FOTO CAPA

'ELIMINABILIDADE'

Publicado às 07h19 desta quinta-feira, 27 de agosto de 2015.
Em uma exibição de gala, o Santos conseguiu sua primeira vitória fora de casa contra um time da série A, em 2015. E não poderia ter sido melhor. Na Arena de Itaquera, o Peixe não tomou conhecimento do líder do Brasileiro e despachou o SCCP na Copa do Brasil. Venceu por 2 a 1 com gols de Gabriel e Ricardo Oliveira em um show de Lucas Lima e está nas quartas de finais da competição nacional.

O técnico da Seleção Brasileira - Dunga, compareceu ao estádio na Zona Leste de São Paulo. E de camarote, pode assistir a maravilhosa apresentação do camisa 20 santista convocado para os próximos jogos do escrete canarinho. O time do "maestro" foi um todo, mas Lucas Lima segurou, distribuiu e foi o grande ícone (ao lado do treinador Dorival Junior) da classificação do atual campeão estadual.

Desde o primeiro minuto, o Santos sofreu pressão, porém se impôs com a marcação na saída de bola e quase não correu riscos. Bastaram 14 minutos, para Lucas Lima em um passe sensacional achar Geuvânio e este a Gabriel e ali estava selada a classificação do Glorioso.

O técnico Tite apostou em Edílson na ala-direita pra marcar Geuvânio. Pobre Tite. Foi um passeio e uma avalanche santista neste setor, principalmente nos contra-ataques. 

E tinha mais. No segundo tempo, desta vez nas costas do outro lateral - Uendel, Marquinhos Gabriel (que havia substituído Gabigol que deixou o gramado com desconforto na coxa) cruzou para o matador Ricardo Oliveira ampliar ainda mais e emudecer a Arena. Ainda deu tempo do SCCP diminuir com Romero, mas já era tarde. Vitória maiúscula do alvinegro praiano.

Duas vitórias, quatro gols marcados e apenas um sofrido. A última derrota do SCCP foi para o Santos, a penúltima também e a antepenúltima também tinha sido.

Mérito de Dorival Junior que em pouco tempo e sem contratações (e sem Robinho) faz do Santos um time competitivo. Os números são irrefutáveis: 11 jogos no comando com oito vitórias, dois empates e apenas uma derrota.

Eliminar o rival na casa deles teve um sabor especial e pela primeira vez, através de um mata-mata, um time elimina os três rivais no mesmo ano. Além do SCCP na Copa do Brasil, o Peixe eliminou o São Paulo e venceu o Palmeiras na final do Paulista de 2015.

Domingo (30), o Santos volta a campo pelo Brasileiro diante do Cruzeiro. Pela Copa do Brasil, aguarda o sorteio da próxima segunda-feira (31) às 12h30 para conhecer o seu adversário.

Gabriel abriu o marcador e matou o duelo aos 14 minutos de partida.

FICHA TÉCNICA
SCCP 1 X 2 SANTOS
Local: Arena Corinthians, São Paulo (SP)
Data/hora: 26/8/15 - 22h
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (Fifa–MG)
Renda/Público: 37.338 pagantes / R$ 2.353.824,50
Cartões amarelos: Felipe, Gil, Bruno Henrique e Vagner Love (SCCP); Lucas Lima e Ricardo Oliveira (SAN)
GOLS: Gabriel, aos 14'/1ºT (0-1); Ricardo Oliveira, aos 19'/2ºT (0-2) e Ángel Romero, aos 27'/2ºT (1-2)
SCCP: Cássio, Edílson, Felipe (Edu Dracena, aos 21'/2ºT), Gil e Uendel; Ralf, Bruno Henrique (Cristian, no intervalo), Matheus Pereira (Ángel Romero, aos 10'/2ºT), Renato Augusto e Malcom; Vagner Love. Técnico: Tite.
SANTOS: Vanderlei, Victor Ferraz, David Braz, Gustavo Henrique e Zeca; Thiago Maia (Leandrinho, aos 26'/2ºT), Renato e Lucas Lima; Geuvânio (Chiquinho, aos 22'/2ºT), Gabriel (Marquinhos Gabriel, aos 18'/1ºT) e Ricardo Oliveira. Técnico: Dorival Júnior.

NOTAS DOS JOGADORES DO SANTOS:
Vanderlei: Sem culpa no gol do time da casa - 6,5
Victor Ferraz: Teve o tempo certo para apoiar e defender - 6,5
David Braz: Como cresce o futebol desse rapaz em jogos decisivos. Já escrevo há muito tempo, quando não inventa é muito bom - 7,0
Gustavo Henrique: Bem colocado, como de costume - 6,5
Zeca: Estava perfeito na marcação, mas deu espaço no gol de Romero. - 6,5
Thiago Maia: Não reeditou as maravilhosas apresentações dos últimos jogos. Também não precisou. Ainda assim, achou Marquinhos Gabriel no lance do segundo gol - 7,0
(Leandrinho): Entrou para ganhar ritmo e compor o quarto homem do meio-campo. - 6,0
Renato: Responsável pelo primeiro passe na saída de bola. Errou alguns poucos passes no primeiro tempo. - 6,0
Lucas Lima: O dono do jogo. Apanhou feito gente grande e a assistência para Geuvânio cruzar no primeiro gol foi digna dos maiores meias da história do futebol. No ponto futuro. Um show à parte. - 8,0
Geuvânio: Acabou com o lado direito da defesa mosqueteira. - 7,0
(Chiquinho): Deu um toque de calcanhar que quase proporcionou um gol do volante Christian. - 5,5
Gabriel: Jogou 15 minutos, finalizou apenas uma vez e matou o duelo. - 7,5
(Marquinhos Gabriel): Bela assistência para o gol de Ricardo Oliveira. - 7,0
Ricardo Oliveira: O que corre, ajuda na marcação pressão na saída de bola adversário, marcou em três jogos de quatro contra o SCCP. Oito gols em 11 clássicos. É o cara. - 7,5
Técnico: Dorival Júnior: O grande responsável pelo momento vivido pelo time. Em poucas semanas deu padrão, organização e sem reforços fez do Santos um time capaz de vencer duas vezes o líder do Brasileiro e esse time pode até não conquistar a Copa do Brasil, mas tem cara de finalista. - 9,0

REUNIÃO COM THIAGO MAIA

Em entrevista a Rádio Capital -1.040 AM, antes do clássico contra o SCCP, o superintendente do clube - Dagoberto Santos afirmou que nesta quinta-feira (27) existe uma reunião agendada para discussão da renovação de Thiago Maia.
"Já nos reunimos algumas vezes e amanhã (hoje) mais uma. Acreditamos e estamos esperançosos que possamos ter uma definição em breve" disse o funcionário alvinegro.
Em entrevista coletiva, após a classificação, o técnico Dorival Junior negou que o Santos tenha feita uma proposta baixa para a renovação do jovem de apenas 18 anos e que o jogador tenha pedido valores acima de R$ 100 mil.
"Temos que ter cuidado com essas notícias mentirosas. Não teve nem proposta oficial ainda, nem do clube e nem do empresário. São inverdades. Tem muita mentira e falsidade dentro de tudo isso", garantiu o comandante técnico santista em tom de irritação.

Apoio: 


 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by