FOTO CAPA

CONSELHEIRO QUER EXPLICAÇÕES

Postado às 06h57 desta quarta-feira, 5 de Junho de 2013
O ex-vice-presidente e atual Conselheiro do Santos Futebol Clube, José Rubens Marino, solicitou por escrito e enviou ao presidente do Conselho Deliberativo do clube, Paulo Shciff, uma série de questionamentos sobre a venda do atacante Neymar ao Barcelona/ESP. Para Rubens Marino, “a coletividade santista merece saber os detalhes da negociação que foi compromisso de campanha da atual gestão”. O blog teve acesso ao pedido de explicações enviado e publicamos (abaixo) na íntegra.

Muitos torcedores e conselheiros do Santos não digeriram a informação postada no site oficial do Barcelona, onde o vice-presidente do clube catalão, Josep Maria Bartolomeu, afirma que o ex jogador santista recebeu adiantamento de 10 milhões de euros (R$ 28 milhões), a partir de novembro de 2011, ou seja, antes mesmo da final do Mundial de Clubes, onde os espanhóis venceram por 4 a 0 e ficaram com o título.

Além disso, Rubens Marino exige a transparência nas informações por parte do Santos que sofre ameaça de novo processo por parte da DIS, que adquiriu 40% de Neymar ao comprar a fatia da família do jogador e segunda à empresa, os dirigentes alvinegros informaram valores diferentes dos espanhóis, que divulgaram terem gastos 57 milhões de euros, (cerca de R$ 158 milhões e retirando os 10 milhões adiantados, sobrariam 47 milhões de euros) e o clube praiano teria dito aos funcionários da empresa de Delcir Sonda, que Neymar foi vendido apenas por 17 milhões de euros. 

Segue abaixo, a íntegra da solicitação de explicações do Conselheiro José Rubens Marino:
Prezado Presidente Paulo Schif:Pela Confiança Que tenho V.Exa., Solicito abaixo as providências: 
1- A Transação de Neymar precisa ser colocada para a Sociedade Santista com toda a clareza, pois, foi nosso compromisso de campanha.
2- Pelas informações da mídia, a DIS está ameaçando o Santos FC em um novo processo (que tem de ser evitado).
3-  Os 10% a favor do Sr. Neymar (Pai) de Comissão, nunca foi esclarecido ao Conselho Deliberativo.
4-  O Barcelona informa que pagou ao Neymar 10 milhões de euros em novembro de 2011, justamente as vésperas do Mundial do Japão e que o presidente do Santos teria dado autorização para uma assinatura de pré-contrato, Muito estranho. 
5- O Santos tinha vários funcionários seus a serviço do Neymar em Barcelona, o que é irregular, já que o atleta não tem mais direito deste assessoria pago pelo Santos F.C.
Presidente se for necessário com Vossa autorização, defenderei em plenário a Ida da Comissão Fiscal a Barcelona para ter todas as informações sob a verdade do excepcional atleta Neymar. 
Esclareço que o Conselheiro Otávio Adegas, ex-presidente do Conselho, não satisfeito com as informações a época na transação do atleta Argel, vendido ao FC Porto (1999), autorizou o envio da Comissão Fiscal a Portugal para esclarecimentos , pois os portugueses deram a saída de U$ 3,5 milhões e o Santos não comunicou o pagamento de comissão a um agente do Rio de Janeiro (não lembro o nome no momento). 
Presidente tenho a certeza de suas providências e fico no aguardo destas respostas.
Saudações Alvinegras
José Rubens Marino


Curta a Fan Page do blog:

           


 

Copyright © Ademir Quintino All Rights Reserved • Design by