FOTO CAPA

CINCO DIAS, DOIS JOGOS, DOIS ESTADOS, DUAS REGIÕES DIFERENTES E UM ÚNICO OBJETIVO

Publicado às 10h39 desta terça-feira, 5 de novembro de 2019.
O ala Victor Ferraz recuperado de uma virose, deve ser a principal novidade na delegação santista que embarca no fim da manhã para dois jogos fora de casa. Nesta quarta-feira (6), às 21h, o Peixe enfrenta o Avaí, em Florianópolis, Santa Catarina e no sábado (9), às 17h, em Goiânia, diante do Goiás. O lateral-direito ficou ausente das duas últimas partidas diante do Bahia e Botafogo-RJ em recuperação.

A virose que o camisa 4 contraiu foi tão forte que causou diarreia e vômitos na véspera do duelo contra o Bahia, na quinta-feira (31) passada. Nesta segunda-feira (4), o atleta deu voltas no gramado com os companheiros e depois retornou para as atividades dentro do CEPRAF (Centro de Excelência e Prevenção de Atletas) no Centro de Treinamento Rei Pelé. O Blog apurou que o jogador viaja com o grupo.

O Peixe concentra na noite desta terça-feira (5) na capital catarinense, joga na Ressacada amanhã e na quinta-feira (7) treina pela manhã no CT do Avái e em seguida parte para Goiânia. Na sexta (8), à tarde, treina No CT do Atlético Goianiense e no dia seguinte enfrenta o Goiás com retorno a São Paulo previsto para manhã de domingo (10).

No primeiro turno, o alvinegro venceu os catarinenses por 3 a 1 e o esmeraldinos por impiedosos 6 a 1.

Existe a possibilidade de pela primeira vez na competição, o técnico Jorge Sampaoli repetir o time que goleou o Botafogo-RJ. Em relação a vitória diante do Bahia, apenas Pituca que retornou de contusão no tornozelo foi a novidade. 

Porém, na última atividade antes do embarque para o Sul do país, o técnico Sampaoli sacou Evandro e promoveu a entrada de Felipe Jonatan. Se tiver alguma alteração será neste setor. 
Estou muito feliz com o que o time fez em 11 meses. Não só pelos pontos, mas pelos jogadores. Sempre estivemos entre os primeiros. Um jogo como esse (diante do Botafogo-RJ) emociona, porque a equipe poderia ter feito cinco ou seis gols. Foi muito superior. Não diminui nunca e não cede nunca o ataque por nada. É um time que representa o Santos, a eles e muito bem a cidade. Esse tipo de partida é o que nos entusiasma. Não negociar a forma de jogar que nos trouxe até esse lugar.”, disse o treinador em sua entrevista coletiva no final da partida do último domingo (3).
O Peixe deve ir a campo com Everson; Pará, Gustavo Henrique, Lucas Veríssimo e Jorge; Pituca, Felipe Jonatan (Evandro) e Sánchez; Marinho, Sasha e Soteldo.

O alvinegro segue na terceira colocação do campeonato com 55 pontos, seis pontos na frente do São Paulo (4º colocado) e cinco atrás do Palmeiras (vice-líder).

strutura.com.br

 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by