FOTO CAPA

UM SANTOS DIFERENTE NO ROUND 2

Publicado às 22:13 deste sábado, 25 de junho de 2022
         

(*) Por Pedro La Rocca

Na noite deste sábado (25), o Peixe voltou à Neo Química Arena, para enfrentar o Corinthians, desta vez pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. A partida terminou em 0x0.

Para a partida, o Peixe não pode contar com o técnico Fabián Bustos, expulso na 13ª rodada. O auxiliar Lucas Ochandorena, comandou a equipe.

Além dele, João Paulo e Zanocelo, suspensos pelo terceiro cartão amarelo, não atuaram. John e Camacho ganharam oportunidade.

A postura de início de partida, já foi diferente em relação à partida de quarta-feira. O Peixe teve mais presença no campo de ataque e, na defesa, conseguiu bloquear os ataques do adversário.

O primeiro tempo do Alvinegro foi de regular para bom, tendo em vista que, o rival pouco exigiu o John e além disso, chegava ao ataque, mas pouco criava.

A falta de criação, se deu pela falta de aproximação dos meio-campistas, que deixavam os 4 atacantes do Peixe, solitários para criar as possibilidades de ataque, o que gerava inferioridade em relação à defesa adversária.

Na segunda etapa, a presença ofensiva foi bem menor. O Peixe, com um claro desgaste físico, abaixou seus blocos de marcação, esperando uma oportunidade para sair nos contra-ataques.

De certo, a retirada de 3, dos 4 atacantes titulares (que estavam bem), fez a equipe, não cair de rendimento, mas sim trocá-lo, pois uma equipe vertical, se tornou mais construtiva (Bruno Oliveira, Rwan e Lucas Pires entraram no setor).

A capacidade defensiva, também caiu na segunda etapa. O John teve de trabalhar mais do que na primeira etapa. Os lances de corredor, que aterrorizaram a defesa Santista na quarta-feira, voltaram a ocorrer nessa partida.

Outro fator que influenciou a melhora do Peixe, nessa partida, foi as mudanças por opção técnica. O Ângelo da outra cara ao ataque Santista, o Baptistão por dentro, como falso 9, consegue fazer um trabalho de aproximação que pouco vinha acontecendo.

Porém o meio-campo, no ponto de vista ofensivo, foi pouco eficiente. Camacho e Fernández poderiam aparecer mais para ajudar o ataque, Ficaram mais presos a defesa.

Isso se deu pela clara estratégia do Peixe para a partida, ao menos não perder. Mas se algumas dinâmicas ofensivas, fossem diferentes, a vitória poderia ser real.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 0 X 0 SANTOS

Competição: Campeonato Brasileiro, 14ª rodada

Local: Neo Química Arena, em São Paulo (SP)

Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza (FIFA-SP)

Cartões amarelos: Roni, Adson, Fagner (Corinthians); Ângelo, Rodrigo Fernández e Rwan (Santos)

CORINTHIANS: Cássio; Rafael Ramos (Fagner), Robert Renan, Raul e Fábio Santos; Cantillo, Du Queiroz (Giuliano) e Roni (Piton); Adson, Mantuan (Willian) e Felipe (Junior Moraes).
Técnico: Vítor Pereira.

SANTOS: John; Auro (Rwan), Velázquez, Bauermann e Felipe Jonatan; Rodrigo Fernández e Camacho (Sandry); Ângelo (Bruno Oliveira), Lucas Braga, Marcos Leonardo e Léo Baptistão (Lucas Pires)
Técnico: Lucas Ochandorena (Auxiliar)

Menino da Vila fez boa partida em sua volta como titular


NOTAS DOS JOGADORES DO SANTOS

John - Bem quando exigido. - 6,5

Auro - Foi constante na defesa, não sofreu. Ajudou pouco no ataque. - 6,0

Velázquez - Em alguns momentos exagerado. Regular no geral. - 6,0

Bauermann - Todas as bolas que vieram, tirou bem. Ótima partida do zagueiro. - 7,0

Felipe Jonathan - Na defesa bem, no ataque razoável  - 6,0

Fernández - Evoluiu durante a partida. Bem na marcação, mal no posicionamento ofensivo. - 6,0

Camacho - Como segundo volante, tinha que aparecer mais para ajudar o ataque. - 5,5

Baptistão - Foi muito bem nas aproximações com os pontas e nas transições com bola. - 6,5

Ângelo - Um craque com a bola no pé, mas pode soltar mais. - 6,5

Lucas Braga - Prejudicado pela falta de aproximação. - 6,5

Marcos Leonardo - Foi pouco abastecido no ataque. A bola pouco chegou limpa para finalização. - 6,0

Bruno Oliveira - Teve a oportunidade no último lance, poderia ter acertar o passe. - 5,5

Rwan - Pouco participou. - SEM NOTA

Lucas Pires - SEM NOTA

Sandry - SEM NOTA

(*) Pedro La Rocca - Estudante de jornalismo e Comentarista na Web Rádio Piabanha 








 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by