FOTO CAPA

SEM BÔNUS, RICARDO GOMES É O NOVO EXECUTIVO DO FUTEBOL SANTISTA

Publicado às 21h50 desta quarta-feira, 20 de junho de 2018.
Ricardo Gomes é o novo executivo de futebol do Santos. A confirmação do acerto aconteceu há pouco, durante a reunião do Comitê de Gestão que aconteceu na noite desta quarta-feira (20). O Blog do ADEMIR QUINTINO apurou que todas as bonificações por títulos, objetivos alcançados, que a maioria dos membros do CG solicitaram que fossem retiradas da minuta apresentada na tarde de hoje e impediam o acerto, foram eliminados do documento a ser assinado. 

Sete dos nove membros do CG concordavam com as condições contratuais, mas pediam que fossem retirados os gatilhos.

A apresentação oficial do novo profissional do futebol alvinegro será realizada no Santos Business Center, na tarde desta quinta-feira (21), ás 14 horas.

Gomes substituirá Gustavo Vieira que foi contratado no começo do ano e demitido 45 dias após de assumir a função. 

Desde fevereiro, as contratações e decisões do futebol santista são exclusivas do presidente José Carlos Peres. Foi ele quem conduziu a troca de Zeca e Sasha e negociou a venda de Rodrygo para o Real Madrid.

O capitão da Seleção Brasileira, em 90, vai receber R$ 150 mil. O contrato é de um ano, renovável por mais uma temporada.

Ricardo Gomes não trabalha desde o ano passado quando deixou o mundo árabe. 

strutura.com.br
Leia Mais »

AINDA FALTAM DETALHES PARA CONFIRMAR GOMES COMO EXECUTIVO

Publicado às 17h10 desta quarta-feira, 20 de junho de 2018.
O Comitê de Gestão que administra do Santos, ainda não aprovou a contratação de Ricardo Gomes como novo Executivo de futebol do clube.  Pelo que o Blog do ADEMIR QUINTINO  apurou, as bonificações colocadas numa minuta de contrato não agradam o colegiado. As negociações continuam, entretanto, por enquanto, apenas dois membros , entre os nove, concordam com os valores do bônus no contrato do possível novo profissional santista.

O CG já aceitou as condições contratuais e os valores de aproximadamente R$ 150 mil ao capitão da Seleção Brasileira na Copa de 1990, na Itália, porém, falta esse detalhe. Para a contratação de Gomes ser confirmada, precisa da maioria simples, ou seja, cinco votos para a confirmação. A duração do vínculo será de dois anos.

Para que esse impasse termine, Ricardo Gomes foi convidado a participar da reunião do Comitê de Gestão que vai ter início no começo da noite desta quarta-feira (20). Caso o colegiado seja convencido ou a bonificação tenham os valores diminuídos, ou ainda seja extraído do contrato, o ex-técnico do São Paulo, Botafogo, Vasco, PSG, Vitória-BA, entre outros será confirmado no cargo.

strutura.com.br
Leia Mais »

GUSTAVO EXTRAI DENTES, MAS NÃO SERÁ PROBLEMA NA REAPRESENTAÇÃO

Publicado Às 08h27 desta quarta-feira, 20 de junho de 2018.
Nesta segunda-feira (25), os jogadores do Santos se apresentam para realizar um período de treinos na inter-temporada. O plantel de profissionais ganhou folga de 10 dias, após a vitória diante do Fluminense, semana passada. O Peixe só volta a jogar por competições oficiais, no dia 19 de julho, diante do Palmeiras, no Pacaembu, pelo Brasileiro. No começo do mês que vem tem dois amistosos confirmados no México, diante de Querétero e Monterrey, nos dias 7 e 10, respectivamente. O zagueiro Gustavo Henrique aproveitou a pausa nos treinos para extrair os quatro dentes sisos, nesta terça-feira (19). 

O zagueiro não será problema na reapresentação do elenco. Segundo o especialista em odontologia do Esporte, Dr. Caio Capitani, responsável pelo procedimento, a recuperação e a cicatrização do local, dura em média - de quatro a cinco dias.

Até o momento, o Peixe ainda não anunciou nenhuma contratação visando o retorno para as competições do segundo semestre. O que segue mais próximo de um desfecho nas negociações é a do veterano meio-campista uruguaio Carlos Sánchez de 33 anos, que está disputando a Copa da Rússia e pertence ao Monterrey-MEX, campeão da Libertadores com o River Plate em 2015.

Quem tem cuidado pessoalmente das negociações tem sido o presidente do clube José Carlos Peres. Desde a saída de Gustavo Vieira, que permaneceu na função apenas 45 dias, o mandatário é o responsável pelo futebol do clube. O encontro com o ex-zagueiro e técnico Ricardo Gomes, que estava prevista para a terça-feira (19), foi remanejado para a tarde desta quarta-feira (20), em São Paulo. O profissional é cotado para ser o novo Executivo santista


strutura.com.br
Leia Mais »

RICARDO GOMES E PERES DEVEM SE REUNIR NESTA TERÇA-FEIRA

Publicado às 13h20 desta segunda-feira, 18 de junho de 2018.
O ex-zagueiro e técnico de futebol Ricardo Gomes está muito próximo de acertar com o Santos, porém, na função de Executivo de futebol. Desde a saída de Gustavo Vieira que permaneceu apenas 45 dias no cargo, a direção não colocou outro profissional para exercer a função. Pelo que o Blog do ADEMIR QUINTINO apurou, uma reunião entre Gomes e o presidente José Carlos Peres, deve ser realizada nesta terça-feira (18).

Antes de confirmar um possível acerto, caso seja concretizado, o presidente deve reunir os demais membros do Comitê de Gestão e colocar o nome para ser aprovado pelo colegiado. O primeiro procurado para o cargo era Paulo Autuori, porém, o profissional que estava no Fluminense foi trabalhar no futebol búlgaro.

Ricardo Gomes começou como jogador de futebol no Fluminense. Depois se transferiu para o PSG, clube onde tornou-se treinador, assim que encerrou a carreira como atleta. Também dirigiu no futebol brasileiro, o Vitória-BA, Vasco, Botafogo e São Paulo, entre outros. Foi o capitão Brasileiro na Copa de 90, na Itália, quando o time dirigido por Sebastião Lazaroni foi eliminado pela Argentina com gol de Caniggia.

No ano passado, Ricardo Gomes comandou o Al-Nassr, que tem dois jogadores na seleção da Arábia Saudita.

Quem tem realizado as negociações em nome do Santos, desde fevereiro, tem sido o presidente José Carlos Peres. Foi assim, na venda do atacante Rodrygo e na troca envolvendo o lateral Zeca e o Eduardo Sasha.

No futebol alvinegro, no momento, William Machado é o gerente técnico de futebol, Sérgio Dimas exerce a função de gerente administrativo e Diogo Castro, o coordenador.

strutura.com.br
Leia Mais »

SANTOS VENDE RODRYGO AO REAL MADRID

Publicado às 06h30 desta sexta-feira, 15 de junho de 2018.
O Santos deve convocar nas próximas horas, uma entrevista coletiva nesta sexta-feira (15) para anunciar a venda do jovem atacante Rodrygo ao Real Madrid-ESP. Ela está programada para acontecer às 14h, no Santos Business Center, na capital. O clube merengue desembolsará mais de 54 milhões de euros (R$ 252 milhões) na transação, já que assumiu pagar todos os encargos e impostos que consomem aproximadamente 20% de todo o negócio. O Peixe fica com 40 milhões (R$ 180 milhões) e o jogador com 5 milhões de euros (R$ 22,5 milhões). É a maior transação do futebol brasileiro em toda a história.


A família do atleta que detinha 20% dos direitos econômicos do atacante abriu mão de R$ 4,5 milhões de euros (R$ 17 milhões de reais) para que a negociação fosse concluída. Do montante, os representantes do jogador não receberão nenhum valor da fatia que tem direito agora. Durante as tratativas, ficou decidido que o dinheiro da primeira parcela iria todo para o Peixe. O restante - 25 milhões de euros (20 do Santos e 5 da família do jogador) serão depositados em Junho de 2019, quando o atleta se apresentará ao clube da capital espanhola. 

Rodrygo fica no Peixe por mais 12 meses. O staff do jogador não quer que o garoto se apresente no meio da temporada européia, em janeiro do ano que vem, quando completa 18 anos de idade e por não ter passaporte europeu é  a idade mínima para poder jogador no futebol do velho continente. O pai do atleta - Eric Goes, colocou como prioridade aos espanhóis, assim que a negociação começou, que seu primogênito fique na Vila por mais seis meses, após ele completar a maioridade e só embarque a sua nova casa, no meio de 2019. 

Rodrygo e Luciano.
O 'crioulo' nascido em Osasco, dono de dribles curtos e que corre com a bola próxima do pé direito, estreou no profissional em novembro do ano passado, na vitória sobre o Atlético-MG por 3 a 1, na Vila Belmiro, em partida do Campeonato Brasileiro de 2017. Ele chegou ao Peixe com 10 anos de idade, em 2011 e foi lapidado pelo técnico Luciano Santos, atualmente comandante do time sub-17, com quem trabalhou por seis anos seguidos. Rodrygo marcou seu primeiro gol no time de cima foi em Campinas, no dia 25 de janeiro, na vitória de virada sobre a Ponte Preta, por 2 a 1, em Moisés Lucarelli, pelo Campeonato Paulista deste ano. 

Durante a estadia do 'rayo' na Vila, durante os próximos 12 meses, o Real não vai colaborar com o pagamento dos salários do jogador, que permanecerá sendo responsabilidade integral do Santos, com os valores de mercado ofertados pelo clube brasileiro. O alto salário que o jogador terá direito na Espanha, ele só receberá, apesar da venda, quando estiver na Europa.

A documentação já foi assinada pelas partes e o anúncio só não aconteceu na quinta-feira (14), como o Blog previu, em razão das últimas análises das partes jurídicas dos dois clubes terem consumado horas com alguns detalhes e a diferença no fuso horário para a troca de documentação, via e-mail, também não colaborar (são cinco horas de diferença entre o horário brasileiro e espanhol). 

A negociação não teve intermediários e foi de clube para clube. Assim que recebeu a proposta, o pai e os representantes do jogador, pediram que os merengues procurassem diretamente o Santos. Antes do Real, Rodrygo recebeu proposta do Paris Saint Germain e Barcelona, de 20 e 35 milhões de euros, respectivamente.

Pelo alvinegro, Rodrygo tem até o instante, nove gols em 31 jogos. 

strutura.com.br
Leia Mais »

VERBALMENTE TUDO ACERTADO

Publicado às 10h00 desta quinta-feira, 14 de junho de 2018.
O atacante Rodrygo deve ser anunciado ainda nesta quinta-feira (14) como novo reforço do Real Madrid-ESP, à partir da temporada 2019/2020. O jovem de apenas 17 anos e 31 partidas como profissional, fica na Vila Belmiro até o meio do ano que vem. 

As decisões aconteceram na reunião realizada no fim da quarta-feira (13) com a presença dos membros do Comitê de Gestão santista, incluindo o presidente José Carlos Peres, os representantes do jogador, o gerente jurídico do clube Rodrigo Gama Monteiro, o gerente de Marketing Marcelo Frazão e membros do Conselho Fiscal. Verbalmente ficou tudo acertado. O Real se responsabiliza de pagar todos os impostos da negociação, o que faz com que a transação chegue próximo dos 50 milhões de euros. Essas informações do acordo verbal foram divulgadas no Mais 90 rodada do Esporte Interativo desta quarta-feira (13).

O presidente José Carlos Peres vai se encontrar com o presidente do Conselho Marcelo Teixeira antes de efetivar o anuncio. O mandatário santista já tinha se comprometido a fazer isso. 

Pelo que o Blog do ADEMIR QUINTINO apurou, o Santos recebe 20 milhões de euros imediatamente. O restante será pago parceladamente.

O Peixe ficará com 40 milhões de euros (aproximadamente R$ 180 milhões). A família que tinha direito a 20% da negociação, abriu mão de 4 milhões de euros (R$ 17 milhões) para que o negócio pudesse ser concluído. Rodrygo ficará com 5 milhões de euros (aproximadamente 10%);

Uma entrevista coletiva com todos os detalhes da negociação já está pré-agendada para esta sexta-feira (15) e falta a confirmação do anuncio da venda para que o horário da mesma seja divulgada.

Como a FIFA recomenda que o primeiro contrato de um jogador seja apenas de três anos, o Santos ficou em uma situação complicada. Se não aceita essas condições, corria o risco de o atleta assinar com qualquer agremiação à partir de janeiro de 2020 e o camisa 43 sair da Vila em Junho do mesmo ano, sem que o alvinegro ficasse sem nenhum centavo.

strutura.com.br
Leia Mais »

FORA DA ZONA DURANTE A COPA

Publicado ás 22h58 desta quarta-feira, 13 de junho de 2018.
O Santos conquistou sua primeira vitória fora de casa, neste Campeonato Brasileiro. Na noite desta quarta-feira (13), no Maracanã, com um gol de Bruno Henrique, o alvinegro venceu o Fluminense por 1 a 0 e não sentirá o gosto amargo de permanecer na zona de rebaixamento durante a pausa para a disputa da Copa do Mundo. O Peixe só volta a campo em competição oficial, no dia 19 de julho, no Pacaembu, no clássico, diante do Palmeiras.

Sem Rodrygo, que não viajou para a cidade Maravilhosa e com Sasha ausente com um entorse no tornozelo, o treinador Jair Ventura promoveu a volta de Alison ao meio-campo na vaga de Renato, povoou o setor com quatro jogadores a inclusão de Cittadini e na frente, mesmo sem a forma física ideal e recuperando o seu melhor ritmo de jogo, Bruno Henrique na frente.

No primeiro tempo, o jogo foi bem morno com as equipes sem ímpeto ofensivo e os dois goleiros quase não trabalharam. As emoções ficaram para a etapa complementar.

Na volta do intervalo, o Santos foi um pouco mais agressivo e começou a perder inúmeras oportunidades. Quando tudo caminhava para a igualdade, Pituca milimetricamente encontrou Bruno Henrique dentro da área. O camisa 11, que sofreu demais na temporada com contusões, mostrou todo o recurso que tem e a liderança técnica do ataque santista, matou no peito e marcou o único gol da partida aos 41 do segundo tempo.

Nos últimos quatro jogos, o time teve uma leve evolução. Foram duas vitórias, um empate e uma derrota. Longe do ideal e da capacidade do grupo que é cercado de desconfiança. Pituca, a grande sacada dos últimos jogos. Independente se foi porque não tinham outros jogadores para exercer a função, em razão de muitos contundidos ou se foi uma escolha do treinador, a verdade é que ele entrou, vestiu a camisa e não sentiu o peso.

Sem ufanismos, absolutamente, o time ainda deve e muito , mas valeu bastante os três pontos, em razão de se fosse derrotado, teria o dissabor de ficar durante os próximos 36 dias na zona da degola.

O fato de estar acima da décima sexta colocação não deveria ser motivo para comemorar, porém é a realidade do clube no momento.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 0 x 1 SANTOS
Estádio do Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Rafael Traci (PR)
Público e renda: 7.438 presentes / 6.745 pagantes / 173.580,00
Cartões amarelos: Douglas, Mateus Norton (FLU); Diego Pituca, Alison, Renato (SFC)
Gol: Bruno Henrique, 41'/2ºT (0-1)
FLUMINENSE: Júlio César, Ibañez (Sornoza - 27'/2Tº), Nathan Ribeiro e Luan Peres, Mateus Norton, Douglas, Jadson (Dodi - 35'/2ºT), Richard e Marlon; Pablo Dyego (Dudu - 15'/2ºT) e Pedro. Técnico: Abel Braga
SANTOS: Vanderlei, Victor Ferraz, Gustavo Henrique, David Braz e Dodô; Alison (Copete - 26'/2ºT), Pituca, Cittadini e Jean Mota (Renato - 28'/2ºT); Bruno Henrique e Gabriel  Barbosa (Vitor Bueno - 43'/2ºT). Técnico: Jair Ventura.
Bruno Henrique marcou seu primeiro gol na temporada.
NOTAS DOS JOGADORES DO SANTOS: 
Vanderlei: Só trabalhou no fim da partida. Ataque Fluminense pouco produziu. - 6,0
Victor Ferraz: Apareceu bem no primeiro tempo para armar o time, mesmo na ala. Discreto na segunda etapa. - 6,0
Gustavo Henrique: Bem posicionado, perfeito no jogo aéreo e recupera o seu ritmo de jogo. - 6,5
David Braz: Como diz o meu amigo, o empresário do ramo alimentício Alan Otacílio, o feijão com arroz bem-temperado. - 6,0
Dodô: Nas últimas rodadas não repetiu o bom futebol. - 5,5
Alison: Bem na marcação. Cansou no segundo tempo e foi substituído. - 6,0
(Copete): Ajudou na cobertura da defesa pela esquerda. Jogou pouco. - 5,5
Pituca: O mais regular do jogo. Bom passe, ótimas roubadas de bola e uma assistência 'monstra' - 7,5
Cittadini: Usou bastante sua intensidade pelo lado esquerdo do ataque. - 6,5
Jean Mota: Começou bem, depois caiu de produção. A melhor chance do primeiro tempo foi dele. - 6,0
(Renato): Melhorou a qualidade do passe no meio-campo. - 6,0
Bruno Henrique: Uniu técnica, velocidade e garra. Mesmo sem estar no melhor da forma física, era o único que levava perigo ao ataque. - 8,0
Gabriel  Barbosa: Sem Sasha, voltou a ser a referência do ataque. Jogou de costas. Presa fácil para a marcação da defesa carioca. - 4,5
(Vitor Bueno): Entrou com apenas dois minutos, mais acréscimos. - SEM NOTA
Técnico: Jair Ventura: Finalmente usou um meio-campo com quatro jogadores, com isso ganhou volume. Acertou em começar com Bruno Henrique. - 7,0

strutura.com.br
Leia Mais »

PRESIDENTE FALA EM VENDA DE RODRYGO 99,9% FECHADA. CG DIVIDIDO SOBRE O ASSUNTO

Publicado às 23h35 desta terça-feira, 12 de junho de 2018.
O jovem Rodrygo não viajou para o Rio de Janeiro e é desfalque no Santos para enfrentar o Fluminense-RJ, nesta quarta-feira (13), às 19h, pela décima segunda rodada do Campeonato Brasileiro. O jogador não embarcou com a delegação que viajou no começo da tarde.

"Ficou acordado a venda do Rodrygo para o Real Madrid, ele está em casa aguardando a documentação para assinar e viajar para jogar amanhã. Ele está pronto e quer jogar. A negociação foi feita diretamente entre o Real e o presidente do Santos. Semana passada já teve a troca de minutas de contrato e o real assegurou o valor de 40 milhões ao Santos pelos 80% do clube. Até uma entrevista coletiva do anuncio estava programada.” disse o agente de Rodrygo".
Segundo Arcuri, a família do atleta abriria mão de metade dos seus 20% que tem direito para aceitar os 45 milhões de euros oferecidos pelo clube merengue:
"O Rodrygo foi autorizado pelo Santos para realizar os exames. Foi aprovado." completou.
Em uma das minhas perguntas, questionei até quando o menino, prestes a ser vendido precocemente vai ficar no Santos, já que ele não tem passaporte comunitário europeu e só pode jogar na Liga Espanhola quando completar 18 anos, no dia 9 de janeiro de 2019.
"O acordo é para ele ficar no Santos até a janela do ano que vem. Não queremos que ele se apresente durante o meio da temporada." afirmou Nick.
Presidente Peres falou no #Mais90 sobre a venda de Rodrygo.
Em seguida, a produção do programa colocou no ar o presidente do clube que confirmou que a venda do jogador está bem encaminhada:
"O negócio está 99,9% fechado. Eu recebi um e-mail do Real Madrid agora com a última troca que fizemos da minuta. É preciso ter calma porque temos que encaminhar para o Conselho Fiscal e Deliberativo" confirmou o mandatário.
Porém, pelo que o Blog do ADEMIR QUINTINO apurou, a situação não está tão simples assim. Boa parte do CG não concorda com os moldes da venda e exige que Rodrygo saia apenas pala multa de 50 milhões de euros. Somente dois membros são a favor da venda nos moldes que estão neste momento.

O contrato do camisa 43 foi renovado por cinco anos, em 2017, entretanto, a FIFA recomenda que o primeiro vínculo como profissional, seja apenas de três anos.
"Aconteceu com o Luizão que teve uma lesão e estava vendido para o Borussia Dortmund da Alemanha e entendemos que eles devam estar preocupados com uma lesão, sem ter assinado. É compreensível."disse o mandatário santista.
strutura.com.br
Leia Mais »
 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by