FOTO CAPA

EXCLUSIVO - SANTOS PARCELA DÍVIDA DA COMPRA DE CUEVA E SE LIVRA DE NOVO TRANSFERBAN

Publicado às 19h30 deste sábado, 19 de junho de 2021.

O Santos acertou um acordo com o Krasnodar/RUS, sobre a dívida da compra do meia Christian Cueva. O acordo que deve ser assinado no começo dessa semana é de um montante de US$ 7 milhões (35, 63 milhões de reais) . A informação exclusiva do canal oficial do ADEMIR QUINTINO no começo da tarde deste sábado (19) foi confirmada pelo presidente do clube Andres Rueda Garcia em live do canal da Nagila Luz em perguntada efetuada pelo jornalista Guilherme Lesnok. O clube corria risco de nova penalização de impedimento de contratação de jogador na Fifa.

"Eu só costumo dar a informação somente após a assinatura de contrato, mas com o vazamento da informação seria estranho da minha parte dizer que não e eventualmente amanhã aparecer. A negociação realmente chegou num consenso entre Santos e Krasnodar e está pelo ponto de assinatura. Confirmo para vocês. É um dia feliz para o Santos", disse o mandatário santista.

O presidente alvinegro falou das prioridades das dívidas prioritárias do clube e que neste instante falta acordo apenas com dois credores.

"A gente tinha bem claro dez situações. Entre elas o caso do Hamburgo (com Cléber Reis onde o acordo foi feito no exercício do mandato de Orlando Rollo), tinha o Atlético Nacional (Felipe Aguilar), o Brudge (Luan Peres), o Huachipato (Soteldo), o Krasnodar, as dívidas trabalhistas e tributárias que chegavam em torno de R$ 60 milhões , a dívida com o Bertolucci feito lá atrás e o clube não honrou, existiriam três acordos e não pagaram nem a primeira parcela, além de Doyen e Barcelona. No nosso planejamento previa resolver isso em um ano e pouco. De todos que comentei, vai faltar Boyen e Barcelona (Prioridade de Gabriel Barbosa). Isso vai dar novo alento com esses credores calmos, então 21 e primeiro semestre de 2022 precisamos honrar."

Por fim, o mandatário alvinegro respondeu sobre como o Peixe será ressarcido por Cueva ter saído de forma única e lateral do time no começo do ano passado, já que o clube também foi a Fifa contra o atleta e os mexicanos do Pachuca, solidários na causa. Cueva no momento está no Al Fateh, no mundo árabe.

"A gente está em briga com o Pachuca. Já ganhamos em primeiro instância. Mas uma coisa não tem haver com a outra. O Krasnodar não quis deixar nada veículado. Uma situação é a divída que o Santos tem com eles, pois comprou e não pagou nenhuma parcela e outra é a que o jogador com o Pachuca que o jogador saiu. Digo isso a nível de encontros de contas. O Pachuca será julgada em segunda instância em setembro e outubro homologado em decisão final." finalizou Rueda.


 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by