FOTO CAPA

SUPERAÇÃO É A PALAVRA DE ORDEM

Publicado às 21h45 desta segunda-feira, 26 de março de 2018.
Nesta terça-feira (27), às 20h30, no estádio do Pacaembu, o Santos precisa reverter a vantagem do Palmeiras para ir a final do Campeonato Paulista. As equipes voltam a se enfrentar e para o Peixe ir a decisão, precisa se reinventar e se superar. Para isso, é obrigado a vencer por dois gols no tempo normal ou uma vitória simples e nova vitória nas penalidades máximas.

Pelo que o Blog do ADEMIR QUINTINO apurou, nesta segunda-feira (26), véspera do duelo, o técnico Jair Ventura fez com que o time treinasse exaustivamente cobranças de pênaltis. Apesar do time não marcar gols há três partidas e não vencer há seis jogos no estadual (a última vitória aconteceu há mais de um mês - 25 de fevereiro, diante do Santo André), existe bastante confiança no elenco.

O treinador Jair Ventura ao contrário das outras vezes, não treinou o time que vai a campo. Nem mesmo os jogadores sabem a formação que vai a campo no estádio Paulo Machado de Carvalho. Alguns titulares foram inclusive poupados da última atividade, antes de subirem a serra e iniciarem o regime de concentração.

Cittadini, com uma contratura muscular é desfalque certo. O atacante Rodrygo, que não pode começar como titular na rodada passada, em razão de exames de CK apontarem uma possibilidade de contusão muscular se atuasse todo o tempo, tem grandes chances de voltar a formação principal. Na reapresentação de domingo (25), ele também foi poupado do treinamento, visando o confronto deste meio de semana.

O Palmeiras segue favorito e tem a vantagem do empate. Porém, não é possível que o Santos complete a quarta partida sem marcar gol e não tenha a mínima chance de levar a partida pelo menos para os pênaltis.

Claro que a situação é difícil, mas não impossível. Situação desafiadora, onde "meninos" podem se tornar homens de verdade, se conseguirem a improvável classificação.


strutura.com.br

 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by