FOTO CAPA

EMPATE RUIM

Postado às 18h52 deste domingo, 27 de outubro de 2013
O Santos apenas empatou no clássico contra o SCCP na cidade de Araraquara - 1 a 1. O gol santista foi do zagueiro Gustavo Henrique na segunda etapa e do adversário foi marcado por Douglas, ainda no primeiro tempo. O resultado foi ruim para as pretensões santistas de ainda "sonhar" com a Libertadores/2014.

A delegação santista chegou ao estádio recebida por pedras atiradas por torcedores do clube da capital (foto abaixo)
Foto tirada de dentro do ônibus do Santos, assim que a delegação chegou a Arena Fonte Luminosa 

Sem Thiago Ribeiro, com um edema na coxa, o torcedor santista teve que assistir o seu ataque formado com William José e Everton Costa.

Os primeiros 45 minutos do time da Vila Belmiro foram de uma apatia espantosa. O meio-campo santista foi atropelado pelo adversário, que mesmo com apenas um atacante, dominou a etapa inicial e mereceu a vitória parcial.

Mesmo sem alterações, o Santos finalmente acordou pro jogo na etapa complementar e empatou a partida com Gustavo Henrique após o atacante Everton Costa dominar de "rótula" e sem querer, deu um passe para o zagueiro marcar seu primeiro gol no Campeonato Brasileiro.

O Peixe ainda teve a bola do jogo no fim da partida. William José achou Everton Costa entre os zagueiros, mas ele conseguiu perder a melhor oportunidade da partida. Como o futebol não tolera esse tipo de desaforo, em seguida, o SCCP colocou uma bola na trave esquerda de Aranha. 

A verdade é que a equipe praiana teve lampejos durante o clássico. Foi muito tímida, pouco agrediu. Com o resultado, o Peixe foi para 44 pontos e no próximo fim de semana enfrenta o líder Cruzeiro na Vila Belmiro.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 1x1 SANTOS
Local: Arena Fonte Luminosa, em Araraquara (SP)

Data/Horário: 27/10/13, às 16h (de Brasília)

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)

Público e Renda: 17.949 pagantes/R$ 587.694,00

GOLS: Douglas, 26’/1ºT (1-0); Gustavo Henrique, 17’/2ºT (1-1)
CORINTHIANS: Walter; Edenílson, Gil, Paulo André e Alessandro; Ralf e Guilherme (Rodriguinho); Edenílson, Douglas, Renato Augusto (Danilo) e Diego Macedo (Pato); Emerson Sheik - Técnico: Tite.
SANTOS: Aranha; Cicinho, Edu Dracena, Gustavo Henrique e Mena (Emerson); Alison, Arouca, Cícero e Montillo (Alan Santos); Willian José (Victor Andrade) e Everton Costa – Técnico: Claudinei Oliveira

NOTAS DOS JOGADORES DO SANTOS
Aranha: Pouco exigido. Teve sorte quando a bola bateu na trave no fim da partida - 6,0
Cicinho: Deixou espaços para Sheik no primeiro tempo. Não conseguiu apoiar - 5,0
Edu Dracena: Seguro. Teve uma oportunidade de marcar um gol de cabeça e colocou a direita do goleiro Valter - 6,5
Gustavo Henrique: Além de ir bem na defesa, ainda fez o gol de empate. Uma das grandes revelações do Santos e do país - 7,5
Mena: Sofreu na marcação na primeira etapa. Deu a assistência para o gol de Gustavo - 6,5
(Emerson): Não comprometeu - 6,0
Alison: Correu sozinho no meio durante o primeiro tempo - 6,5
Arouca: Não alcançou Douglas no gol do SCCP. Não reeditou suas melhores apresentações - 5,0
Cícero: Absurdamente discreto - 5,0
Montillo: Dormiu na primeira etapa e jogou muito no segundo tempo - 7,0
(Alan Santos): Jogou pouco - sem nota
Willian José: Só foi notado ao deixar E.Costa na cara do gol no segundo tempo - 5,5
(Victor Andrade): Jogou menos de 10 minutos - sem nota 
Everton Costa: Perdeu a bola do jogo no segundo tempo. Quando treinador defende atacante afirmando que ele é fundamental "taticamente", pode apostar que é jogador de qualidade técnica sofrível. Já tinha matado uma bola de "queixo" no primeiro tempo. Tem que mandar prender em cárcere privado quem recomendou essa contratação - 3,5
Técnico: Claudinei Oliveira: O time não foi tão mal (principalmente no segundo tempo), mas o treinador poderia ter ousado mais nas substituições, principalmente em razão do cansaço do adversário - 5,5




 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by