FOTO CAPA

A CHANCE DE LONGUINE

Publicado às 11h31 desta sexta-feira, 11 de março de 2016.
Após vencer o clássico contra o rival SCCP, o Peixe volta a campo como mandante, neste sábado, às 18h30. Entretanto, o alvinegro não atuará na Vila Belmiro, e sim, no próprio da municipalidade paulistana, o simpático e melhor estádio localizado na capital paulista - o Pacaembu. O líder do Grupo 1 e vice-líder no geral, o Santos, enfrenta o Água Santa, de Diadema com transmissão da Rádio Capital - 1.040 AM.

O técnico Dorival Junior não terá o futebol de Lucas Lima, suspenso pelo terceiro cartão amarelo recebido na última rodada. O meio-campo Rafael Longuine será o escolhido para substituí-lo. Será a única alteração em relação ao time que venceu no fim de semana passado. 
"O Longuine tem outra característica, tem treinado muito bem, tínhamos outras opções, mas optamos por ele pelo momento que vem vivendo." disse Dorival em entrevista coletiva na manhã deste sexta-feira (11).
Longuine atuou até aqui 15 vezes com a camisa do Peixe. Em 2016, entrou em duas partidas das que o time realizou. Ainda não convenceu a comissão técnica, a torcida e tem uma ótima oportunidade neste sábado (12).

Até o fim da tarde de quinta-feira, 5.850 ingressos foram comercializados para a partida. As vendas prosseguem nesta sexta-feira e sábado.

O Alvinegro vai a campo com Vanderlei; Victor Ferraz, Gustavo Henrique, Lucas Veríssimo e Zeca; Renato, Thiago Maia, Serginho e Rafael Longuine; Gabriel e Ricardo Oliveira.

O Peixe tem 15 pontos em oito partidas. Foram quatro vitórias, três empates e apenas uma derrota.

Na terça-feira (15), em Piracicaba, num jogo antecipado da 11a. rodada, o Santos volta a campo e enfrenta o XV, no estádio Barão de Serra Negra, às 19h30.


TRANSPARÊNCIA

O conselheiro Wladimir Mattos é da Santos 100 Fronteiras
Com 52 assinaturas de conselheiros de diferentes grupos políticos no Santos, foi protocolado na reunião do Conselho Deliberativo do clube, na noite desta quinta-feira (10), um pedido, solicitando a realização de uma reunião extraordinária dos conselheiros para tratar dos muitos requerimentos entregues, mas não respondidos pela Diretoria Executiva.  
"É a prova que ainda existem conselheiros diligentes, preocupados em não ver repetir no clube os erros cometidos nas gestões anteriores. Já nos basta os devaneios de dirigentes pretéritos que deixaram uma herança absurda para o clube" bradou o conselheiro e pré-candidato a vereador em Santos - Wladimir Mattos pertencente a Associação Santos 100 Fronteiras que capitaneou a solicitação.
Mattos ainda completou sobre a reclamação:
"Aos críticos, fique claro que não nos permitimos outro comportamento que não seja o de isenção e equilíbrio nas atitudes que julgamos importante para um bem maior , o Santos Futebol Clube"

 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by