FOTO CAPA

PRIMEIRO TREINA, ENTRA EM FORMA E QUANDO A FIFA PERMITIR, PODE ASSINAR

Publicado às 08h30 desta terça-feira, 1 de setembro de 2020.
O Santos abriu negociação com o volante Elias. O clube de Vila Belmiro pretende enviar um emissário até a Alemanha, na tentativa de um acordo com o Hamburgo-ALE, para sanar a dívida da compra do defensor Cléber Reis no fim de 2016. Somente assim, o Peixe poderá ter o direito novamente de inscrever novos jogadores. Cuca quer reforços, sendo pelo menos dois meio-campistas. Um deles é o veterano de 35 anos que está sem clube desde dezembro de 2019, quando saiu do Atlético-MG.

Pelo que o Blog do ADEMIR QUINTINO apurou, o alvinegro ofereceu as instalações do CT Rei Pelé e toda a estrutura profissional para o meia que fez sucesso na Ponte Preta, Corinthians, Flamengo e Galo entrar em forma, e assim que o clube conseguisse tirar a ação do Hamburgo na FIFA, assinar um contrato até o fim de 2022 com o atleta. Goiás e Chapecoense também se interessaram pelo jogador. Os salários pelo que apuramos ficariam na faixa de R$ 150 mil com bonificações ao atingir metas.

Até o fim da tarde desta segunda-feira (31), o jogador assinalava como positiva a proposta santista e não será surpresa se o mesmo estiver nesta terça-feira (1), nas atividades do elenco profissional comandado por Cuca.

Os alemães do Hamburgo, por enquanto, estão irredutíveis quanto ao parcelamento ou diminuição da dívida que inicialmente eram 2,5 milhões de euros e hoje com os juros e correção são de 4,5 milhões de euros - R$ 29 milhões. 

Porém, como o Cléber não veio no melhor das condições atléticas imagináveis, o Santos pretende mandar um representante do clube na tentativa de persuasão ao clube europeu.



 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by