FOTO CAPA

FREGUÊS

Postado às 07h29 desta quinta-feira, 3 de outubro de 2013
Dentro da oscilação que caracteriza o elenco santista, o Peixe voltou a realizar uma grande partida e lavou a alma do pequeno público que compareceu ao estádio da Vila Belmiro. Mesmo com um jogador a menos, desde os 42 minutos do primeiro tempo (Alison foi expulso), o time praiano afundou a crise do São Paulo e goleou o rival por 3 a 0, com gols de Edu Dracena, Thiago RIbeiro e Léo. 

Desde o primeiro minuto de partida percebia que o time alvinegro estava com uma vontade acima do normal, dividindo bolas, trocando passes e encaixou seu jogo. O adversário, freguês de caderneta, parecia apenas aguardar o momento de levar o golpe final. A vantagem de 1 a 0 na primeira etapa foi pequena tamanho o volume de jogo apresentado pelo time de Claudinei Oliveira.

Na segunda etapa, o temor que com um jogador a menos, o time tivesse que correr mais e cansaria mais cedo, chegou a abalar o torcedor alvinegro, mas aproveitando os contra-golpes e as ótimas jornadas de Cicinho e Arouca, o Peixe ampliou com facilidade o placar.

E os defensores de Muricy? Sumiram?

No próximo domingo (6), o Santos vai até o Canindé em mais um clássico regional enfrentar o bom time da Portuguesa. Aranha (com o terceiro amarelo) e Alison (expulso) são desfalques. Vladimir e Renê Junior deverão ser os substitutos.

Em seis pontos disputados contra o São Paulo no Brasileirão, o time da Vila conquistou os 100% (duas vitórias), provando  que o adversário é mais que um freguês e sim um cliente preferencial há algum tempo.

FICHA TÉCNICA:
SANTOS 3 X 0 SÃO PAULO
LOCAL: Vila Belmiro, em Santos (SP)
DATA/HORÁRIO: 02/10/2013, às 21h50
ÁRBITRO: Ricardo Marques Ribeiro (MG)
Público e renda: R$ 210.816,00/7.788 pagantes.
Cartões amarelos: Cícero, Thiago Ribeiro e Aranha (SAN); Luis Fabiano (SAO)
Cartão vermelho: Alison (42'/2ºT)
GOLS: Edu Dracena, 22'/1ºT (1-0); Thiago Ribeiro, 14'/2ºT (2-0) e Léo, 44'/2ºT (3-0)
SANTOS: Aranha; Cicinho, Edu Dracena, Gustavo Henrique e Mena; Alison, Arouca, Leandrinho (Everton Costa - 22'/2ºT) e Cícero; Thiago Ribeiro (Léo - 25'/2ºT) e Willian José (Renê Júnior - 42'/2ºT). Técnico: Claudinei Oliveira
SÃO PAULO: Rogério Ceni, Douglas, Paulo Miranda, Edson Silva (Aloísio - 15'/2ºT) e Reinaldo; Rodrigo Caio, Wellington, Jadson (Maicon - 27'/2ºT) e Ganso; Osvaldo (Lucas Evangelista - 17'/2ºT) e Luis Fabiano. Técnico: Muricy Ramalho.

NOTAS DOS JOGADORES SANTOS
Aranha: Duas fantásticas defesas. Vai fazer falta domingo - 6,5
Cicinho: Duas assistências nos gols. O melhor do time - 8,0 Edu Dracena:Partida perfeita e de quebra se tornou o segundo maior artilheiro-zagueiro do Santos com 17 gols (atrás apenas de Alex com 20). Deixou o seu gol de cabeça - 7,5 
Gustavo Henrique: Cada vez mais maduro. Anulou Luís Fabiano - 7,0  
Mena: Não ataca, mas marca com uma raça impressionante - 6,5
Alison: Quase pôs tudo a perder em uma entrada desnecessária - 3,5 
Arouca: Cresce contra o seu ex- time. Puxou contra-ataques interessantes - 7,0
Leandrinho: Cobriu os avanços de Cicinho e acertou três ótimos cruzamentos - 6,5
(Everton Costa): Não acrescentou nada - 5,0
Cícero: Foi mais participativo - 6,5
Thiago Ribeiro: Belo gol - 7,0 
(Léo): Estava no local certo para empurrar a bola pra rede no cruzamento de Cicinho - 6,0 
Willian José: Errou todos os chutes de fora da área - 5,0
(Renê Júnior): Jogou cinco minutos - sem nota 
Técnico: Claudinei Oliveira: Armou bem o time com Leandrinho cobrindo Cicinho. Foi feliz na alteração de Léo - 7,5.




 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by