FOTO CAPA

REABILITADO

Postado às 07h58 deste domingo, 27 de Julho de 2014
Dos últimos 18 pontos que disputou, o Santos conquistou 13. Três deles vieram na noite deste sábado (26), quando o Peixe venceu com tranquilidade o Chapecoense por 3 a 0 no Estadio de Vila Belmiro. O resultado levou a provisória terceira colocação no Campeonato Brasileiro, pelo menos até o fim da rodada deste domingo, com 20 pontos. Os gols foram marcados por Rildo, Gabriel e Diego Cardoso.

O alvinegro da Vila começou a partida explorando a velocidade pelos lados do campo. Sabedor que os catarinenses marcavam forte pelo meio, foi assim que venceram o São Paulo, no Morumbi, há uma semana, o técnico Oswaldo de Oliveira pediu aos seus atletas que explorassem as pontas, principalmente o lado-direito nas costas de Rodrigo Biro.  Deu certo. 

O atacante Gabriel que vai desfalcar o Peixe no clássico contra o SCCP, dia 10 de março, no jogo de volta contra o Londrina (PR) - pela Copa do Brasil e no duelo contra o Cruzeiro (MG), dia 17, para servir a Seleção Brasileira sub-20, além de marcar seu 15o. gol na temporada (artilheiro do Santos no ano) e seu quarto gol no Brasileiro, participou dos três gols da partida.

Na próxima quinta-feira (31), com um time de reservas (menos o goleiro Aranha que será titular), o Santos enfrenta o Londrina, no jogo de ida da terceira-fase da Copa do Brasil. Os titulares serão preservados para o confronto de seis pontos do próximo fim de semana contra o Internacional (RS) em Porto Alegre.

SANTOS  3 X 0 CHAPECOENSE
Data/Hora: 26/7/2014 
Árbitro: Pericles Bassols Pegado Cortez (RJ)
Público/renda: 6.962/ R$ 129, 685
Cartões amarelos: Rodrigo Biro (Chapecoense); David Braz e Alison (Santos)
Gols: Rildo (Aos 12'/1ºT), Gabriel (6'/2ºT) e Diego Cardoso (30'/2ºT)
SANTOS: Aranha; Cicinho, David Braz, Bruno Uvini e Mena; Alison (Souza, aos 40'/2ºT) , Arouca e Lucas Lima; Thiago Ribeiro (Geuvânio, aos 38'/2ºT), Rildo (Diego Cardoso, aos 29'/2ºT) e Gabriel. Técnico: Oswaldo de Oliveira

CHAPECOENSE: Danilo; Fabiano, Rafael Lima, Jaílton e Biro; Wanderson, Ricardo Conceição (Abuda, aos 28'/1ºT), Dedé e Neném; Camilo (Leandro, aos 21'/2ºT) e Bruno Rangel. Técnico: Celso Rodrigues

NOTAS DOS JOGADORES DO SANTOS

ARANHA - Duas belas defesas para coroar sua centésima partida pelo Peixe: 7,5
CICINHO - Não vive seus melhores dias. Não apareceu nem no apoio, seu ponto forte5,0
BRUNO UVINI - Bem na marcação, ainda teve tempo de dar um ótimo lançamento para Thiago Ribeiro dar a assistência no gol de Gabriel: 6,5
DAVID BRAZ - Perdeu algumas jogadas de velocidade e distribuiu alguns passes errados na saída de bola no segundo tempo: 5,5
MENAForte na marcação apoiou raras vezes apenas no segundo tempo: 6,0
ALISON - Como de costume muito bem na marcação: 6,0
AROUCA - O arroz com feijão bem temperado. Não fez a rápida passagem do meio para o ataque sua principal característica: 6,0
LUCAS LIMA - Discreto no primeiro tempo, conseguiu colocar o seu promissor futebol em prática na segunda etapa: 7,0
RILDO -Marcou seu segundo gol com a camisa do Santos. No segundo-tempo pouco apareceu até ser substituído: 6,5
GABRIEL - Bem marcado, prova que vem amadurecendo a cada dia. Marcou mais um gol na temporada e participou dos outros dois: 7,5
THIAGO RIBEIROVinha sem jogar há mais de 60 dias e ainda assim deu duas assistências. Deixou o lateral-esquerdo do Chapecoense maluco:7,5
SOUZAJogou poucos minutos: SEM NOTA.
DIEGO CARDOSO - Bem colocado, apareceu na pequena área para fechar o placar: 6,5
GEUVÂNIO - Jogou poucos minutos: SEM NOTA.

                                             http://www.strutura.com.br

 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by