FOTO CAPA

SEM BRASÍLIA, MAS EM CUIABÁ

Publicado às 20h16 desta quinta-feira, 6 de novembro de 2014.
Sem garantias bancárias e com o prazo a se encerrar nesta quinta-feira (6), para comunicar a CBF, a diretoria do Santos não vendeu o jogo contra o Cruzeiro, pelo Campeonato Brasileiro, dia 16 deste mês, para um grupo de empresários que desejava levar a partida para a cidade de Brasília. 

A proposta era levar o jogo para o estádio Bezerrão, do Gama-DF. Além disso, a Polícia Militar de São Paulo solicitou que o jogo não fosse mais realizado no estádio do Pacaembu, pois o seu efetivo estará disponível apenas para São Paulo e Palmeiras, que se enfrentam na mesma data, às 19h30, no Morumbi.

Com isso, a direção alvinegra trouxe novamente o repeteco da semifinal da Copa do Brasil para o estádio da Vila Belmiro. Sendo assim, santistas e cruzeirenses se enfrentarão novamente 11 dias depois, no mesmo estádio.

Em compensação, o confronto entre Santos e São Paulo em Cuibá-MT, com mando do Peixe, dia 23 de novembro, está praticamente confirmado. O Peixe aguarda apenas a confirmação do depósito de 50% do valor total de R$ 1 milhão, valor líquido que o clube da baixada irá receber que é maior do que todo montante que o time recebeu em todo o Campeonato Brasileiro, para enviar a solicitação a CBF e confirmar o duelo para a Arena Pantanal.


Eleições/2014 

O associado do Santos que desejar votar na cidade de São Paulo deverá registrar essa intenção até o dia 21 de novembro, na Secretária Social do clube ou através do site http://www.santosfc.com.br/eleicoes2014/ 

As urnas para as eleições do Santos FC em 6 de dezembro, na capital, estarão na sede da Federação Paulista de Futebol no bairro da Barra Funda.


                                                         


 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by