FOTO CAPA

NEYMAR FC

Postado às 20h00 desta segunda-feira, 23 de Junho de 2014.
(*) Felipe Takashi

Ás 70 mil pessoas que abarrotaram as arquibancadas do Estádio Mané Garrincha, em Brasília, viram o Brasil golear Camarões por 4 a 1, garantir a primeira colocação do Grupo A e agendar confronto com o Chile nas oitavas de finais da Copa do Mundo.

E o time de Luis Felipe Scolari começou bem. Pressão avassaladora nos primeiros 20 minutos sobre o adversário africano. E aos 17, Luis Gustavo fez o desarme no campo de ataque, foi até a linha de fundo e serviu Neymar, caixa! 

A seleção dava a sensação que não sofreria grandes riscos. Ledo engano. Depois de marcar o gol, os dois piores jogadores do time, Daniel Alves e Paulinho escancaram suas limitações. O primeiro foi presa fácil para Bedimó que se livrou do lateral direito e cruzou para Matip fazer justiça ao jogo, 1x1. O segundo não participava da partida e quando tocava na bola cedia contra ataques para o adversário. Inaceitável para um volante.

No pior momento do Brasil no jogo, São Neymar livrou a seleção brasileira de todo mal de novo, do mesmo jeito que fazia no Santos comandado por Muricy Ramalho. Golaço em jogada individual. O Brasil foi para o intervalo com o alívio da vantagem.

Na etapa complementar, Felipão corrigiu um dos erros crônicos de sua equipe. 

Tirou Paulinho e colocou Fernandinho. 
Fez como Jesus e transformou água em vinho. 
Melhora significativa no meio de campo canarinho. 
E não demorou muito para o próprio Fernandinho 
Fazer grande jogada e achar David Luiz sozinho 
Para dar assistência à Fred testar com carinho. 

3x1. Virou poesia...

Jogo resolvido, Scolari passou a jogar com placar. 
Poupou Neymar para Willian jogar. 
E o Brasil, liquidou a fatura com quem fez o jogo mudar: 
Fernandinho, que fez um belo gol após passe de Oscar.

4x1. QUE BELEZA!

Mas, a qualidade do futebol brasileiro está longe de ser um poema...




Avaliação aos atletas:

Júlio César: Nada pôde fazer no gol camaronês Nota: 6,0


Daniel Alves: Uma teta. Nota: 4,0


Thiago Silva: Sofreu com a velocidade africana. Mas, foi bem. Nota: 7,0


David Luiz: Falhou no gol, deixou Matip finalizar só. Nota: 6,0


Marcelo: Foi bem na marcação e deu bela assistência para o segundo gol de Neymar. Nota: 7,0


Luis Gustavo: No primeiro tempo teve de jogar por si e por Paulinho. Deu bela assistência no primeiro gol de Neymar. Nota: 7,0


Paulinho: Não jogará mais um minuto sequer nesta Copa do Mundo. Nota: 3,0


(Fernandinho): Não sai mais do time. Nota: 8,5


Oscar: Melhorou muito no segundo tempo com a entrada de Fernandindo. Nota: 7,0


Hulk: Pode jogar mais. Nota: 5,5


(Ramires): Muita vontade. Entrou bem. Nota: 6,5


Neymar: Melhor jogador e artilheiro da Copa do Mundo. Nota: 10,0


(Willian): Jogou pouco. Sem Nota.


Fred: Fez um ótimo segundo tempo. Marcou um gol e participou de outro. Nota: 7,0


Felipão: Demorou, mas tirou o Paulinho. Aleluia. Falta só trocar Daniel Alves por Maicon. Nota: 6,5 

 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by