FOTO CAPA

INCOMODADO, AUTUORI DEIXA SANTOS NO FIM DO ANO

Publicado às 11h45 desta terça-feira, 19 de novembro de 2019.
O superintendente de futebol, Paulo Autuori é a primeira baixa para a temporada 2020, no Santos. Em entrevista coletiva na manhã desta terça-feira (19), no CT Rei Pelé, o funcionário anunciou que fica apenas até o fim do ano e garantiu que a decisão é em caráter irrevogável. 
"Não sei ele (Sampaoli). A minha decisão é que estarei no clube até dezembro fazendo o meu trabalho. Não há nenhuma possibilidade (de iniciar o ano que vem trabalhando no clube)."
Classifico o profissional como uma pessoa séria e lamento a sua saída. Em poucos meses, começou a nova estruturação da base que passa por mudanças significativas e necessárias, além de ter melhorado e muito, a relação da instituição com o técnico Sampaoli que costumeiramente criticava a gestão com declarações polêmicas e parou de fazer, com o fim da lavagem de roupa suja através da imprensa.

Paulo Autuori é o quarto profissional nesta gestão a ocupar o posto de homem forte do futebol alvinegro em menos de dois anos. O primeiro foi Gustavo Vieira de Oliveira, filho do ex-jogador Sócrates e em seguida Ricardo Gomes. William Machado também trabalhou como gerente. A coincidência nos quatro casos é que todos pediram para sair.

Autuori não escondeu a sua 'decepção' com as discordâncias com a presidência do clube e deixou explícito que elas colaboraram para sua tomada de decisão.
"Sou homem de futebol. Tenho minhas idéias e opinião. Tenho uma imagem que carrego com muito orgulho na carreira. E quando, eu sinto que essas temas (de futebol) são colocados pela figura máxima da instituição de uma maneira na qual eu não concordo, porque eu tenho uma visão totalmente distinta, eu me sinto incomodado. A (minha) decisão é essa. Adoro aquilo que faço, o clube, o ambiente de trabalho, as pessoas, só que eu não posso entender determinados conceitos, a falta de estratégia em determinadas situações." 
Em outras entrevistas, Autuori já havia reclamando da falta de planejamento do clube. Uma delas foi sobre sua opinião da não renovação do contrato do zagueiro Gustavo Henrique. 

Na entrevista coletiva que concedeu há 15 dias, o superintendente já havia 'deixado no ar' que não ficaria e chegou a dizer que 'os incomodados que se retirem'. presidente Peres, em entrevista a TV Gazeta, no último domingo, também pediu o retorno do atleta Cueva ao time, na tentativa de diminuir o prejuízo que terá com o atleta e as declarações não foram bem dirigidas por Paulo.

O alvinegro tem um passivo de R$ 26 milhões a pagar pelos direitos econômicos de Cueva ao Krasnodar-RUS, à partir de março. O atleta foi trazido por empréstimo com a obrigação de compra em três parcelas anuais. Ele está afastado em razão de problemas disciplinares, após se envolver em uma briga em casa noturna da cidade litorânea Ele é o segundo reforço mais caro da história do clube, atrás apenas de Leandro Damião que custou a bagatela de R$ 42 milhões em 2013.
"Divergências consensuais não tem haver com problemas pessoais. Podemos divergir sobre vários assuntos. É o respeito pela liberdade de cada um ser aquilo que é. O problema do Cueva é ultrapassado, com anuência do próprio jogador, ele seria emprestado ao futebol brasileiro e isso não foi aceito naquela altura e logo depois aconteceu aquele problema aqui (referindo-se à briga em que Cueva se envolveu), quando isso tudo poderia ser evitado. Quando ele poderia, ele teve a possibilidade de sair e foi negada essa possibilidade. Só tem uma pessoa pode colocar ou tirar o jogador, em termos técnicos, táticos, comportamentais que é o treinador. Fui treinador até pouco tempo atrás e jamais permiti qualquer tipo de interferências e o comandante tem que ser cobrado pelos resultados, como todos são. Conceitualmente eu não concordo com determinadas situações e tenho o direito de dizer isso, porque senão eu vou passar uma imagem que estou compactuando e sendo passivo em relação a tomadas de decisões.", respondeu  o 'demissionário' Paulo Autuori. 
strutura.com.br
 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by