FOTO CAPA

MISTO DO SANTOS EMPATA

Publicado às 09h59 deste domingo, 25 de outubro de 2015.
Recheado de modificações, o Santos apenas empatou em 0 a 0, diante do Figueirense, em Santa Catarina, em partida válida pela 32a. rodada do Campeonato Brasileiro. O alvinegro foi beneficiado pela derrota do Palmeiras para o Sport e segue no G-4.

O técnico Dorival Junior poupou diversos jogadores para o jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil contra o São Paulo, na próxima quarta-feira (28), na Vila Belmiro. Thiago Maia com um pequeno edema, Victor Ferraz com dores nas costas e Gabriel, suspenso, nem viajaram para Florianópolis. David Braz e Ricardo Oliveira ficaram no banco de reservas e Paulo Ricardo que seria o primeiro volante sentiu uma indisposição durante o aquecimento e deu vaga a Ledesma.

Com uma equipe totalmente desfigurada e já escrevi aqui, após a derrota contra o Grêmio-RS, e torno a repetir, que o Santos não tem reservas compatíveis com a qualidade dos titulares. Sendo assim, a equipe que foi a campo diante dos catarinenses não teve conjunto, compactação e pouco agrediu. 

Com exceção de Lucas Lima, que até procurou jogo e novamente foi caçado e as boas defesas do goleiro Vanderlei, o time de Dorival Junior errou muitos passes e ficou de bom tamanho, em relação as circunstâncias do jogo, o ponto conquistado.

Não condeno a posição do treinador santista, já que a maratona das partidas é muito grande e os atletas necessitam mesmo de descanso em algumas oportunidades para o momento derradeiro na temporada, que são os jogos finais. Faltam três partidas para o termino da Copa do Brasil e seis para o fim do Brasileiro.

Após o São Paulo pela Copa do Brasil, no meio de semana, o Peixe enfrenta o Palmeiras, no próximo domingo (1), em confronto direto pelo G-4, no estádio Urbano Caldeira na baixada santista, pelo Campeonato Brasileiro.


FICHA TÉCNICA
FIGUEIRENSE 0 x 0 SANTOS
Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Cartões amarelos: João Vitor, Dudu, Suéliton, Fabinho e Thiago Heleno (FIG) Gustavo Henrique e Ledesma (SAN)
Público e renda: 7.634 torcedores / R$ 120.180,00
FIGUEIRENSE: Alex Muralha; Suéliton (Bruno Dybal, 32'/2ºT), Bruno Alves, Thiago Heleno e Juninho; Fabinho, João Vitor (Marcão, 38'/2ºT), Yago e Rafael Bastos (Thiago Santana, 17'/2ºT); Carlos Alberto e Dudu Técnico: Hudson Coutinho
SANTOS: Vanderlei; Daniel Guedes, Werley​, Gustavo Henrique e Zeca; Ledesma (Léo Cittadini, 39'/2ºT), Renato, Marquinhos Gabriel e Lucas Lima; Geuvânio (Neto Berola, 31'/2ºT) e Nilson (Ricardo Oliveira, 25'/2ºT) Técnico: Dorival Júnior

Nilson começou a partida na vaga de Ricardo Oliveira, poupado.

NOTAS DOS JOGADORES DO SANTOS: 

Vanderlei: O melhor do jogo. Fez pelo menos três grandes intervenções e evitou o pior. - 7,5
Daniel Guedes: Não apoiou bem como de costume e deu espaços na marcação novamente. - 5,0
Werley​: Não tem boa saída de bola e se atrapalhou em alguns momentos. - 5,0
Gustavo Henrique: Fez um pênalti que o árbitro e o assistente não viram ao empurrar o adversário na área. Muito bem no alto. - 5,5
Zeca: Bem na marcação, como tem sido nos últimos jogos, mas não apareceu na frente, como no duelo diante do São Paulo, quarta-feira passada. - 6,0
Ledesma: Sem ritmo de jogo, nenhum entrosamento, errou muitos passes e cometeu inúmeras faltas. - 4,5
(Léo Cittadini): Entrou praticamente no apagar das luzes. - SEM NOTA
Renato: Marcou bem e teve que jogar por ele e por Ledesma. - 6,0
Marquinhos Gabriel: Sem ninguém pelo lado esquerdo para fazer tabelas, foi abaixo do que vem rendendo. - 5,5
Lucas Lima: O único que desejou algo. Buscou a bola, sofreu um revezamento de jogadores que lhe bateram, mas não teve ninguém para soltar a mesma e ele deixar em condições de marcar um gol. - 6,5
Geuvânio: Ainda sente a falta de ritmo em razão da ausência de 45 dias. Sofreu um pênalti que o árbitro também não deu. - 5,0
(Neto Berola): Entrou com muita vontade e só. Não conseguiu produzir nenhuma jogada ofensiva interessante. - 5,5
Nilson: Pouco finalizou e não conseguiu fazer o pivô. Teve muitas dificuldades para fazer a "parede". - 4,5
(Ricardo Oliveira): Jogou apenas 22 minutos. Não chegou uma bola sequer em condições do centroavante "matar" a partida. - 5,5
Técnico: Dorival Júnior: Com o elenco limitado, pouco pode fazer. Demorou um pouco pra colocar Ricardo Oliveira e tirar Ledesma que já tinha cartão. - 6,0




ESTREIA

Nesta segunda-feira, dia 26, o Blog do ADEMIR QUINTINO estréia o programa de rádio pela web - "BLOG AO VIVO" em parceria com  a Rádio Virtual.

O programa semanal com duração de uma hora, das 19h00 às 20h00 é mais um canal para o torcedor santista saber de seu clube do coração, com a participação dos personagens alvinegro. 

No programa de estréia o convidado é o técnico Dorival Junior. Para ouvir, basta acessar o nosso site ou baixar o aplicativo que estará disponível no Google Play amanhã.



 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by