FOTO CAPA

RUEDA SOBRE MARCOS LEONARDO: "ESTÁ NAS MÃOS DO STAFF DELE. DA NOSSA PARTE ESTÁ TUDO CERTO"

Publicado às 10h30 desta quinta-feira, 23 de dezembro de 2021.

Autor de quatro gols em três dos jogos, Marcos Leonardo, jovem revelado na Vila foi responsável direto pela melhora da performance do Santos nos últimos jogos do Campeonato Brasileiro de 2021. Porém, com contrato a vencer em outubro do ano que vem, o jogador pode deixar a Vila ao fim do seu vínculo e à partir de abril, já pode assinar com qualquer agremiação um acordo e o alvinegro apenas com o mecanismo de formador do atleta.

Em entrevista EXCLUSIVA ao canal ADEMIR QUINTINO no youtube, na última terça-feira (21), o presidente do Santos, Andres Rueda falou sobre o assunto e disse que a 'bola está com os agentes do jogador'. 

O mandatário preferiu não comentar a informação do BLOG há mais de um mês que entre os pedidos de quem auxilia o jogador para renovação do vínculo com o Peixe de reduzir a multa contratual:

"Não gosto de falar de valores, só gosto de dar informação quando ela está concretizada, continuamos a negociar com ele. Da nossa parte está perto, agora está na mão do estafe do jogador. Ele tem contrato ate outubro de 2022" afirmou.

Rueda fez uma análise e disse que é necessário um tratamento especial com quem assina o primeiro contrato como jogador profissional. O prazo máximo do primeiro vínculo do atleta em formação não poderá ser superior a três anos:

"Temos que tomar cuidado com o pessoal da base, porque o Santos acaba dando vitrine. Investe no jogador e na hora de colher o fruto, acontece esse tipo de problema. Estamos tomando alguns cuidados, o Ângelo tinha mais dois anos de contrato e renovamos. Vamos tentar uma solução boa pro Santos e pro jogador (Marcos Leonardo). O clube gosta dele, ele nasceu no clube. Vamos em busca de um final feliz", disse Rueda.

O presidente santista também falou que o clube vai se reforçar de cinco a seis jogadores e aproveitou o ensejo para dizer que não existe teto salarial no clube.

"Não existe faixa salarial. O que existe é a política, eu não vou fazer compromisso que eu não posso pagar. Não adianta trazer jogador e chegar em fevereiro não pagar a folha. O fato de você ter em dia essas contas. Nosso limite não é faixa salarial e sim capacidade de honrar compromisso", avaliou

Porém, Rueda, afirma que a instituição não pode errar nas apostas que serão feitas. A politica de austeridade financeira, segue no clube: 

"Em 2022 não dá pra pagar salários de 1 milhão, 800 mil, 700 mil, não vou mentir para o torcedor. Não iremos trazer um jogador do nível do Soteldo. Iremos trazer quem conseguirmos dentro da nossa realidade. Jogadores para as posições que foram solicitadas pela comissão técnica."


 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by