FOTO CAPA

NÃO COBRE MATURIDADE DE ADULTOS EM ADOLESCENTES

Publicado às 17h11 deste sábado, 26 de novembro de 2016.
O texto abaixo, era apenas para as minhas redes sociais. Não pretendia escrever no Blog. Mas me incomodou muito alguns comentários. Pelo menos metade deles em meu facebook e twitter, questionam a provocação feita por alguns jogadores do sub-15 do Santos que imitaram porcos na comemoração, após o terceiro gol santista que dava, naquele momento, o título aos meninos da Vila.

Vamos por partes. Primeiro, tenho comigo que revelar jogadores é o fundamental. Se puder revelar ganhando, melhor ainda, mas não será em uma decisão, na categoria de base, que o futuro de cada um desses atletas estará definido. 

Após dois empates com o Palmeiras (2 a 2 na Vila e 3 a 3, neste sábado (26), em São José dos Campos), o Santos ficou como vice-campeão Paulista da categoria. O time dirigido por Luciano Santos quebrou o recorde de 107 gols em 30 jogos. 

Não vou ser hipócrita, eu desejava o título, como todos que acompanharam esses meninos talentosos durante o ano, também queriam, mas o time da capital foi valente e empatou o jogo com seu futebol força, a cinco minutos do fim da decisão.

Foram dois ótimos jogos, com propostas diferentes das equipes e ambas terminaram empatadas. 

Fica a certeza que o time da Vila Belmiro privilegia a técnica, tanto que tem sete (7) jogadores na Seleção Brasileira. 

Eu, particularmente, classifico como excelente, o trabalho desenvolvido pelo técnico Luciano Santos, o preparador físico Luiz Fernando Xavier, o coordenador Nenê Belarmino, o auxiliar Jeffinho, teve o Diogo Alves como auxiliar (durante parte do campeonato), Valtinho, o preparador de goleiros e todos que trabalham na base alvinegra e levaram o time a terceira decisão seguida de estadual, na categoria, estão na semifinal da Paulista Cup de clubes sub-14 e foram campeões da Copa Zico, só em 2016. 

A campanha um pouco melhor do rival, na fase de classificação, deu o título ao time paulistano. Mas no caminho desses jovens tem muita coisa para acontecer ainda.

Agora, o que mais me incomoda é o que escrevi no primeiro parágrafo. As críticas aos garotos por imitarem um porco. Gente, são meninos ainda. Não dá para cobrar maturidade de adultos neles. E outra, se não se divertirem agora, quando farão isso? 

Na semana passada, um menino do sub-13 do Palmeiras pescou um Peixe. Mas como venceram, ninguém lembra.

Não, não estou passando a mão na cabeça de ninguém. Sim, eu também creio e conhecendo o comandante deles, tenho convicção, vão ser chamados a atenção, agora fazer disso uma sentença, repito, com jovens de 14 e 15 anos, eu não concordo.

A propósito, apesar de não conquistar o campeonato, o trabalho é bem feito e estou a vontade para dizer porque diversas vezes me desloquei da minha residência, por conta própria, não foi a trabalho, para ver esse time jogar tanto no CT Rei Pelé, como fora da baixada e não foi nem uma, nem duas vezes. Quem gosta de futebol bem jogado, observou em diversas partidas dessa equipe muitas variações de jogadas, movimentações constantes, jogam com e sem a bola, de uma postura sensacional. 

Para finalizar, os adultos erram e muito, até quando julgam meninos. Atire a primeira pedra quem nunca errou. Chamar a atenção, sim, agora serem condenados como estão sendo, não!


 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by