FOTO CAPA

MODESTO CRITICA BOATARIA

Publicado às 14h05 desta quinta-feira, 22 de janeiro de 2015.
O presidente do Santos, Modesto Roma Júnior, concedeu a primeira entrevista com os setoristas que cobrem o dia a dia no clube e pretende fazer a cada 15 dias. Entre uma afirmação e outra, o novo mandatário disparou contra a central de boataria que o clube sofre nos últimos dias.
"A primeira coisa do planejamento é o fim da fofoca. Estamos criando fatos de fofoca e de desinformação. Parei de entrar no Facebook em 13 de dezembro. Sabe porque? Um monte de desinformação, pessoas inventando." garantiu.
O presidente santista é formado em Comunicação Social e demonstrou insatisfação com algumas informações que ele disse ter observado. 
"Enquanto a imprensa der ouvidos a boato, nós vamos viver como uma imprensa amadora e vocês são profissionais. Não dá pra ficar baseando informação em boato. Inventar notícia é coisa de estágiário e que começa muito mal a carreira. Não vim anunciar cereja de bolo e nenhuma demissão. Vamos conversar em cima de verdades e não especulação. Tem gente com fonte muito ruim." disparou.
Modesto Roma Junior também disse que o décimo-terceiro dos funcionários foram pagos.
"Pagamos, sim. Conseguimos pagar ontem à noite o décimo-terceiro. Vamos pagar, muito brevemente, o próximo mês e vamos colocar tudo em dia" garantiu. O décimo-terceiro do elenco profissional e comissão técnica ainda não foram pagos e a previsão é de que até o fim do estadual tudo será quitado parceladamente.
Nem mesmo os jogadores que deixaram o clube escaparam dos comentários. Principalmente o goleiro Aranha.
"Acho que não cabe a ninguém ficar chateado se o Santos vai atrás de outros jogadores. Da mesma forma que nós tínhamos um goleiro, foi substituído por outro, que vai ser substituído por outro, e assim caminha o futebol" cutucou Modesto Roma Junior.
O presidente eleito em dezembro falou dos números que serão economizados com salários de jogadores que deixaram o clube como Souza, Arouca, Aranha e Leandro Damião, entre outros.
"O Santos vai diminuir a folha salarial em R$ 33.523.541,30 no ano. E vai gastar com as contratações que fez 9.557.392,00. Dá um saldo de R$ 23.966.149,30 tudo isso nesses últimos 21 dias", afirmou. 
Quanto aos mandos de campo durante a fase de classificação do Campeonato Paulista que começa dia primeiro, o alvinegro vai realizar três partidas em praças alternativas, sendo uma na capital. Dos oito jogos, o Peixe vai realizar cinco confrontos na Vila.
"Vamos jogar uma vez no Pacaembu, uma em São José dos Campos e outra provavelmente em São José do Rio Preto. Os jogos serão contra Red Bull, Linense e Audax" anunciou.
Sobre a crise econômica e financeira sem precedentes que a insituição atravessa, o presidente alfinetou outros clubes que chegaram a disputar a série B do futebol nacional, algo que não aconteceu com o time de Vila Belmiro.
"Mutos clubes viveram crise grande, inclusive de elenco, principalmente quando caíram para a segunda divisão. O Santos está conseguindo superar a crise na primeira divisão"  disse.


RESCISÃO DE MENA NO BID

A rescisão contratual do lateral Mena que conseguiu liminar pra deixar o Santos já está no BID. O Santos pode recorrer se assim desejar. 

O jogador que mantinha contatos com o Dínamo de Kiev não apareceu na Ucrânia durante a semana para finalizar as tratativas. O Cruzeiro e o Boca Juniors - ARG desejam seu futebol.

 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by