FOTO CAPA

SÉRGIO GUEDES: "RANIEL DE SEGUNDO VOLANTE E VENUTO PARA INCENDIAR O JOGO"

Publicado às 05h30 desta terça-feira, 21 de abril de 2020.

Ídolo do Santos, no fim dos anos 80 e começo dos anos 90, o ex-goleiro e hoje técnico de futebol, Sérgio Guedes, participou de uma live no nosso canal no youtube na tarde desta segunda-feira (20). Durante mais de uma hora. O comandante técnico vice-campeão paulista com a Ponte Preta em 2008. falou dos tempos que vestia a camisa 1 do Peixe e da Seleção Brasileira, dos projetos na carreira e revelou como lançou dois jogadores do atual elenco santista. Os atacantes Raniel e Lucas Venuto.

Raniel foi lançado por Sérgio Guedes, no Santa Cruz-PE em 2014 com apenas 17 anos. Assim que se destacou pelo time pernambucano na Copa São Paulo, o ex-goleiro santista o levou para o time principal.

Um dos dois únicos reforços do Santos até o momento para 2020, o outro foi o ala Madson, viveu um drama nos últimos dias. Seu filho mais novo - Felipe, de apenas 10 meses, se afogou em uma piscina no dia 23 de março. O bebê foi socorrido ao hospital e chegou a ficar em estado grave na UTI. Porém, neste período, a criança teve uma evolução boa no quadro clínico e recebeu alta na última quarta-feira (15).

Sergio Guedes lançou Raniel e Venuto nos profissionais
Porém, nas mãos de Sérgio Guedes, Raniel era utilizado em outra função - a de segundo volante. 
"Era um jogador que depositavam muita confiança nele desde a base e colocamos ele para jogar. O Raniel era tipo o Sánchez. Se me falarem que vou contar com ele, não vai ser de centroavante. De ponta então é para tirar do time. Ele tem muita força. Ele arrasta, como costumamos dizer no linguajar da bola. Se experimentarem ele vindo um pouco de trás, vão ver. Não precisa dizer que foi o Sérgio (que deu a dica) não. Ele é jogador para jogar atrás da última linha" disse o hoje técnico da Portuguesa Santista.
Lucas Venuto jogou apenas um jogo em 2020
Outro jogador do elenco alvinegro em 2020 que também começou nas mãos de Sérgio Guedes é o ponta Lucas Venuto. O jogador tem apenas cinco apresentações com a camisa santista desde que chegou no segundo semestre do ano passado. Em 2020, atuou apenas uma vez, na derrota para o Ituano. 

Atualmente Venuto tem 24 anos e o atleta foi revelado nas categorias de base do Red Bull Brasil, em 2012. Mal subiu para o time de cima e foi negociado com o futebol austríaco. Sérgio também foi o responsável em dar oportunidade ao então adolescente de apenas 16 anos.
"O Terrorista? O chamava assim porque eu colocava ele no jogo e incendiava o time. É muito rápido. Gosto muito do futebol dele. O Lucas (Venuto) pode ajudar muito o Santos, só que está tendo poucas oportunidades. Ele é um jogador de muita velocidade, que quebra marcação. O Santos poderia vê-lo com melhores olhos.” finalizou.
 strutura.com.br

 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by