FOTO CAPA

A PRIORIDADE É O TÍTULO

Postado às 19h10 desta sexta-feira, 31 de outubro de 2014.
O Santos volta a campo neste domingo (2) pelo Campeonato Brasileiro contra o Internacional (RS) às 17h00 na Vila Belmiro. Apesar do compromisso, o pensamento segue sendo na quarta-feira (5) que vem, pela Copa do Brasil, contra o Cruzeiro (MG), no jogo de volta da semifinal.

Nesta sexta-feira (31), o comandante técnico santista - Enderson Moreira tentou confundir e fazer mistério do time que vai a campo no fim de semana. O treinador misturou o time em quatro grupos. 

Na defesa, o zagueiro David Braz que está suspenso, não participou da atividade. Bruno Uvini, o substituiu. Os demais - Cicinho, Dracena e Mena participaram normalmente. Alison e Robinho também ficaram em um grupo distinto e a definição do time titular contra o Colorado deve efetivamente acontecer na última atividade antes da partida contra os gaúchos, na manhã deste sábado (1), no CT Rei Pelé.

Se nenhuma alteração acontecer no treino do sábado, o Peixe pode ir a campo contra o time de Porto Alegre com a seguinte formação: Aranha, Cicinho, Edu Dracena, Bruno Uvini e Mena; Souza, Renato e Serginho; Jorge Eduardo, Gabriel e Rildo.

Arouca, Alison, Lucas Lima, Robinho  devem ser os jogadores preservados para o duelo decisivo contra o Cruzeiro na próxima semana.

O alvinegro tem remotas possibilidades de chegar ao G-4 no Campeonato Brasileiro. A sete jogos do fim da competição, o Peixe está 7 pontos atrás do último dos quatro primeiros colocados, coincidentemente, o adversário deste fim de semana - o Internacional, que tem 53 contra o 46 do Peixe, o oitavo lugar.



Na galera não tem mais

Os ingressos destinados às arquibancadas (cerca de 9 mil), para a segunda partida da semifinal da Copa do Brasil entre Santos e Cruzeiro, na próxima quarta-feira (5), estão esgotados tanto no Portal Sócio Rei, como nas bilheterias.

Só existem disponíveis poucos ingressos para as cadeiras cobertas de fundo e laterais - (R$ 80) e lateral (R$ 100).


Eleições Santos FC - 2014

O candidato a presidência do Santos - José Carlos Peres enviou e-mail ao Blog do ADEMIR QUINTINO, com o mesmo conteúdo publicado em suas redes sociais. Na carta, o presidenciável destaca um perigoso estágio de especulações das chapas concorrentes nas eleições do clube e que vencer o pleito não pode ser algo alcançado a qualquer preço.
"Não faremos composições oportunistas, não negociamos com qualquer grupo. A época de composições programáticas já terminou, haja visto o lancamento das candidaturas" disse Peres em objetiva crítica a união entre Modesto Roma da "Santos Gigante" e Fernando SIlva do "Mar Branco" dos padrinhos Marcelo Teixeira e Luís Àlvaro, respectivamente, que quase aconteceu esta semana.
Outro que também criticou a aliança que não aconteceu entre Fernando Silva e Modesto Roma foi Nabil Khaznadar. O candidato afirmou através do seu twitter que Fernando Silva pegou alguns aliados da chapa "Mar Branco" de surpresa, ao anunciar o acordo. 

Segundo o candidato da "Avança Santos", a chegada de Marcelo Teixeira como aliado de Silva provocou constrangimento e a retirada de alguns apoiadores que são rivais políticos históricos do ex-presidente do clube, e que isso teria provocado o início de uma debandada na chapa do ex-consultor do Santos FC em 2010 e 2011. 

Além de Peres, Modesto Roma, Fernando Silva e Nabil Khaznadar; Orlando Rollo da "Pense Novo Santos" completa a lista dos cinco pré-candidatos a sucessão de Odílio Rodrigues.

Repito, eu, particularmente, não creio que as cinco chapas vão ter a lista com mais de 230 nomes candidatos ao conselho do clube, para serem apresentadas 20 dias antes do pleito, como versa o artigo 34 do Estatuto do clube. 

Blog do Ademir Quintino fez uma série de entrevistas na última semana com todos os pré-candidatos. Faltam 36 dias para as eleições no Santos marcadas para 6 de dezembro. 

                                                   

 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by