FOTO CAPA

VENCER OU VENCER

Publicado às 08h deste domingo, 10 de outubro de 2021.

Não existe outro resultado que interesse ao Santos na tarde deste domingo (10), na Vila Belmiro, que não seja o da vitória, diante do Grêmio-RS. Com os sucessos de Sport-PE e Bahia, diante de Corinthians e Athlético Paranaense, respectivamente, o alvinegro praiano entrou na zona de rebaixamento e ocupa a 18a. colocação do Brasileiro, a frente apenas do adversário de logo mais e Chapecoense. O Peixe não vence há 11 partidas. 

A última vitória do clube na temporada foi diante da Chapecoense, no Sul do país, há mais de dois meses - 1 de agosto de 2021.

Para o duelo diante do tricolor gaúcho que também vive situação 'periclitante', o comandante Fábio Carille, que ainda não venceu a frente do Santos, em cinco jogos, optou por manter o esquema com três zagueiros e faz uma única modificação em relação ao time que empatou com o São Paulo na última quinta-feira (7). Saca Felipe Jonathan e coloca Lucas Braga como ala pela esquerda.

Esta sequência ruim sem vitórias é a pior da história do clube desde 1986. 

A partida também marca o retorno do torcedor santista a Vila Belmiro, após mais de 500 dias. A última vez que o alçapão de Urbano Caldeira recebeu público foi em Março do ano passado, na vitória do alvinegro sobre o Mirassol, pelo estadual daquele ano.

A situação não é nada confortável, como nunca visto anteriormente na história vitoriosa do clube. E será com esse elenco, com esse grupo, somente ele, que pode tirar o Santos dessa situação vexatória que a instituição se encontra na luta pela manutenção na série A.

Sendo assim, peço encarecidamente, pois o momento agora é de união de toda coletividade santista. Agora o foco é único: Torcedor, dê carinho, incentive, aplauda, emane energias positivas para o time dentro de campo. Principalmente, você que estará entre os 4.644 que conseguiram ingresso e presenciarão 'in loco' a partida na Vila mais famosa do mundo, neste domingo (10).

Deixe para fazer algum tipo de protesto, se não gostar do que viu, após o apito final. O momento é critico e só nos resta dar apoio incondicional. Depois, escolhemos os culpados e façamos as análises devidas. O instante é de somar pontos e chegar ao objetivo, os 44 pontos que livram o clube do descenso. 

Um novo empate neste fim de semana, não é o suficiente para sair do Z-4, portanto só o reencontro com a vitória serve.

O Santos vai a campo com  João Paulo; Balieiro, Velázquez e Wagner Palha; Marcos Guilherme, Camacho, Zanocelo, Sánchez e Lucas Braga; Marinho e Léo Baptistão.


 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by