FOTO CAPA

PREMONIÇÃO

Publicado às 23h18 desta quinta-feira, 26 de janeiro de 2017.
(*) Por Janaína Santista

Todos me conhecem como santista e pelo meu amor ao Santos. E, por esse amor pelo alvinegro praiano, tive a oportunidade de conhecer excelentes pessoas. A lista de pessoas que cruzaram o meu caminho e das quais guardo profundo apreço e admiração é extensa, pois aprendi desde cedo a reconhecer todos aqueles que tornam o nosso percalço facilitado. E foi assim que começou a minha história com o Ademir Quintino.

Para que se tenha um diálogo são necessárias duas pessoas ao menos. Para que se ouça uma narrativa é preciso que alguém esteja disposto a ouvir. Para que se processe uma aprendizagem, é preciso trocar ideias e experiências. Muitas pessoas optam por atrelar o sucesso ao distanciamento, em um raciocínio no qual, quanto mais distante estou do público, que me projeta, mais próximo estaria de um status de celebridade.

Algumas pessoas são diferentes. Uma delas é o Ademir Quintino. O Ademir é daqueles que entendem que os seus leitores e seguidores são parte da construção de sua própria história. E, a partir desse entendimento prévio, se enxerga como homem comum e vê no homem comum o segredo para inspirar-se nos instantâneos da vida cotidiana. Pois, como bem destacou o mestre Nelson Rodrigues,  “há duas pessoas inteligentes em nosso futebol: o craque e o torcedor.”.

Quem valoriza a ótica do torcedor e o prestigia é também para mim  um ser inteligente. É esse aprendizado que tenho tido no cotidiano com o Ademir. Já houve momentos em que o Ademir ocupado, parou, por um instante, para responder a um questionamento ou partilhar a sua opinião. O Ademir sempre teve tempo para mim. Eu, que para ele, sou uma simples torcedora anônima,  sempre fui prioridade, diminuindo o abismo que comumente presenciamos entre imprensa e torcedor, como se a primeira dispusesse de um mérito que lhe incutisse algum caráter de autoridade sobre o segundo.

E vamos ao caso do dia de ontem. Seguindo as redes sociais e o próprio Ademir, soube que o Esporte Interativo transmitiria a partida do Santos do próximo sábado. De modo natural e já sabendo que Ademir Quintino passara  a integrar a equipe do EI como comentarista do programa +90, julguei que o canal seria inteligente e anteciparia a estreia do jornalista como comentarista no jogo do  Santos  com o Kenitra, do Marrocos.

O Ademir Quintino, sempre correto, me corrigiu e apontou o lapso. Eu, um pouco insatisfeita, retifiquei as menções indevidas (será?). Eis que hoje sou surpreendida pela notícia de que o nosso Ademir estará participando deste início de temporada santista como comentarista, na cobertura do amistoso pelo Esporte Interativo. Ele, sempre cuidadoso, brincou com a situação: “Mil perdões, você previu o futuro.”. Só que eu não previ o futuro, foi você Ademir quem construiu o seu, nos revelando que é possível ser um excelente profissional, premiado e, ainda assim (ou sobretudo) ser próximo do torcedor.

Santos e os marroquinos do Kenitra se enfrentam, sábado (28), no estádio do Pacaembu e o Esporte Interativo transmite o amistoso para todo país, à partir das 18h15. André Henning narra e Ademir Quintino comenta  ao lado de Mauro Beting. O setorista do Santos que ia estrear somente na segunda-feira (30), teve a sua apresentação antecipada para este fim de semana.

Sucesso e colha os frutos do seu trabalho  árduo!

(*) Janaína Santista é blogueira esportiva, escrevendo opiniões e postagens temáticas sobre esportes, futebol e Santos FC. Tem interesse na produção coletiva de conteúdo, sobretudo relacionado ao Santos, ao futebol feminino e ao futebol do interior. e-mail: contato@janainasantista.com


PARCIAL DE INGRESSOS

Até o fim desta quinta-feira (26), o Blog do ADEMIR QUINTINO apurou que apenas 4.330 ingressos antecipados foram vendidos para a primeira partida do Peixe na temporada, sábado (28), no Pacaembu, diante do Kenitra de Marrocos.


 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by