FOTO CAPA

VITÓRIA DA HONRA

Postado às 20h10 deste 24 de novembro de 2013
O Santos finalizou praticamente duas dezenas de vezes contra a meta de Diego Cavalieri, mas a vitória veio pelo placar mínimo - 1x0 em cima do Fluminense na cidade de Presidente Prudente. O gol santista foi de Thiago Ribeiro aos 19 minutos da etapa complementar. 

O time santista fez uma apresentação satisfatória e dominou o meio-campo. O alvinegro aproveitou a qualidade técnica horrível do adversário que não deu um chute contra a meta de Aranha na primeira etapa.

Se não fosse a má pontaria dos atletas do Peixe e o árbitro alagoano, o Santos poderia ter aberto o placar ainda na primeira etapa. Cicinho sofreu pênalti de Anderson não assinalado.

Valeu pela vitória e pelo desejo dos três pontos, pois para o time da Vila Belmiro, o campeonato acabou há algumas rodadas. 

Coincidência ou não, os dois tricolores (o paulista e o carioca) foram as equipes que o Peixe conquistou os seis pontos que disputou.

Para o confronto contra o Atlético Paranaense na próxima semana, o volante Arouca é desfalque pois recebeu o terceiro cartão amarelo e vai cumprir suspensão na partida marcada para o dia 1o. em São José do Rio Preto.


FICHA TÉCNICA:
SANTOS 1 X 0 FLUMINENSE
Estádio: Paulo Constantino (Prudentão), em Presidente Prudente (SP)
Data/hora: 24/11/2013 - 17h (horário de Brasília)
Árbitro: Francisco Carlos do Nascimento (Fifa-AL))
Público/Renda: 4.369 pagantes / R$ 115.280,00 
Cartões amarelos: Mena, Arouca (SAN), Digão, Rhayner (FLU)
GOLS: Thiago Ribeiro, aos 19'/2ºT.

SANTOS: Aranha, Cicinho (Bruno Peres), Edu Dracena, Gustavo Henrique e Mena (Emerson, 19'/2ºT); Alison (Alan Santos, 21'/1ºT), Arouca, Cícero e Montillo; Thiago Ribeiro e Geuvânio. Técnico: Claudinei Oliveira 

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Igor Julião, Anderson, Leandro Euzébio e Digão; Edinho (Marcelinho, 23/2ºT), Jean, e Wágner; Rhayner, Rafael Sobis (Biro Biro, 23'/2ºT) e Samuel (Valencia, Intervalo). Técnico: Dorival Júnior.


NOTAS DOS JOGADORES DO SANTOS
Aranha: Expectador de luxo - 6,0
Cicinho: Sofreu um pênalti não assinalado pela arbitragem. Poderia ter apoiado mais no segundo tempo. Cansou- 5,5 
(Bruno Peres): Jogou pouco - sem nota
Edu Dracena: Pouco trabalho. Firme quando precisou - 6,0
Gustavo Henrique: A exemplo de seu companheiro, pouco trabalhou - 6,0
Mena: Quase não apóia. Foi substituído na segunda etapa - 5,0 
(Emerson): Foi mais ousado, apesar de pouco tempo, do que seu antecessor - 6,0
Alison: Sentiu novamente uma lesão muscular - 5,5 
(Alan Santos): Fez o trivial - 5,5 
Arouca: Apareceu como elemento surpresa algumas vezes e deu a assistência no gol de Thiago Ribeiro - 7,0
Cícero: Discreto. Apareceu apenas em duas finalizações, uma em cada etapa - 5,5 
Montillo: Perdeu muitos gols no primeiro tempo. Não é coordenar de jogadas e sim ponta de lança - 6,0 
Thiago Ribeiro: Marcou seu sétimo gol e levou perigo a meta de Diego Cavalieri - 6,5 
Geuvânio: Como diz o comentarista Fábio Sormani, tem muito potencial,rápido, dribla em velocidade, enxerga bem o jogo, mas é frágil na finalização. Defeito que pode ser corrigido. Participou do gol de Thiago ao tabelar com Arouca - 6,0 
Técnico: Claudinei Oliveira: Acertou em manter Geuvânio no ataque. Conheço Claudinei desde a época em que era goleiro da Portuguesa Santista. Confio no seu potencial e acredito que vá amadurecer como técnico de uma nova agremiação - 6,0.

                                              http://www.ademirquintino.com.br
 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by