FOTO CAPA

COMPLICOU

Postado às 21h55 deste domingo, 6 de abril de 2014.
O Santos largou atrás na decisão do Campeonato Paulista de 2014. Na primeira partida da decisão, o Ituano jogou melhor e venceu o Peixe por 1 a 0, com gol de Cristian. O irreconhecível time de Oswaldo de Oliveira perdeu pênalti e não ofereceu perigo contra a meta da equipe de Itu.

Os pouco mais de 27 mil pagantes (público que poderia ser melhor para uma decisão - 37 mil foram colocados a venda) presenciaram uma partida apática, sem vibração da equipe de melhor campanha do campeonato. Com um Santos de meio de campo sem imaginação, o bem armado time de Doriva aniquilou até com facilidade o seu adversário, até então o grande favorito. Cristian abriu o placar aos 21 minutos ao receber a bola do jogo do lado direito do ataque, sem nenhuma marcação. 

O time do interior, não sentiu a pressão da decisão e foi melhor desde o primeiro minuto de partida. A primeira finalização santista aconteceu apenas aos 30 minutos e através de bola parada cobrada por Cícero que em seguida também perdeu um pênalti, aos 33, que poderia igualar o resultado da partida. O camisa 8 já havia perdido outro pênalti. Na oportunidade foi contra o Botafogo, na primeira fase.

Na segunda etapa, o panorama não foi alterado. As poucas exceções foram através de bolas aéreas do pouco talentoso, porém esforçado, Leandro Damião. Foi a segunda partida no Campeonato que o Peixe não marcou nenhum gol. A única até então tinha sido no empate com o São Paulo no Morumbi (0x0).
"O Santos não vai jogar mal duas vezes seguidas. Agora, é trabalhar para corrigir", disse Oswaldo de Oliveira em entrevista coletiva.
No domingo que vem, o Santos precisa vencer por dois ou mais gols de diferença para ser campeão. Uma vitória simples por apenas um gol de diferença e a decisão do estadual será disputada através das cobranças de pênaltis.


FICHA TÉCNICA
ITUANO 1 X 0 SANTOS
Local: Pacaembu, (SP)
Data/Hora: 06 de abril de 2014, às 16h
Árbitro: Rodrigo Guarizo do Amaral
Público/renda: 29.203 presentes/ R$ 1.459.355,00
Cartões amarelos: Dick, Jackson Caucaia (ITU); Neto (SAN)
GOL: Cristian, 20'/1ºT (1-0)
ITUANO: Vagner, Dick, Alemão, Anderson Salles, Dener, Josa, Paulinho (Marcelinho, aos 30'/2ºT), Jackson Caucaia, Esqueridnha, Cristian (Claudinho, aos 21'/2ºT) e Rafael Silva (Gercimar, aos 38'/2ºT). Técnico: Doriva.
SANTOS: Aranha, Bruno Peres, Neto, David Braz, Emerson, Arouca, Cícero, Gabriel (Rildo, aos 13'/2ºT), Geuvânio (Stéfano Yuri, aos 39'/2ºT), Thiago Ribeiro (Alan Santos, aos 23' /2ºT) e Leandro Damião. Técnico: Oswaldo de Oliveira.


NOTAS DOS JOGADORES DO SANTOS

Aranha: Não tinha o que fazer no gol do Ituano. E o resultado só não foi pior graças ao camisa 1 santista que fez duas defesas no segundo tempo, em chutes de Rafael Silva e Claudinho -7,0
Bruno Peres: Não foi mal. Porém, o titular Cicinho fez muita falta já que seu suplente não tem a mesma velocidade e força ofensiva do titular - 5,5
Neto: Não se destacou, mas também não comprometeu - 6,0
David Braz: Foi envolvido quando saiu da grande área no único gol do jogo - 5,0
Emerson: Doriva postou o Ituano para explorar o lado esquerdo da defesa santista. Até tentou algumas poucas jogadas individuais e sofreu faltas em algumas delas. Também foi envolvido no lance do gol- 5,5
Arouca: Desarmou algumas vezes mas foi anulado nas tentativas de puxar contra-ataques, seu forte - 5,5
Cícero: Sumido na partida. Bateu um tiro de meta no pênalti - 4,5
Gabriel: Longe das grandes atuações do início da temporada. Foi bem marcado - 5,0
(Rildo): Mesmo de forma atabalhoada, deu mais velocidade ao ataque. Sua estrela não brilhou como na semana passada - 6,0
Geuvânio: Parece ter sentido o peso da decisão. A exemplo de Gabriel, foi figura discreta na primeira partida da decisão - 5,0
(Stéfano Yuri): Jogou apenas seis minutos - sem nota
Thiago Ribeiro: Dois chutes de fora da área e só - 5,5
(Alan Santos): Entrou na vaga de Thiago para liberar Arouca. Discreto - 5,5
Leandro Damião: Mesmo sem técnica foi o único que procurou algo. Fez o goleiro Vagner do Ituano trabalhar em uma cabeçada - 6,0
Técnico: Oswaldo de Oliveira: Sua estrela não brilhou como na semifinal contra a Penapolense. Fez as três alterações mas não conseguiu alterar o panorama da partida. Ao colocar Alan Santos tentou liberar Arouca e Cícero, porém, não deu certo -5,0

                                                              http://www.strutura.com.br      


Promoções de uniformes do Santos

O torcedor santista que desejar adquirir mantos do clube, tem ótima oportunidade. A Loja Vila do Santos está com algumas promoções,

Veja abaixo, clique nas fotos e compre os mesmos com descontos:



Camisa 12/13 - R$ 49,90 

 Camisa III 13/14 - R$ 49,90 

Camisa azul centenário 12/13 - R$ 69,90  

Blusa treino 13/14 - R$ 69,90  
 Jaqueta- R$ 59,90 

Jaqueta 13/14 - R$ 59,90 

 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by