinho e Santos ainda não se acertaram num valor que conforte as duas partes.

Marinho tem 29 anos de idade e chegou ao Grêmio há um ano, mas não conseguiu se firmar como titular e quer vir para São Paulo, no clube onde chegou a jogar nas categorias de base em 2007, para alavancar a carreira. Ele foi destaque do Brasileiro de 2016 pelo Vitória-BA. O atacante tem contrato com o time do Sul até 2021. Já o zagueiro David Braz tem contrato com o Santos apenas até fevereiro do ano que vem.

Mano Brown fala de tudo um pouco durante a entrevista.
MANO BROWN NO PRONTO EU FALEI - EXCLUSIVO

Santista de coração, porém avesso a entrevistas, o vocalista de um dos mais importantes grupos do rap brasileiro, o que mais público atrai para seus shows de rua e que já vendeu milhares de CDs, Mano Brown aceitou uma entrevista exclusiva para o meu canal oficial no YouTube.

É comum, o vocalista dos Racionais, considerado a voz da periferia pobre de São Paulo ser encontrado nas arquibancadas do Pacaembu ou da Vila Belmiro, tamanha sua paixão pelo Santos. O cantor e compositor faz da sua música um protesto e uma denúncia contra o racismo, o crescimento urbano caótico e a dura vida nos bolsões de pobreza da cidade. 

O programa vai ao ar nesta terça-feira (21) no meu canal oficial no youtube - Pronto, eu falei: https://www.youtube.com/watch?v=JvrCy3dfeVY

Aproveite para se inscrever no canal e ficar ciente de quando novos programas estarão no ar: https://www.youtube.com/channel/UCchsQPiX1jRRK-PzDRku8dg


strutura.com.br


Leia Mais »

NÃO DEU NADA CERTO

Publicado à 02h30 deste domingo, 19 de Maio de 2019.
O Santos conheceu sua primeira derrota no Campeonato Brasileiro de 2019. Em partida que valia a liderança, Sampaoli mexeu no time e ao contrário da primeira rodada, diante do Grêmio que deu certo, dessa vez, o Peixe foi presa fácil para o Palmeiras que goleou por 4 a 0, no começo da noite deste sábado (18).

Conforme o Blog do ADEMIR QUINTINO antecipou na sexta-feira (17) o argentino que comanda o Peixe mandou o time com quatro volantes no meio campo - Alison, Pituca, Jean Lucas e Sanchez, mas não abriu mão de três zagueiros, sendo que um deles, Lucas Veríssimo atuou como um falso ala pela direita. Em 20 minutos, o Palmeiras já estava com 2 a 0 no placar, sem correr riscos e com uma facilidade jamais imaginada. 

O Santos provou do veneno que ele normalmente oferece aos adversários. A intensidade na marcação da última linha do Palmeiras, não deixava o Santos sair da defesa e os gols foram acontecendo com muita tranquilidade pelo adversário que encaixou uma grande partida.

Na segunda etapa, os mandantes afrouxaram um pouco a marcação, mas o Santos fazia uma partida tecnicamente horrível em todos os aspectos. Virou 2 e terminou 4.

Foi a sétima derrota em 31 partidas na temporada. Três deles terminaram com o Peixe sofrendo goleada - Ituano, Botafogo-SP e agora Palmeiras. 

Pelo Brasileiro, o Santos só volta a jogar no próximo fim de semana, diante do Internacional-RS, na Vila Belmiro. O duelo pode marcar a despedida do 'rayo' Rodrygo que não atuou neste sábado, em razão de dores em um dos tornozelos, além de pelo que o Blog do ADEMIR QUINTINO apurou o camisa 11 sentiu dores no adutor, assim como o centroavante Sasha que não ficou nem banco de reservas. 


FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS 4 X 0 SANTOS
Estádio: Pacaembu, em São Paulo (SP)
Árbitro: Rafael Traci (SC)
Público e renda: 30.058 pagantes/ R$ 987.830,00
Cartões amarelos: Dudu, Felipe Melo (PAL) e Derlis González, Gustavo Henrique, Alison (SFC)
GOLS: Gustavo Gómez 5'/1ºT (1-0), Deyverson 18'/1ºT (2-0), Raphael Veiga 6'/2ºT (3-0) e Hyoran 42'/2ºT (4-0)
PALMEIRAS: Weverton, Marcos Rocha, Luan, Gustavo Gómez e Diego Barbosa; Felipe Melo, Bruno Henrique (Thiago Santos 45'/2ºT), Dudu, Raphael Veiga (Moisés 31'/2ºT) e Zé Rafael (Hyoran 35'/2ºT); Deyverson. Técnico: Luiz Felipe Scolari.
SANTOS: Vanderlei, Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique, Felipe Aguilar (Victor Ferraz 29'/2ºT) e Felipe Jonatan (Cueva 8'/2ºT); Pituca, Alison e Jean Lucas (Jean Mota intervalo); Sánchez, Soteldo e Derlis González. Técnico: Jorge Sampaoli.

Lucas Veríssimo um dos poucos que se salvaram do fiasco no Pacaembu.
NOTAS DOS JOGADORES DO SANTOS
Vanderlei: Tentou adivinhar a trajetória da bola no segundo gol e saiu antes. - 5,0
Lucas Veríssimo: Tentou marcar pela direita e até foi a frente em alguns momentos. - 5,5
Gustavo Henrique: Com o meio de campo sem pegada, estouro tudo na defesa que também foi envolvida. - 5,0 
Felipe Aguilar: Faltou sorte no terceiro gol, pois a bola desviou em seu corpo e matou o goleiro Vanderlei. - 5,0
(Victor Ferraz): Quando entrou a 'vaca' já tinha deitado. - 5,0
Felipe Jonatan: Não vinha mal, apesar de aparecer pouco a frente, mas perdeu a bola que originou o terceiro gol. - 5,0
(Cueva): Sigo aguardando a estréia da segunda maior contratação da história do clube. Rosca de assistência e gols em 15 partidas. - 4,0
Pituca: Um dos melhores meio-campistas do país, teve uma má jornada. Não conseguiu conter Gomes no primeiro gol e perdeu a bola que originou o segundo. - 4,5
Alison: Correu, mas tinha momentos que não conseguia cobrir a avalanche do ataque palmeirense. - 5,0
Jean Lucas: Discreto. - 5,0
(Jean Mota): Conseguiu armar algumas poucas jogadas. - 5,5
Sánchez: Apagado no primeiro tempo. No segundo, se movimentou, chutou uma bola na trave. - 5,5
Soteldo: Tentou, mas sem nenhuma objetividade. - 5,0
Derlis González: Não vive seu melhor momento. Pode entregar mais e tem capacidade para isso. - 5,0
Técnico: Jorge Sampaoli: Errou na estratégia de jogo. Não tinha plano B para jogar contra um adversário de qualidade. - 4,5

URIBE

A contratação do colombiano Uribe, o sonhado camisa 9 que Sampaoli tanto deseja 'subiu no telhado'.

O Blog do ADEMIR QUINTINO apurou que o jogador pediu salários e direitos de imagem de R$ 600 mil mensais e o Flamengo só aceita negociar o atleta se for em definitivo. O clube carioca pediu os mesmos R$ 6 milhões que pagou ao Toluca-MEX para ter o atacante, o ano passado.

O Santos tenta diminuir a pedida do atleta e persuadir o clube da Gávea a diminuir os valores  para contratar o jogador.

strutura.com.br
Leia Mais »

VALE A LIDERANÇA

Publicado às 20h20 desta sexta-feira, 17 de Maio de 2019.
Neste sábado (18), o Santos enfrenta o Palmeiras, no estádio do Pacaembu em partida válida pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. O duelo vale a liderança da competição. Sampaoli, como de costume, não revela o time que inicia o jogo. A partida tem transmissão exclusiva da TNT, Após o jogo, o canal apresentará o programa 'O Último Lance' em que participarei, logo após a bola parar de rolar. 

O Santos encerrou a preparação para o clássico com uma atividade no CT Joaquim Grava do rival SCCP, na cidade de São Paulo. Depois do empate diante do Atlético-MG pela Copa do Brasil, em Belo Horizonte, o elenco santista não retornou a Baixada Santista e por essa razão, a 'logística' fez com que o clube pedisse o Centro de Treinamento do clube paulistano para o último treino, antes do confronto deste fim de semana. 

Ultimo Lance vai ao ar na TNT
Blog do ADEMIR QUINTINO apurou que o argentino Sampaoli pode pela primeira vez usar apenas dois zagueiros em jogo fora de casa, nesta competição. Se isso acontecer, Lucas Veríssimo deixa o time e o homem do 'amor por él balón' pode usar a estratégia de povoar o meio-campo com mais volantes do que costuma ter com Alison, Jean Lucas, Pituca e Sánchez e na frente Soteldo e Dérlis.  

Por citar Lucas Veríssimo, o camisa 28 que ficou cinco meses sem atuar, em razão de contusão, voltou muito bem e afirmou em entrevista coletiva que o Santos tem de se preocupar em impor o seu estilo e não somente com o adversário:
"Sabemos da qualidade do Palmeiras. Quem entrar vai se dedicar para jogar bem. No começo do ano se falava que eles tinham até três equipes bem qualificadas e sabemos que têm. Mas nós também temos um time qualificado. O professor (Jorge Sampaoli) tem feito revezamentos para estarmos aptos e jogarmos sempre com 100% das nossas condições. Não temos que nos preocupar com o Palmeiras e sim com o nosso futebol, com o que temos apresentado pensando sempre em melhorar." garantiu 'Lucão'.
O Palmeiras é o mandante da partida e ao lado do Santos junto com o São Paulo, estão empatados com 10 pontos no topo da classificação. O alviverde da capital, no entanto, leve vantagem no saldo de gols. 

O provável Santos deve ir a campo com Vanderlei; Felipe Aguilar, Gustavo Henrique; Victor Ferraz, Alison, Jean Luca, Pituca e Sánchez (Veríssimo) e Jorge; Soteldo (Rodrygo) e Dérlis (Jean Mota).

strutura.com.br
Leia Mais »

SANTOS ENCAMINHA ACERTO POR URIBE. FLA QUER NEGOCIAR SOMENTE EM DEFINITIVO

Publicado às 07h30 desta sexta-feira, 17 de Maio de 23019.
O Santos encaminha a compra do atacante Fernando Uribe do Flamengo. Os cariocas até então irredutíveis em negociar o jogador, dão sinais de que aceitam negociá-lo, porém, somente em definitivo.

O técnico Abel Braga disse na última quarta-feira (15) na entrevista coletiva, após a vitória rubro-negra sobre o SCCP, em Itaquera, pela Copa do Brasil que o colombiano perdeu espaço já que o jovem Lincoln, ganhou chances e foi bem e passa a ser o substituto de Gabriel Barbosa, o titular da posição.

A princípio, como o Santos tem um saldo para receber do clube da Gávea, em razão da venda de Bruno Henrique no começo da temporada e está sendo realizada de forma parcelada, o acordo pode ser feito através de abatimento desses valores. A proposta santista é que o dinheiro a ser pago ao rubro-negro seja descontado da última parcela.

O técnico santista Jorge Sampaoli cobra da direção um camisa 9 cascudo desde que chegou a Vila Belmiro no começo do ano.

Uribe está com 30 anos e foi contratado pelo Flamengo, em junho do ano passado vindo do Toluca-MEX, para substituir Paolo Guerrero que teve problemas de suspensão e foi para o Inter de Porto Alegre, em seguida. Na operação, o Flamengo desembolsou cerca de R$ 6 milhões por 100% dos direitos econômicos do jogador.

Neste ano, Uribe jogou até o momento em 14 partidas e marcou dois gols. O staff do jogador evita em falar sobre o assunto e também não descarta um retorno ao México, onde o jogador fez muito sucesso.

strutura.com.br
Leia Mais »

TUDO IGUAL E DECISÃO FICA PARA O JOGO DA VOLTA

Publicado às 08h13 desta quinta-feira, 16 de Maio de 2019.
O Santos empatou com o Atlético Mineiro em 0 a 0, na primeira partida (ida) das oitavas de final da Copa do Brasil, na Arena Independência, Em Belo Horizonte, na noite desta quarta-feira (15). O jogo de volta está marcado para o dia 6 de Junho. O Peixe tenta a antecipação do duelo para poder contar com os jogadores estrangeiros convocados para a Copa América, que será disputada no Brasil, à partir da semana seguinte.


A primeira etapa foi do Peixe com 63% de posse de bola e poucos ataques perigosos. Nos 45 minutos finais, o time da casa avançou suas linhas, dificultou a saída de bola do alvinegro e ofereceu mais perigo, mesmo com Jean Lucas tendo uma ótima oportunidade, no fim do jogo. 

Se a apresentação santista na parte final da partida não foi satisfatória, o alvinegro da Vila conseguiu um bom e importante resultado, pois terá a oportunidade de decidir 'em casa' a classificação. 

Uma nova igualdade entre as equipes leva o duelo para a decisão nas penalidades máximas. 

No próximo sábado (18), o Santos volta a campo, desta vez pelo Campeonato Brasileiro. O Peixe enfrentará o Palmeiras, no estádio do Pacaembu, às 19h com transmissão exclusiva na TNT para todo o país. O encontro vale a liderança do Campeonato. Ambas as equipes tem 10 pontos e dividem o posto mais alto da tabela nas primeiras quatro rodadas.

Sampaoli, suspenso acompanhou o jogo de um dos camarotes do estádio. 
FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-MG 0 x 0 SANTOS
Arena Independência, em Belo Horizonte (MG)
Público/Renda: 11.176 torcedores/ R$ 178.476,00
Árbitro: Rodrigo D'alonso Ferreira (FIFA/SC)
Cartões amarelos: José Welison, Elias (ATL); 
ATLÉTICO-MG: Victor; Guga, Réver, Igor Rabello e Fábio Santos (Patric, 4’/1ºT); José Welison, Elias e Luan (Nathan, 23’/2ºT); Chará, Geuvânio (Cazares, 13’/2ºT) e Ricardo Oliveira. Técnico: Rodrigo Santana. 
SANTOS: Éverson; Victor Ferraz, Aguilar, Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique e Jorge; Jean Lucas, Pituca e Jean Mota (Sasha, 27’/2ºT); Rodrygo (Cueva, 32’/2ºT) e Derlis González (Soteldo, 17’/2ºT). Técnico: Jorge Sampaoli.

NOTAS DOS JOGADORES DO SANTOS
Éverson: Bem colocado em grande parte dos lances. Duas boas defesas. - 6,5
Victor Ferraz: Não comprometeu na marcação e quase marcou um gol de fora da área na primeira etapa. - 6,0
Aguilar: O defensor mais rápido do elenco. Bem no desarme. - 6,5
Lucas Veríssimo: Como Victor Ferraz apóia 'por dentro' era o camisa 28 que efetuava a cobertura por este setor. Bem posicionado. - 6,0
Gustavo Henrique: Bem na marcação individual em Ricardo Oliveira. Ainda se aventurou no ataque em algumas bolas aéreas. - 6,0
Jorge: Muita qualidade técnica. Bem no apoio pela esquerda. Fez muito o que Ferraz faz pela direita, apoiar por dentro. - 6,5
Jean Lucas: Sobra fisicamente com passadas largas e bom posicionamento. - 6,5
Pituca: Bastante movimentação. Não apareceu tanto a frente para finalização como de costume. - 6,5
Jean Mota: Atuou de falso nove em muitos momentos. Foi bem na primeira etapa. Está no sacrifício em razão de dores no joelho. O meio-campista disse que as dores estão diminuindo. - 6,0
(Sasha): Entrou quando o Santos era pressionado pelo adversário. A bola não chegou no camisa 27, nem para ele tentar confundir a defesa com seus ótimos deslocamentos. - 5,5
Rodrygo: Assim como Jean Mota, fez bom primeiro tempo com deslocações e incomodando os alas defensivos do Galo. Com a ascensão do time da casa na segunda etapa, não recebeu bolas e o rendimento caiu. - 6,0
(Cueva): Quatorze jogos, nenhuma assistência, nenhum gol. Entrou para dar mais criatividade no setor. Assistiu passivamente o melhor momento dos donos da casa na partida. Sigo aguardando a sua estréia. - 5,0
Derlis González: Bom jogador, esforçado, mas ainda não reeditou seus grandes jogos dos primeiros meses do ano. Tem bola para render mais. - 5,5
(Soteldo): Era o homem para quebrar as linhas na segunda etapa. Conseguiu em alguns poucos momentos. - 6,0
Técnico: Jorge Sampaoli:


strutura.com.br
Leia Mais »

EM BUSCA DE UM BOM RESULTADO FORA DE CASA

Publicado ás 09h40 desta quarta-feira, 15 de Maio de 2019.
O Santos enfrenta o Atlético Mineiro nesta quarta-feira (15), em jogo de ida válido pelas oitavas de finais da Copa do Brasil, às 19h15 na Arena Independência, em Belo Horizonte. O técnico Sampaoli com de costume não divulgou o time titular. Como tem adotado nos jogos fora de casa durante o Campeonato Brasileiro a expectativa é de que a formação que vai iniciar o jogo comece com três zagueiros. 

Para o duelo desta noite em Minas Gerais, todo o elenco santista está à disposição. Nos quatro primeiros jogos do Brasileiro, o Santos ainda não repetiu a mesma formação duas vezes.

Rodrygo em entrevista exclusiva ao canal no youtube Pronto, eu falei
O alvinegro praiano conta com um retrospecto a seu favor. Jamais foi eliminado pelos mineiros em competições de mata-mata. Em 1964, pela Taça Brasil, o Peixe eliminou o Galo nas quartas de final ao vencer os dois duelos por 4 a 1 e 5 a 2, respectivamente. Depois, só voltaram a se enfrentar na semifinal do Brasileiro de 1983 com vitória santista por 2 a 1 no jogo de ida e 0 a 0, no Mineirão. Na Copa do Brasil, nas quartas de finais de 2010, novo sucesso do Glorioso da Vila. O time então comandado por Dorival Junior perdeu o primeiro jogo por 3 a 2 e venceu o segundo por 3 a 1.
"Um jogo muito difícil, principalmente este primeiro fora de casa, onde eles são muito fortes. Mesmo eu não podendo ficar até o fim da competição, eu quero sair com o clube classificado a outra fase. Independente do primeiro jogo ser na casa deles, vamos tentar construir um bom resultado e depois em casa, garantir a classificação", disse o camisa 11 em entrevista exclusiva a este jornalista no canal do youtube Pronto, eu Falei.
O rayo da Vila disse que o time está sabendo virar a chave das duas competições simultâneas que o clube disputa: Copa do Brasil e Brasileiro. No campeonato Nacional de pontos corridos, o time enfrenta o Palmeiras, no fim de semana com transmissão da TNT. A partida válida pela quinta rodada, vale a liderança:
"Nosso pensamento é só no Atlético, estamos bem no Brasileirão, mas o foco é só no Galo, depois de hoje à noite pensaremos no Palmeiras, nosso próximo jogo no sábado." disse Rodrygo.
Perguntado se marcaria gols, o jovem que vive seus últimos dias de Santos se limitou a dizer o seguinte:
"Espero que tenha (raios), mas não dá pra prometer, não. Vou dar o máximo para que tenha." finalizou a joia santista. 
O provável Santos deve ir a campo com Éverson; Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique e Felipe Aguilar; Victor Ferraz, Jean Lucas, Pituca, Jean Mota e Jorge; Rodrygo e Soteldo (Sasha). 

SANTOS- PARANÁ- SÃO PAULO 

Nesta quarta-feira, estou em Curitiba, onde vou acompanhar o sub-17 do Santos comandado por Márcio Griggio diante do Coritiba, no estádio Couto Pereira, às 15h. 

Assim, que a partida se encerrar, volto a São Paulo, onde às 23h30 participo do #Mais90 na tela do Space . 

Os "Meninos da Vila" são líderes no Campeonato Paulista com cinco vitórias em cinco jogos, porém, no Brasileiro, buscam seu primeiro triunfo na competição.

strutura.com.br


Leia Mais »

SEGUE O LÍDER

Publicado às 09h25 desta segunda-feira, 13 de Maio de 2019.
O Santos goleou o Vasco da Gama, neste domingo, por 3 a 0, no estádio do Pacaembu. Com o resultado, o alvinegro da Vila assume novamente a ponta da classificação ao lado do Palmeiras, ambos com 10 pontos. O time paulistano tem um saldo melhor e no critério de desempate (7 a 5), está a frente do Peixe. As equipes se enfrentam na próxima rodada, no Estádio do Pacaembu, no próximo sábado (18). Os gols do time praiano sobre os cariocas foram de Pituca, Rodrygo, o melhor do jogo e Soteldo.

Sampaoli mandou a quarta formação diferente do Santos em quatro jogos do Campeonato Brasileiro. Desta vez, o treinador argentino sacou Felipe Aguilar e Jean Mota da formação considerada titular. Sánchez ganhou nova chance no meio-campo e Lucas Veríssimo entrou na defesa.

Com um Vasco numa formação meio 'kamikase' num 3-3-3-1 sendo que na linha mais baixa, dois dos três componentes foram improvisados,pois um é lateral e o outro, volante de ofício, com isso, os cariocas davam muito espaço entre as 'linhas' e o Peixe que não atuou com três zagueiros nesta rodada e com jogadores muito leves e rápidos, principalmente o 'rayo' Rodrygo e o venezuelano Soteldo era questão de tempo para os gols saíssem. 

O Santos fez três, como podia ter feito sete, tamanho o número de chances criadas e além disso, contou com uma má performance técnica do goleiro Sidão, ex-São Paulo que não fez uma boa partida pelo time de São Januário e teve muita classe e dignidade para receber o troféu de melhor em campo, eleito por internautas de forma irônica na TV Globo, que demonstrou uma insensatez e foi até o fim numa extrema deselegância com o arqueiro vascaíno em seu local de trabalho. A emissora, após a partida, em razão da repercussão, emitiu nota com pedido de desculpas, assim como um dos comentaristas da transmissão Walter Casagrande, que se justificou em uma publicação através de uma de suas redes sociais.

Independente da qualidade técnica duvidosa para não afirmar deficitária do adversário, o alvinegro fez sua obrigação, inclusive com demonstrações da intensidade tanto exigida por Sampaoli. 

Para não dizer que não falei das flores, preocupa e muito, a falta de pontaria na finalização. Um atacante de área acostumado a balançar as redes e este atleta deixaria o gramado no mínimo, sem medo de errar com três gols.

Neste meio de semana, o Santos volta a campo, porém, na Copa do Brasil, em jogo de ida em Belo Horizonte, diante do Atlético Mineiro pelas oitavas de finais da Copa do Brasil. 

FICHA TÉCNICA
SANTOS 3 x 0 VASCO-RJ
Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Árbitro: Paulo Roberto Alves Junior (PR)
Público e renda: 11.411 pagantes (12.952 total)/ R$ 343.355,00
GOLS: Pituca (19′ 1ºT), Rodrygo (32′ 1ºT), Soteldo (27′ 2ºT);
Cartões Amarelos: Ricardo (VAS), Maxi López (VAS), Jean Lucas (SFC).
Cartão Vermelho: Danilo Barcelos (VAS);
SANTOS: Vanderlei, Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique, Jorge, Jean Lucas (Alison),  Pituca (Derlis González), Carlos Sánchez, Rodrygo, Sasha (Jean Mota), Soteldo. Técnico: Jorge Sampaoli.
VASCO: Sidão, Yago Pikachu, Luiz Gustavo (Andrey), Ricardo, Danilo Barcelos, Bruno Silva, Raul (Bruno César), Lucas Mineiro, Marrony, Rossi (Valdívia), Maxi López. Técnico: Marcos Valadares.


Sampaoli realiza grande trabalho a frente do Santos.
NOTAS DOS JOGADORES DO SANTOS
Vanderlei: Sem culpa no gol sofrido. Os cariocas ofereceram pouco perigo a meta santista. - 6,0
Victor Ferraz: Bem no primeiro passe da armação de jogada no apoio 'por dentro'. Teve trabalho duro na marcação do rápido Marrony, mas deu conta do recado. - 6,5
Lucas Veríssimo: Voltou muito bem depois da lesão. Zagueiro com muita personalidade. Quase marcou um gol de cabeça. Só não vai levar nota maior porque foi um dos envolvidos no gol vascaíno. Sorte que o VAR ajudou, pois se não seria o empate do time da cruz de malta. - 6,0
Gustavo Henrique: O arroz com feijão bem temperado de sempre. Também só teve um lapso durante todo o jogo. No gol de Maxi Lopes que o VAR anulou. - 6,0
Jorge: Muito técnico. Me lembra muito o Leonardo, ex-São Paulo, Flamengo e campeão do Mundo em 94 com a Seleção Brasileira nos Estados Unidos, tamanho a qualidade com a bola nos pés. Muito técnico. Não deve demorar muito para migrar para o meio de campo. - 7,0
Jean Lucas: Fisicamente, voa o garoto emprestado pelo Flamengo até o fim do ano. Aparece bastante para o jogo. - 6,5
(Alison): Limitou-se a frente da área na marcação e distribuir logo a bola. - 6,0
Pituca: Gosto do volante canhoto santista dessa forma, jogando mais a frente, 'pisando' na área. Marcou com eficiência, distribui bons passes e marcou um belo gol de cobertura. - 7,0
(Derlis González): Jogou pouco - SEM NOTA
Sánchez: Era para sair consagrado ontem do 'próprio da municipalidade paulistana', porque apareceu, deu opção de passe, virou jogo, mas pecou nas finalizações. Quando acertou parou na trave. - 6,5
Rodrygo: Acabou com o jogo. Marcou pressão na saída de bola, deu drible de corpo, fez um golaço e participou dos três gols da partida. Há menos de um mês de sua partida, vai deixar saudades, porque vai amadurecer ainda mais e vai brilhar no velho continente. - 8,0
Sasha: Aplicado, bastante movimentação, mas não conseguiu finalizar. Foi substituído. - 6,0
Jean Mota: Deu nova dinâmica ao time santista que pareceu em alguns momentos, estar satisfeito com o resultado. - 6,5
Soteldo: Não fez bom primeiro tempo. Suas tomadas de decisões em grande maioria foram equivocadas nos primeiros 45 minutos. Voltou melhor na segunda etapa e foi coroado com um gol. - 6,5
Técnico: Jorge Sampaoli: É o grande nome da equipe na temporada. Graças a ele, a direção se mexeu para contratar e com carência em algumas posições faz omeletes muitas vezes sem ovos. Quando o time caiu de produção, acertou nas alterações. - 7,0


LÉO HOMENAGEADO

Neste fim de semana, a Embaixada do Santos de São Paulo  realizou mais um maravilhoso evento que homenageou o ídolo Léo, maior vencedor de títulos pelo clube após a Era Pelé. Cerca de mil santistas compareceram ao Quintal do Espeto, na Vila Madalena, em São Paulo para reverenciar o ex-jogador que atuou em 457 partidas e marcou 24 gols, entre eles o do título Brasileiro de 2002.
"O Santos é tudo para mim. Estou meio afastado por uma escolha pessoal, mas o carinho do torcedor e a instituição sempre esteve e estará no meu coração." disse o maior lateral-esquerdo na história do clube.
Aproximadamente mil pessoas foram homenagear o ídolo Léo
O evento teve aproximadamente cinco horas de duração. A Embaixada entregou uma placa ao ex-atleta, agradecendo por tudo que ele representou com a camisa santista e os oito títulos. Foram dois brasileiros, 2002 e 2004, tri-paulista 2010/11 e 12; Libertadores 11, Copa do Brasil 2010 e Recopa Sul-Americana 2012. 


Fábio Lopes e Ricardo Agostinho da Embaixada em S.Paulo
O embaixador Ricardo Agostinho classifica os eventos organizados pela sua entidade como o resgate do espírito da família santista:
"Novamente um sucesso de público e de organização com parceiros como o Ademir Quintino e outros que ajudam a manter o Santos como protagonista do futebol mundial.


Mano Brown é líder dos Racionais e santista assumido.
MANO BROWN NO YOUTUBE COM ADEMIR QUINTINO

Santista de coração, porém avesso a entrevistas, o vocalista de um dos mais importantes grupos do rap brasileiro, o que mais público atrai para seus shows de rua e que já vendeu milhares de CDs, Mano Brown aceitou uma entrevista exclusiva para o meu canal oficial no YouTube.

É comum, o vocalista dos Racionais, considerado a voz da periferia pobre de São Paulo ser encontrado nas arquibancadas do Pacaembu ou da Vila Belmiro, tamanha sua paixão pelo Santos. O cantor e compositor faz da sua música um protesto e uma denúncia contra o racismo, o crescimento urbano caótico e a dura vida nos bolsões de pobreza da cidade. 

A gravação acontece esta semana e o programa vai ao ar na próxima terça-feira (21) no meu canal oficial no youtube - Pronto, eu falei. Aproveite para se inscrever no canal e ficar ciente de quando novos programas estarão no ar.


O progama terceiro tempo da TV Bandeirantes vai ao ar aos domingos das 18h às 20h.
TERCEIRO TEMPO

Neste domingo (12) estive no programa Terceiro Tempo apresentado por Milton Neves na TV Bandeirantes como convidado.

Também participaram do dominical esportivo os comentaristas e ex-jogadores Neto, Denílson e Alline Calandrini.

Aproveito o ensejo para agradecer a todos que me acompanharam no programa e principalmente pelas energias positivas dos que torcem pelo meu sucesso na carreira, principalmente pelas energias positivas dos que torcem pelo meu sucesso na carreira!

strutura.com.br




Leia Mais »

SÁNCHEZ: "QUERO JOGAR SEMPRE"

Publicado às 11h54 desta quinta-feira, 9 de maio de 2019.
Em razão da maratona de jogos, desgaste físico, a intensidade que exige principalmente na 'marcação alta' tem feito com que o técnico do Santos - Jorge Sampaoli não tem mantido um time base no Campeonato Brasileiro e 'roda' bastante o elenco. O meio-campista Sánchez, um dos mais conhecidos da torcida alvinegra, que foi titular diante do Fluminense, na segunda rodada e ficou no banco diante do Grêmio-RS e CSA (no último sequer entrou no jogo), afirmou em entrevista coletiva que se dependesse do jogador, não tem 'rodízio' não, quer começar como titular em todas as partidas:
Sampaoli tem variações de jogadores para utilizar. Óbvio que me incomoda, quero jogar sempre. Ver de fora não gosto, isso ocorre a qualquer um. Me adapto rápido à situação, ele busca o melhor à equipe, buscando outra característica. Temos que pensar em melhorar. Obviamente quero jogar sempre, mas depende dele. Estou sempre à disposição”, afirmou o dono da camisa 7 do Peixe, na manhã desta quinta-feira (9).
Sem rodada no meio desta semana, Sampaoli ainda não deu pistas de qual time escalará diante do Vasco, domingo, dia das mães, no estádio do Pacaembu, às 16 horas, em jogo da quarta rodada da competição nacional. O Alvinegro é vice-líder ao lado de São Paulo e Palmeiras, todos com 7 pontos em três jogos, atrás apenas do Atlético Mineiro com 9.
Trabalhamos durante a semana, depois ele (Sampoli) decide quem joga. Ele decide para equipe funcionar da melhor forma. Não atrapalha muito. Temos que pensar em jogar sempre, treinar bem para o técnico ver, confiar e colocar entre os 11” disse Pato Sánchez.
Diante do Grêmio, no Sul do país, Sánchez jogou apenas 10 minutos com os acréscimos. Na rodada seguinte contra o Flu na Vila, o jogador que disputou a última Copa, na Rússia, pelo seu país - o Uruguai, começou o jogou e marcou o segundo gol da vitória do Peixe. No último domingo (5), em Maceió, o meio-campista ficou entre os suplentes e não entrou no transcorrer do jogo:
"Obviamente os jogadores não podem bem sempre. É impossível dizer que vou jogar bem sempre, não tenho certeza. Trato de lutar, correr até a última bola. Sempre sinto que tenho responsabilidade dar meu melhor. É uma responsabilidade linda, um termômetro para pensar e dar o máximo. Assumo da melhor maneira, lutando pela equipe e treinar melhor”, finalizou.

COM JANELA EUROPÉIA FECHADA, EX-ZAGUEIRO DO PEIXE TREINA EM MATO GROSSO 

Matheus Guedes deve ir para a Roma-ITA.
O zagueiro Matheus Guedes que deixou o Santos no fim de Março, passa férias com familiares no interior do Mato Grosso. O jovem de 19 anos que não chegou a um acordo com o Peixe para a renovação,  tem propostas de cinco times de quatro países diferentes. Como clube formador, o alvinegro tem uma porcentagem da cláusula de solidariedade em futuras vendas.

Como a janela de transferência da Europa está fechada, o atleta ainda não pode assinar com ninguém do velho continente. Apuramos que o staff de Guedes esteve na Itália há cerca de 15 dias. A Roma demonstra interesse pelo seu futebol desde o ano passado, conforme revelado pelo Blog do ADEMIR QUINTINO. O provável destino do jogador é a capital da Itália, porém, os responsáveis em gerir a carreira do atleta estudam as demais ofertas recebidas.  

Matheus Guedes de 1,95m, canhoto, se destacou nas categorias de base do clube e foi relacionado algumas vezes para treinar e integrar a delegação do profissional do Peixe em vários jogos da equipe em 2017 e 2018. A primeira vez foi com Elano pelo Campeonato Brasileiro, no Maracanã diante do Flamengo. O ano passado foi relacionado por Jair Ventura para os jogos diante de Palmeiras, Ferroviária, Ituano e São Bento de Sorocaba, todos pelo Campeonato Paulista.

strutura.com.br
Leia Mais »
 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by