FOTO CAPA

SÁNCHEZ: "QUERO JOGAR SEMPRE"

Publicado às 11h54 desta quinta-feira, 9 de maio de 2019.
Em razão da maratona de jogos, desgaste físico, a intensidade que exige principalmente na 'marcação alta' tem feito com que o técnico do Santos - Jorge Sampaoli não tem mantido um time base no Campeonato Brasileiro e 'roda' bastante o elenco. O meio-campista Sánchez, um dos mais conhecidos da torcida alvinegra, que foi titular diante do Fluminense, na segunda rodada e ficou no banco diante do Grêmio-RS e CSA (no último sequer entrou no jogo), afirmou em entrevista coletiva que se dependesse do jogador, não tem 'rodízio' não, quer começar como titular em todas as partidas:
Sampaoli tem variações de jogadores para utilizar. Óbvio que me incomoda, quero jogar sempre. Ver de fora não gosto, isso ocorre a qualquer um. Me adapto rápido à situação, ele busca o melhor à equipe, buscando outra característica. Temos que pensar em melhorar. Obviamente quero jogar sempre, mas depende dele. Estou sempre à disposição”, afirmou o dono da camisa 7 do Peixe, na manhã desta quinta-feira (9).
Sem rodada no meio desta semana, Sampaoli ainda não deu pistas de qual time escalará diante do Vasco, domingo, dia das mães, no estádio do Pacaembu, às 16 horas, em jogo da quarta rodada da competição nacional. O Alvinegro é vice-líder ao lado de São Paulo e Palmeiras, todos com 7 pontos em três jogos, atrás apenas do Atlético Mineiro com 9.
Trabalhamos durante a semana, depois ele (Sampoli) decide quem joga. Ele decide para equipe funcionar da melhor forma. Não atrapalha muito. Temos que pensar em jogar sempre, treinar bem para o técnico ver, confiar e colocar entre os 11” disse Pato Sánchez.
Diante do Grêmio, no Sul do país, Sánchez jogou apenas 10 minutos com os acréscimos. Na rodada seguinte contra o Flu na Vila, o jogador que disputou a última Copa, na Rússia, pelo seu país - o Uruguai, começou o jogou e marcou o segundo gol da vitória do Peixe. No último domingo (5), em Maceió, o meio-campista ficou entre os suplentes e não entrou no transcorrer do jogo:
"Obviamente os jogadores não podem bem sempre. É impossível dizer que vou jogar bem sempre, não tenho certeza. Trato de lutar, correr até a última bola. Sempre sinto que tenho responsabilidade dar meu melhor. É uma responsabilidade linda, um termômetro para pensar e dar o máximo. Assumo da melhor maneira, lutando pela equipe e treinar melhor”, finalizou.

COM JANELA EUROPÉIA FECHADA, EX-ZAGUEIRO DO PEIXE TREINA EM MATO GROSSO 

Matheus Guedes deve ir para a Roma-ITA.
O zagueiro Matheus Guedes que deixou o Santos no fim de Março, passa férias com familiares no interior do Mato Grosso. O jovem de 19 anos que não chegou a um acordo com o Peixe para a renovação,  tem propostas de cinco times de quatro países diferentes. Como clube formador, o alvinegro tem uma porcentagem da cláusula de solidariedade em futuras vendas.

Como a janela de transferência da Europa está fechada, o atleta ainda não pode assinar com ninguém do velho continente. Apuramos que o staff de Guedes esteve na Itália há cerca de 15 dias. A Roma demonstra interesse pelo seu futebol desde o ano passado, conforme revelado pelo Blog do ADEMIR QUINTINO. O provável destino do jogador é a capital da Itália, porém, os responsáveis em gerir a carreira do atleta estudam as demais ofertas recebidas.  

Matheus Guedes de 1,95m, canhoto, se destacou nas categorias de base do clube e foi relacionado algumas vezes para treinar e integrar a delegação do profissional do Peixe em vários jogos da equipe em 2017 e 2018. A primeira vez foi com Elano pelo Campeonato Brasileiro, no Maracanã diante do Flamengo. O ano passado foi relacionado por Jair Ventura para os jogos diante de Palmeiras, Ferroviária, Ituano e São Bento de Sorocaba, todos pelo Campeonato Paulista.

strutura.com.br

 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by