FOTO CAPA

FALTAM APENAS TRÊS

Postado às 23h44 desta quarta-feira, 26 de março de 2014.
Que o Santos tem o melhor ataque do Campeonato - 43 gols em 16 jogos, um time que tem encantado os olhos do seu torcedor, isto é fato. Mas o técnico adversário, Vadão, não precisava ter ajudado. O comandante da equipe de Campinas mandou seu time pra frente com três atacantes. Resultado: O Santos de Oswaldo de Oliveira teve espaço e atropelou a Ponte Preta. Goleou por 4 a 0 e está em mais uma semifinal de Campeonato Paulista - a oitava nos últimos nove anos. Os gols do Peixe foram marcados por Cícero, Geuvânio, Gabriel e Diego Cardoso (os três últimos todos pratas da casa).


Jogar contra o Santos na Vila Belmiro- 100% nos jogos em casa em 2014 - nove jogos e nove vitórias, sem fechar espaço é suicídio. Desde os primeiros minutos, só dava Peixe e Cícero abriu o marcador após um rebote do escanteio.

Na segunda etapa, Geuvânio - na minha opinião, o melhor jogador do campeonato paulista até aqui - aumentou seu repertório de dribles e a partida ficou ainda mais fácil. A nova versão G10 fez o segundo; Gabriel, o terceiro e ainda deu tempo de Diego Cardoso ampliar.

O implacável Peixe é o time a ser batido, mas em um campeonato eliminatório, uma má jornada pode por tudo a perder. O alvinegro vai enfrentar o Penapolense na semifinal. O time dirigido por Narciso eliminou o São Paulo nos pênaltis. 

Rildo que não enfrentou a Macaca por força contratual deve retornar ao banco de suplentes.

FICHA TÉCNICA:

SANTOS 4 x 0 PONTE PRETA
Vila Belmiro, em Santos (SP)
ÁRBITRO - Vinícius Furlan
SANTOS - Aranha; Cicinho, Neto, David Braz e Mena; Arouca, Cícero, Geuvânio e Gabriel (Alison); Leandro Damião (Diego Cardoso) e Thiago Ribeiro (Alan Santos). Técnico: Oswaldo de Oliveira.
PONTE PRETA - Roberto; Ferrugem, César, Diego Sacoman e Magal; Bruno Silva, Fernando Bob e Adrianinho (Bida); Antônio Flávio, Alemão (Rossi) e Silvinho (Neilson). Técnico: Vadão.
GOLS - Cícero, aos 21 minutos do primeiro tempo. Geuvânio, aos 3 e Gabriel, aos 15, e Diego Cardoso, aos 34 minutos do segundo tempo.
CARTÃO AMARELO - Alison.
RENDA - 280.282,00
PÚBLICO - 10.039 pessoas.



NOTAS DOS JOGADORES DO SANTOS 

Aranha: Praticamente não foi exigido. No segundo tempo foi um expectador de luxo - 6,0
Cicinho: No começo da partida sofreu com Silvinho e Magal. Depois engrenou - 6,0
Neto: O melhor da defesa. Fez sua melhor partida com a camisa do Santos - 7,0
David Braz: Sem grandes recursos técnicos, fez o arroz com feijão bem eficiente - 6,5
Mena: Pouco apoiou. Na defesa foi soberano - 6,5 
Arouca: Não treinou na semana passada e sentiu a falta de ritmo. Ainda assim fez alguns desarmes - 6,0
Cícero: Ótimo finalizador, fez um segundo tempo excelente. Bela assistência no gol de Diego Cardoso - 7,5
Geuvânio: O melhor jogador do Campeonato Paulista. É o dono do time. Habilidoso, bom finalizador e ótimo assistente- 8,0
Gabriel: Muito inteligente. Não foi tão eficiente tecnicamente, mas se desloca muito e confunde a marcação adversária. Também fez um gol - 7,0
(Alison): Marca muito bem. Readquirindo sua melhor forma. Foi apenas sua terceira partida na temporada - 7,0
Leandro Damião: Como disse Oswaldo na coletiva, gosto de duas rodas - lambreta, bicicleta e assim deu um maravilhoso passe no gol de Geuvânio - 7,0
(Diego Cardoso): Predestinado a balançar as redes. Em 18 minutos fez o que Leandro Damião não conseguiu. Marcar um gol. Ainda teve tempo de perder outro - 7,0
Thiago Ribeiro: Não foi o mesmo jogador que em alguns momentos desequilibrou contra o Palmeiras. Melhorou na segunda etapa - 6,5
(Alan Santos): Entrou no fim da partida - sem nota
Técnico: Oswaldo de Oliveira: Fez do Santos um dos times mais fortes do país em apenas três meses de trabalho. Tem o elenco nas mãos - 7,5


A Bola pune

Desculpe a ignorância: 
"Não eram esses meninos que marcaram  gols 40 em 16 jogos que tinham defeito de fabrica, segundo o ex-treinador do Santos -Muricy Ramalho?" 

                                                   http://www.strutura.com.br 

 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by